Arquivo da tag: aposentado

Morre Zé dos Montes, aposentado que construiu castelo por 36 anos em Sítio Novo, no Agreste do RN

Morreu na segunda-feira (6) o aposentado José Antônio Barreto, ou simplesmente Zé dos Montes, aos 88 anos. Criador do Castelo Zé dos Montes, um dos monumentos mais famosos do Rio Grande do Norte, localizado em Sítio Novo, o sargento aposentado do Exército foi sepultado na manhã desta terça-feira (7) em Natal.

A cerimônia modesta e silenciosa foi restrita a alguns familiares por causa dos protocolos de contenção da Covid-19, contrastando com o legado deixado por Zé. O aposentado teve uma morte natural e descansou após ter enfrentado dois AVCs, problemas cardíacos e falência respiratória ao longo dos 88 anos de muita história.

Zé seguiu carreira militar até a aposentadoria na década de 1980, quando passou a se dedicar exclusivamente a construção do castelo. Nascido em São José de Mipibu, na Região Metropolitana de Natal, Zé se criou em Pedro Avelino e também morou em Natal, mas foi em Sitio Novo que o sargento reformado firmou sua fortaleza.

Construção começou em 1984 — Foto: Canindé Soares

Construção começou em 1984 — Foto: Canindé Soares

A obra faraônica erguida no meio das serras do Agreste do Rio Grande do Norte começou a ser construída em 1984 após uma visão espiritual, que Zé afirma ter recebido. Nela, uma senhora de vestido azul se revelou ao menino de 8 anos que apanhava lenha em um monte. Nesse momento nasce o projeto pelo qual José Antônio Barreto seria eternizado como Zé dos Montes.

Antes, Zé tentou dar forma a visão celestial em dois bairros de Natal: Igapó e Quintas. Porém, a ideia não prosperou porque ele sentiu que os lugares não eram apropriados para o castelo. Depois de muita peregrinação, Zé chega a Sítio Novo e encontra na Serra de Tapuia o terreno ideal para o castelo, cujo projeto estava todo desenhado na cabeça depois de 13 visões com a mulher de vestido azul.

Desafiando engenheiros e arquitetos, Zé iniciou a construção da sede do seu “reinado” – que tem mais de 100 compartimentos – sem nenhum projeto no papel. “Foi tudo da cabeça dele”, dizem familiares. O militar-engenheiro-profeta se dedicou a construção até os últimos anos de vida. Foram 36 anos de obras do monumento que ainda não tem data para acabar.

Zé dos Montes tinha 88 anos — Foto: Arquivo familiar/Cedida

Zé dos Montes tinha 88 anos — Foto: Arquivo familiar/Cedida

A finalização do “reinado” ficará por conta do filho de Zé, o empresário Joseildo Gomes. “O castelo tem algumas coisas para reparar e outras para construir. Ele é tão grande que nem eu sei direito quantos compartimentos tem, mas vou fazer de tudo para continuar a missão do meu pai. Vou dar meu sangue para que a história dele não seja apagada e para que todos conheçam a pessoa que ele foi e o legado dele”, conta.

Joseildo trabalha como guia do castelo, que colocou a cidade de Sítio Novo na rota turística do RN. “A ideia do meu pai era fazer o castelo por causa da visão e não que ele virasse um ponto turístico, mas isso inevitavelmente aconteceu. O castelo chamava atenção do povo e ele começou a cobrar ingresso, justamente pra ver se as pessoas paravam de vir. No entanto, aconteceu o contrário”, diz Joseildo.

Joseildo no aniversário de 87 anos do pai Zé dos Montes — Foto: Arquivo familiar/Cedida

Joseildo no aniversário de 87 anos do pai Zé dos Montes — Foto: Arquivo familiar/Cedida

O filho de Zé dos Montes foi adotado quando tinha 4 anos e acompanhou toda a trajetória do pai pela realização do sonho do castelo. “Ele construiu uma história linda. Me criou, não deixou faltar nada. Quando tentavam me menosprezar por ser filho adotivo, ele repreendia. Sempre me senti muito acolhido e abraçado por ele. Era um afeto sem tamanho”, lembra o herdeiro do castelo.

O Castelo de Zé dos Montes está fechado para visitações por causa do novo coronavírus. As visitações estão suspensas e serão retomadas nas próximas semanas, a depender do comportamento da pandemia. O monumento fica em uma serra entre os municípios de Sítio Novo e Tangará, a cerca de 100 quilômetros de Natal.

