Arquivo da tag: aplicadas

Provas objetivas do concurso da Educação do Governo da Paraíba serão aplicadas neste domingo

O Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Administração e da Secretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia, informa que as provas objetivas do concurso público para área de Educação do Governo da Paraíba serão realizadas no domingo (21), no período da tarde.

O candidato que ainda não consultou o local das provas ou não imprimiu o ‘cartão de informação do candidato’, deverá acessar o site da banca organizadora do certame o quanto antes para se certificar sobre as informações. O link é o www.institutoaocp.org.br. As provas serão aplicadas nos municípios de Cajazeiras, Campina Grande, Catolé da Rocha, Cuité, Guarabira, Itabaiana, Itaporanga, João Pessoa, Mamanguape, Monteiro, Patos, Pombal, Princesa Isabel e Sousa. Ao todo, 43.097 candidatos tiveram as inscrições homologadas.

O portão de acesso ao local de realização da prova objetiva será aberto às 12h15 e fechado às 13h. A aplicação da prova objetiva terá início 15 minutos após o fechamento do portão de acesso, com duração de quatro horas, incluído o tempo de marcação na folha de respostas. O candidato deverá levar caneta esferográfica de tinta azul ou preta fabricada em material transparente, seu documento original oficial de identificação com foto e o cartão de informação do candidato impresso.

Estão sendo oferecidas 1.000 (mil) vagas para o cargo efetivo de Professor de Educação Básica III, da carreira do Magistério Estadual. Desse total, 50 vagas são destinadas às pessoas com deficiência.
Os aprovados serão nomeados logo após o resultado final do concurso. O salário oferecido para os que vão disputar as vagas é de R$ 2.110,12 (dois mil cento e dez reais e doze centavos), com carga horária de 30 horas semanais. Este é o quarto concurso público realizado pelo Governo da Paraíba para o cargo de Professor de Educação Básica III, de 2011 até 2019, totalizando 5040 vagas ofertadas.

As vagas ofertadas são para 13 disciplinas: Artes (72), Biologia (150), Educação Física (68), Filosofia (6), Física (47), Geografia (72), História (78). Língua Espanhola (18), Língua Inglesa (61), Língua Portuguesa (195), Matemática (199), Química (28) e Sociologia (6).

Secom PB

 

 

Paraíba inscreve mais de 850 reeducandos no Enem e provas serão aplicadas dias 13 e 14

enemO Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade na Paraíba este ano contará com a participação de 852 reeducandos do sistema penitenciário, um aumento de 62,29% em relação ao número de inscritos no passado. As provas, previstas para o mês passado, serão aplicadas nos dias 13 e 14 de dezembro.

O número de pessoas privadas de liberdade inscritas no Enem cresce a cada ano na Paraíba, assim como o número de unidades prisionais onde são aplicadas as provas. Em 2011, primeiro em que os reeducandos paraibanos começaram a participar do Enem, apenas sete unidades prisionais tinham inscritos no exame, num total de 51. Em 2012, o número aumentou para 16 unidades e 263 inscritos; em 2013, 31 unidades e 290 inscritos; em 2014, foram 43 unidades e 524 inscritos. Em 2015, apesar da diminuição do número de unidades para 42, o de inscritos aumentou para 525; e este ano são 46 unidades prisionais e 852 inscritos, um crescimento de mais de 1.500% de reeducandos interessados em continuar os estudos.

Todos eles estão participando, desde o dia 3 de outubro, de um simulado com as disciplinas a serem aplicadas nas provas. Nesta terça-feira (29), acontece o último simulado no Instituto de Psiquiatria Forense, em João Pessoa. Eles também participaram das aulas nos módulos de ensino instalados nas próprias unidades prisionais.

Os resultados do Enem são importantes para as pessoas privadas de liberdade porque podem ser utilizados para fins de certificação de conclusão de Ensino Médio, dando o direito também a remissão de pena de acordo com resolução do Conselho Nacional de Justiça, que dispõe sobre atividades educacionais complementares para fins de remissão de pena pelo estudo e estabelece critérios de admissão pela leitura.

O Enem PPL nas unidades prisionais é organizado pelo Inep em parceria com o Depen (Departamento Penitenciário Nacional) e com as Secretarias Estaduais de Administração Penitenciária. A aplicação das provas é feita pela Cesgranrio.