G1

Aposentado de 69 anos é assassinado a tiros na frente casa, no Sertão da PB

Um aposentado de 69 anos, identificado por Antônio da Silva Oliveira, foi morto quando estava sentado na calçada de sua residência, em Brejo dos Santos, na noite desta sexta-feira (20). Segundo informações dos vizinhos a Polícia Militar, dois homens teriam chegado ao local, numa motocicleta, e passaram a atirar contra o idoso.

Mesmo ferido, Antônio ainda conseguiu entrar dentro de casa, mas foi atingido com mais tiros, na sala do imóvel, onde morreu.

A polícia efetuou rondas em regiões próximas ao local do crime, mas, até o momento, ninguém foi preso.

Este foi o terceiro homicídio na cidade de Brejo dos Santos neste ano de 2020.

 

paraiba.com.br

 

 

Pagamento de aposentado com reajuste começa nesta segunda

Aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional da Seguridade Social) começam a receber nesta segunda-feira (27) o pagamento dos benefícios com reajuste.

Pelo calendário divulgado pela instituição, os benefícios serão pagos de 27 de janeiro a 7 de fevereiro.

Recebem primeiro os segurados que ganham o salário mínimo, que passou de R$ 998 em 2019 para R$ 1.039 em janeiro de 2020, reajuste de 4,1%.

No dia 14, o governo anunciou que o salário mínimo terá um novo reajuste para R$ 1.045, mas esse valor deve valer apenas a partir de 1º de fevereiro, pois deverá ser editada uma nova medida provisória. Por isso, os segurados irão receber o salário mínimo que está vigente, de R$ 1.039.

Acima do mínimo

Os aposentados e pensionistas que recebem acima do mínimo terão seus benefícios reajustados em 4,48%.

A correção corresponde à variação da inflação medida de janeiro a dezembro de 2019 medida pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), que serve como base para este cálculo. O valor foi divulgado no dia 10 pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Com o reajuste, o teto do INSS – valor máximo das aposentadorias pagas pela Previdência Social – passa de R$ 5.839,45 em 2019 para R$ 6.101,06 em 2020.

Calendário de pagamentos

As datas de pagamento variam de acordo com o valor do benefício (se até um salário mínimo ou valor superior a este) e também com o número final do benefício.

Para saber a data exata, o beneficiário deve verificar o número final do seu cartão de benefício, sem o último dígito verificador, que aparece depois do traço.

Para benefícios até um salário mínimo:

Final 1 recebe 27/1
Final 2: 28/1
Final 3: 29/1
Final 4: 30/1
Final 5: 31/1
Final 6: 3/2
Final 7: 4/2
Final 8: 5/2
Final 9: 6/2
Final 0: 7/2

Para benefícios acima de um salário mínimo:

Finais 1 e 6: 3/2
Finais 2 e 7: 4/2
Finais 3 e 8: 5/2
Finais 4 e 9: 6/2
Finais 5 e 0: 7/2

A tabela completa pode ser conferida abaixo ou no site do INSS.

Reprodução/INSS

R7

 

Aposentado é baleado no rosto ao reagir a assalto em posto de combustível da PB

Reprodução/Google Street View Caso ocorreu em Queimadas
Reprodução/Google Street View
Caso ocorreu em Queimadas

Um aposentado de 78 anos foi ferido com um tiro no rosto ao segurar no braço de um bandido para que ele não roubasse uma corrente de prata durante um assalto. O caso ocorreu em um posto de combustíveis, na manhã desta quarta-feira (29), no município de Queimadas, no Agreste paraibano, a 145 km de João Pessoa.

Segundo o Centro Integrado de Operações Policiais em Campina Grande (Ciop), o crime aconteceu quando dois homens armados renderam clientes e funcionários do posto e exigiram dinheiro e objetos pessoais.

Após terminar o roubo, um dos bandidos viu o aposentado se aproximando do posto e o abordou, exigindo que ele entregasse a corrente de prata.

“O aposentado se negou a entregar o objeto e segurou na mão do bandido quando ele tentou arrancar a corrente. O bandido não teria gostado da reação do idoso e efetuou disparo, atingindo o aposentado no rosto, abaixo do olho direito”, contou o Ciop.

Ainda segundo o Ciop, a dupla de bandidos fugiu após o crime. Socorrido pelo Samu, o aposentado foi encaminhado para o Hospital de Trauma de Campina Grande, onde deu entrada e foi direcionado ao bloco cirúrgico, conforme o Ciop.

O Portal Correio tentou contato com a assessoria de comunicação da Trauma de Campina Grande para saber o estado de saúde do idoso, mas as ligações não foram atendidas até a publicação desta matéria.

Por Halan Azevedo

Aposentado é encontrado morto após sair para sacar dinheiro em Lagoa Seca

 (Foto: Divulgação/Polícia Militar)
(Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Um idoso de 60 anos foi encontrado morto depois de sair de casa para sacar o dinheiro da aposentadoria em uma agência bancária, no município de Lagoa Seca, no Agreste paraibano. De acordo com a polícia, a suspeita é de que ele tenha sofrido um assalto quando voltava para casa. A vítima foi morta com mais de 30 golpes de faca. A autoria do crime ainda é desconhecida.

De acordo com a Polícia Militar, o corpo do homem foi encontrado por volta das 6h30 (horário local) desta quinta-feira (1º) as margens de uma estrada vicinal no sítio Retiro, que pertence ao município de Lagoa Seca, mas que fica no limite com o município de São Sebastião de Lagoa de Roça. Ao lado do corpo da vítima, a polícia encontrou a carteira no chão.

Segundo a Polícia Militar, a família do aposentado disse que ele havia saído de casa na quarta-feira (30), para sacar o dinheiro da aposentadoria. A filha disse à polícia que ele saiu de casa e não voltou mais. O corpo foi encontrado por moradores que passaram pelo local ainda nas primeiras horas do dia.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, no local do crime, nenhum morador soube informar sobre suspeitos. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

G1 PB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Reforma pode obrigar aposentado a contribuir com Previdência também

preidencia_socialA equipe responsável pela proposta de reforma da Previdência em estudos no governo, subordinada ao presidente Michel Temer, estuda mudar a Constituição para abrir caminho para a cobrança de contribuição previdenciária de todos os aposentados. As informações são da jornalista Laís Alegretti, do site da Folha de S. Paulo.

A ideia é que o governo federal, os Estados e os municípios tenham autonomia para estabelecer a cobrança. Isso pode impactar tanto segurados do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) quanto servidores públicos.

Atualmente, a Constituição prevê que a contribuição deve ser paga apenas por inativos que recebem acima do teto do INSS (R$ 5.189,82). Ou seja, na prática só funcionários públicos são cobrados.

A cobrança, hoje, incide somente sobre o valor que excede o teto do INSS, e a alíquota deve ser igual à da ativa.

Servidores da União e da maioria dos Estados pagam contribuição de 11% na ativa. Em alguns casos, ela pode chegar a 14%. No INSS, há três alíquotas, a depender do salário do trabalhador, de 8%, 9% e 11%. Os militares, que têm regras próprias, pagam 7,5% na ativa e na reserva.

De acordo com a proposta da equipe de Temer, a Constituição passaria a prever que União, Estados e municípios terão competência de, por meio de leis, instituir essa tributação. Cada ente poderia estabelecer qual será a alíquota e taxar até quem recebe o piso previdenciário.

Para cobrar dos aposentados do INSS, que hoje não pagam a contribuição, caberia ao governo federal enviar ao Congresso um projeto de lei.

O trabalhador do setor privado que recebe um salário mínimo, por exemplo, paga R$ 70,40 de INSS (alíquota de 8%) e fica com R$ 809,60 líquidos. Ao se aposentar, deixa de pagar essa taxa e fica integralmente com os R$ 880.

Segundo um funcionário do governo que participa das discussões, a avaliação é que, como hoje o valor líquido na aposentadoria é maior que o salário da ativa, as pessoas são estimuladas a aposentar.

Segundo essa fonte, a situação atual vai contra um dos princípios da reforma: o de que a pessoa, ao aposentar, não deve receber valor acima do que recebia na ativa.

MAIS TRABALHO

Um dos objetivos do governo com a reforma da Previdência é fazer com que os brasileiros passem mais tempo no mercado de trabalho.

A justificativa é que a expectativa de vida tem aumentado, a população jovem está diminuindo e a Previdência tem registrado resultados cada vez mais deficitários.

Antes de tomar a decisão de incluir ou não esse dispositivo na reforma, a expectativa é que Temer consulte os governadores, que têm enfrentado dificuldades financeiras.

O entendimento é que, se os governadores formalizarem apoio, o Planalto garante mais votos no Congresso.

O tema, no entanto, deve provocar mais reações contra a reforma, pois a eventual cobrança também atingiria quem se aposentou antes da possível aprovação dessa regra. Além disso, haveria uma queda imediata na renda de todos os aposentados.

A maioria das mudanças previstas terá impacto apenas para quem ainda não se aposentou –como as novas regras de acesso ao benefício.

O governo quer adotar idade mínima de 65 anos para a aposentadoria de homens e mulheres, com pelo menos 25 anos de contribuição. As novas regras devem valer para homens com menos de 50 anos de idade e mulheres com menos de 45.