Segundo Silvana Matias, coordenadora do eixo educacional da Gerência de Ressocialização da Secretaria de Administração Penitenciária, os reeducandos que farão as provas do Enem PPL receberam apostilas independente da escolaridade. Segundo ela, o importante é ter aptidão, pode ser até mesmo do ensino fundamental.

A Penitenciária Modelo Desembargador Flósculo da Nóbrega – Presídio do Roger em João Pessoa foi a que teve maior número de reeducandos inscritos (105), seguido pela Penitenciária Sílvio Porto (73), Penitenciárias Padrão de Campina Grande-Máxima (62), Penitenciaria Regional de Patos (56) e Penitenciária Jurista Geraldo Beltrão-Máxima (50).

Apenas 50 mulheres que cumprem pena em estabelecimentos prisionais do Estado vão participar do Enem PPL, sendo 23 do Presídio Júlia Maralnhão, de João Pessoa; 19 do Presídio Feminino de Campina Grande e oito da Penitenciária Feminina de Patos. Outros participantes estão em presídios e cadeias de outros municípios do Estado.

pbagora

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Multas por farol desligado ainda não serão aplicadas na Paraíba

 (Foto: Walla Santos )
(Foto: Walla Santos )

A Justiça Federal liberou a aplicação de multas aos motoristas que trafegam com o farol desligado nas rodovias brasileiras, mas de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Paraíba, ainda não tem previsão de quando deve começar a fiscalização nas estradas do estado.

Segundo a inspetora Keila, a PRF na Paraíba aguarda orientações do Departamento Nacional para começar a fiscalização de forma padronizada no estado. “Acreditamos que até o final desta semana estaremos recebendo todas as orientações de Brasília e na próxima semana talvez começamos a fiscalização”, informou a inspetora.

De acordo ofício enviado pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), aos órgãos locais nesta quarta-feira (19), as multas podem ser aplicadas sempre que não houver “ambiguidade” sobre a necessidade do farol – nas estradas em área rural, e nos trechos urbanos que estiverem devidamente sinalizados, por exemplo.

A lei federal entrou em vigor em 8 de julho e determina que o farol seja usado em todas as rodovias, mesmo durante o dia. O descumprimento é considerado infração média, com 4 pontos na carteira de habilitação e multa de R$ 85,13. Em novembro, o valor deve subir para R$ 130,16.

Em 2 de setembro, a Justiça suspendeu a cobrança sob o argumento de que, muitas vezes, os motoristas confundiam as rodovias com ruas e avenidas que compõem a malha urbana. A decisão não anulou as multas que já tinham sido aplicadas.

Nesta quinta-feira (20), o Departamento de Estradas de Rodagem do Paraíba (DER-PB) informou que já retomaram a fiscalização.

clickpb

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Provas do Concurso do Detran serão aplicadas neste domingo

ConcursoO Governo do Estado divulgou os locais das provas do concurso público para o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PB). As provas serão aplicadas no próximo domingo (3), nos turnos da manhã e tarde. A lista dos locais está disponível no Diário Oficial do Estado, edição de domingo (27) e na página da Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (www.funcab.org).

Para os cargos de Agente de Vistoria, Advogado e Analista de Sistemas as provas serão aplicadas no turno da manhã. Os portões serão abertos às 7h30 e fechados às 8h30 (horário local). As provas serão iniciadas às 8h40, com duração de 3h e 30min, exceto para o cargo de advogado, a duração será de 4 horas, em função da realização da prova discursiva.

Os candidatos ao cargo de Agente de Trânsito farão a prova no turno da tarde. Os portões serão abertos às 13h30 e fechados às 14h30. A prova tem início às 14h40 com duração de 3h e 30min.  O candidato deverá comparecer ao local com uma hora de antecedência, portando documento oficial de identificação. Todos devem acessar e imprimir o comunicado oficial de convocação para prova, disponível na página da Funcab e apresentá-lo no dia do concurso para facilitar a localização de sua sala. Deve ainda levar caneta esferográfica de tinta azul ou preta, fabricada em material transparente.

De acordo com a Funcab, o concurso do Detran-PB inscreveu 11.278 candidatos, sendo 104 portadores de deficiência. As provas serão aplicadas em João Pessoa, Campina Grande, Patos, Cajazeiras, Sousa e Guarabira. Para o cargo de Agente de Trânsito, em João Pessoa, se inscreveram 6.918 candidatos. A concorrência é de 121 candidatos para uma vaga.