Gazeta Online

 

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Aposentado vítima de tiroteio em Arara está internado em estado grave

redacaoCinco pessoas deram entrada no Hospital de Trauma de Campina Grande vítimas do tiroteio ocorrido na noite dessa segunda-feira (03) em Arara. Duas delas permanecem internadas e outras três receberam alta, de acordo com boletim da unidade hospitalar.

Entre essas vítimas está o aposentado de 78 anos, João dos Santos. Ele passou por procedimento cirúrgico e segue internado com quadro clínico grave.

Já Jefferson Marcelo Jorge da Silva, 27 anos, também vítima de ferimento por arma de fogo, passou por procedimentos médicos de emergência e segue internado na área amarela. Quadro clínico estável.

Petrônio Matheus Duarte Zacarias, 18 anos, foi a terceira vitima. Ele passou por procedimentos médicos de emergência e após período de observação recebeu alta hospitalar.

Um jovem de 15 anos também passou por procedimentos médicos de emergência e após período de observação recebeu alta hospitalar.

Nilza Souto da Silva, 56 anos, foi a quinta vitima. Ela passou por procedimentos médicos de emergência e após período de observação recebeu alta hospitalar.

Focando a Notícia

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Aposentado morre em acidente grave entre Solânea e Casserengue

acidenteO aposentado Serafim Celestino Xavier, de 71 anos, morreu nesse sábado (03), vitima de uma acidente gravíssimo ocorrido na estrada que Solânea e Casserengue. Ele se chocou com um carro conduzido por um senhor conhecido apenas por Zé.

O fato aconteceu por volta das 09h, na PB 107, nas proximidades o Sítio Bacalhau. Segundo testemunhas, o veículo VW Gol cor branca , placa JFO8966-PB, que era conduzido por um indivíduo conhecido por Zé, colidiu com a moto Honda Biz cor amarela, ano 2007, placa MNM8451-PB, que era conduzida por Serafim Celestino.

Severino chegou a ser socorrido pela equipe do Samu, mas morreu a caminho do hospital de Trauma. Os condutores da moto e do carro foram socorridos por uma ambulância da cidade de Casserengue.

Compareceu ao local a guarnição na viatura 5690, mas ao chegar os condutores já haviam sido socorridos. A polícia conduziu o veículo gol até a delegacia de Solânea onde o apresentou a autoridade policial, em seguida foi removido para o pátio externo da 7ª Companhia.

Focando a Notícia

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Corpo de aposentado é encontrado dentro de residência na zona rural de Belém

sireneUm corpo em estado de composição foi encontrado no interior de uma residência. O encontro do cadáver aconteceu na tarde do último domingo (14) no Sítio Retiro, Zona Rural de Belém, Agreste paraibano.
Compareceu ao local a viatura 5750, comandada pelo cabo Vieira o qual constatou o fato, o corpo apresentava um mau cheiro. Segundo testemunhas, um cidadão esteve na residência da vítima para entregar umas compras e lá chegando encontrou a porta aberta e o cidadão já em óbito, a partir daí, os moradores acionaram a PM.
A perícia e o GEMOL estiveram no local, e identificaram o corpo como, Severino Matias dos Silva, 72 anos, após uma análise preliminar não foram encontrado sinais de perfuração no corpo.
Familiares informaram que o cidadão sofria com alguns problemas de saúde, o que pode estar associado à causa morte. A vítima não tinha inimigos e não foi constatado furto de nenhum pertence do interior da casa.
Raelson Galdino/ Nordeste 1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Aposentado de 66 anos, esfaqueia amigo de 35 anos

facadaO crime aconteceu por volta das 7h:30m da manhã deste domingo (29), nas proximidades do antigo posto de polícia, no bairro Alto da Boa Vista, Guarabira, brejo da Paraíba.

Segundo informações da Polícia, após uma briga, o aposentado Jovino Duarte Batista, esfaqueou o amigo, José Serafim de Souza, 35 anos.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

”Ele mexeu em coisas do meu passado, me agrediu verbalmente, e eu nãofacada2 aguentei, me arrependi, mas já ta feito” Falou o aposentado a polícia, no momento da prisão.

Segundo populares, vitima e acusado frequentam os mesmos bares, e é de costume se embriagarem juntos.

José Serafim sofreu um golpe de faca peixeira no abdome, foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros, e encaminhado ao hospital Regional de Guarabira, em seguida, a vítima foi transferido para o hospital de emergência e trauma, Senador Humberto Lucena, na capital.

Jovino foi preso em flagrante pela guarnição da Força Tática, e entregue a policia civil, onde foi autuado por lesão corporal grave.

 

portalmidia