Vagas – O concurso oferta 108 vagas, sendo 18 para cargos de nível superior e 90 para cargos de nível médio. As vagas para o ensino superior são de Advogado e Analista de Sistemas e as de ensino médio são para os cargos de Agente de Trânsito e Agente de Vistoria.

 

Secom-PB

Provas do concurso do Detran serão aplicadas neste domingo

ConcursoO Governo do Estado divulgou os locais das provas do concurso público para o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PB). As provas serão aplicadas no próximo domingo (3), nos turnos da manhã e tarde. A lista dos locais está disponível no Diário Oficial do Estado, edição de domingo (27) e na página da Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (www.funcab.org).

Para os cargos de Agente de Vistoria, Advogado e Analista de Sistemas as provas serão aplicadas no turno da manhã. Os portões serão abertos às 7h30 e fechados às 8h30 (horário local). As provas serão iniciadas às 8h40, com duração de 3h e 30min, exceto para o cargo de advogado, a duração será de 4 horas, em função da realização da prova discursiva.

Os candidatos ao cargo de Agente de Trânsito farão a prova no turno da tarde. Os portões serão abertos às 13h30 e fechados às 14h30. A prova tem início às 14h40 com duração de 3h e 30min.  O candidato deverá comparecer ao local com uma hora de antecedência, portando documento oficial de identificação. Todos devem acessar e imprimir o comunicado oficial de convocação para prova, disponível na página da Funcab e apresentá-lo no dia do concurso para facilitar a localização de sua sala. Deve ainda levar caneta esferográfica de tinta azul ou preta, fabricada em material transparente.

De acordo com a Funcab, o concurso do Detran-PB inscreveu 11.278 candidatos, sendo 104 portadores de deficiência. As provas serão aplicadas em João Pessoa, Campina Grande, Patos, Cajazeiras, Sousa e Guarabira. Para o cargo de Agente de Trânsito, em João Pessoa, se inscreveram 6.918 candidatos. A concorrência é de 121 candidatos para uma vaga.

Vagas

O concurso oferta 108 vagas, sendo 18 para cargos de nível superior e 90 para cargos de nível médio. As vagas para o ensino superior são de Advogado e Analista de Sistemas e as de ensino médio são para os cargos de Agente de Trânsito e Agente de Vistoria.

 

 

paraibaja.

Provas do concurso para professor serão aplicadas domingo

As provas objetivas do concurso público para o cargo de professor  do magistério estadual serão aplicadas neste domingo (9), a partir das 14h. A convocação dos 17.557 candidatos inscritos está publicada em edital no Diário Oficial desta terça-feira (4).

O concurso público para o cargo de professor de Educação Básica 3 da carreira do Magistério Estadual será realizado em duas etapas: provas objetivas e de títulos. As provas objetivas serão aplicadas nas cidades de João Pessoa, Campina Grande, Patos, Sousa e Cajazeiras. O candidato deve comparecer ao local das provas com antecedência mínima de 60 (sessenta) minutos do fechamento dos portões. Os portões serão abertos às 12h30 e fechados às 13h30.

De acordo com a presidente da comissão do concurso público, Marlene Rodrigues da Silva, somente será admitido para realizar a prova o candidato que estiver munido de documento original de identidade. O documento deverá estar em perfeitas condições, de forma a permitir, com clareza, a sua identificação.

O concurso público oferta 2 mil vagas para professores das disciplinas de Língua Portuguesa (348 vagas), Língua Inglesa (170), Matemática (400), Artes (20), História (216), Geografia (244), Biologia (186), Química (178), Física (178) e Educação Física com oferta de 60 vagas.

No site do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC), no endereço eletrônico www.ibfc.org.br, os candidatos já podem acessar informações sobre data, horário e local das provas. Para isso, basta digitar o número da inscrição no concurso ou o número do CPF. A busca por essas informações é de inteira responsabilidade dos candidatos, conforme o edital do concurso.

Os classificados no concurso serão contratados sob o regime jurídico estatutário, de acordo com o Estatuto do Servidor Público do Estado da Paraíba. Em cada município, 5% das vagas são destinadas a pessoas com deficiência. A carga horária é de 30 horas semanais e a remuneração inicial é de R$ 1.222,53.

Assessoria