Arquivo da tag: aliados

Confederação dos Municípios quer prefeitos pressionando aliados

Conforme sinalização da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), os prefeitos brasileiros devem estabelecer contatos com os seus correligionários com cadeira no Congresso Nacional para a recolocação dos estados e municípios na proposta de reforma previdenciária.

Conforme projeções da CNM, as mudanças propostas no plano federal, reproduzidas nos institutos próprios de previdência (são 2.108 no País) proporcionariam, em uma década, uma redução de despesas da ordem de R$ 170 bilhões.

*fonte: coluna Aparte, com Arimatéa Souza

 

 

Partidos aliados já discutem o nome do sucessor de Temer

Partidos aliados do governo Michel Temer (PMDB) avaliam que o presidente perdeu as condições de ficar no cargo.

Liderados pelo PSDB, principal sigla da base, eles já transmitiram reservadamente a conclusão ao peemedebista, informa o jornal Folha de São Paulo.

Foto: Montagem/ Paraibaonline

Como ele resiste a renunciar após a crise desencadeada pela delação do grupo JBS, a solução será contar com a cassação da chapa de Temer e Dilma pelo Tribunal Superior Eleitoral.

O processo começa a ser julgado no dia 6.

A solução resolveria o impasse político e o livraria da “confissão de culpa”, como ele chama a hipótese de renúncia.

Os partidos trabalham com o cenário de eleição indireta 30 dias depois da saída do presidente.

As diretas dependeriam de interpretação inusual do TSE ou de emenda constitucional.

Dois nomes, ainda conforme o jornal, lideram a bolsa de apostas para o pleito no Congresso: o ex-ministro Nelson Jobim (PMDB) e o senador tucano Tasso Jereissati.

*fonte: uol

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Prefeito reeleito aconselha opositores a deixarem cidade e insinua que só dará água a aliados; vídeo

lucildoO prefeito reeleito da cidade de Damião, Lucildo Oliveira, do PSB, protagonizou uma cena polêmica ao sugerir, durante a comemoração pela vitória nas urnas, que seus adversários deixem a cidade e se mudem para São Paulo em busca de emprego.

Ovacionado por eleitores e aliados, Lucildo disse que só “terão vez os que votaram a favor de Damião” e insinua que só disponibilizará água para quem for seu aliado. “Agora vão atrás dos babões pedir água”, disparou.

Lucildo venceu a disputa contra Eleonora Diniz (PSD), com 53,11% dos votos.

Confira o vídeo:

MaisPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Deputado diz que aliados estão cancelando eventos com Cássio para evitar desgaste

tiao-gomesO deputado Tião Gomes (PSL) comentou o momento político que vive o país prestes a realizar eleições municipais. Para o deputado, as eleições de 2016 terão um número recorde de votos nulos e brancos devido à descrença do povo na política após as operações Lava-Jato e outros escândalos.

“Esse ano vai ser eleição com número recorde de votos em branco e nulo. O povo está desacreditado na política infelizmente. Vamos ter muitas surpresas porque a maioria está indefinida sobre as candidaturas e após as operações Lava-Jato entre outras que descobriram vários podres, envolvendo políticos ficou difícil a imagem melhorar diante deles”, salientou.

O parlamentar revelou ainda que aliados do senador Cássio Cunha Lima (PSDB) estão cancelando eventos ou a participação dele porque ele foi a favor do impeachment da presidente Dilma Roussef (PT) e destacou que a juventude e estudantes são contra a saída da Petista do Poder.

“Os deputados federais e senadores que votaram pelo impeachment estão marcados e com medo de ir aos eventos nas cidades do interior porque o povo está vaiando e vão vaiar. Cássio mesmo ia para Areia e não vai mais. Não foi por minha causa, ou do meu partido, mas por causa da juventude. No interior, dificilmente eles serão bem recebidos”, explicou Tião Gomes.

PB Agora

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Os aliados que dão fim à celulite

celulitePra entrar em forma é preciso ajustar a dieta. Mas cortar calorias não basta. Quando se trata de dar adeus à celulite, devemos apostar nos alimentos certos. “Os furinhos são resultado da inflamação das células por causa do acúmulo de toxinas no organismo”, diz a nutricionista Patrícia Cruz, de São Paulo. Portanto, o caminho é consumir alimentos capazes de desintoxicar e desinflamar. Confira alguns deles:
Abacaxi: fonte de bromelina, enzima que age como anti-inflamatório, melhora a aparência da pele.
Alimentos integrais: ricos em fibras, melhoram o funcionamento do intestino. Isso inibe a absorção de toxinas e elimina as impurezas que podem agravar o quadro.
Aveia: é rica em silício, nutriente capaz de reorganizar as fibras de sustentação da pele, produzindo mais colágeno. Por conta disso, previne e ajuda a tratar os furinhos.
Azeite de oliva: ação anti-inflamatória. Por isso, o consumo regular combate os edemas acarretados pela celulite.
Banana: ótima fonte de potássio, a fruta ajuda no processo de drenagem linfática.
Castanha-do-pará: tem selênio, um importante antioxidante que age contra o envelhecimento das células.
Chá verde: atua como um poderoso diurético, além de melhorar a circulação do sangue.
Folhas verde-escuras: fontes de antioxidantes, favorecem a circulação, evitando o envelhecimento precoce e combatendo o aspecto de casca de laranja da pele.
Frutas cítricas: são repletas de vitamina C – potente antioxidante com ação anti-inflamatória.
Lima-da-pérsia: estimula o sistema linfático – responsável pela drenagem dos líquidos em excesso no organismo –, evitando ou diminuindo os furinhos na pele.
Maçã: é fonte de pectina, um tipo de fibra que neutraliza as toxinas do organismo e dificulta a absorção de gordura.
Shitake: possui lentinan, substância que diminui o processo inflamatório da celulite, melhorando o aspecto da pele.
O que está por trás da questão
A celulite surge quando as células ficam fracas e não seguram a água dentro delas. Essa água desperdiçada provoca desordem nos
tecidos que sustentam a pele, dando lugar às temidas ondulações, especialmente nas coxas e no bumbum. No entanto, alguns hábitos também contribuem pra que os furinhos apareçam: “O consumo em excesso de gorduras trans e saturada, carboidratos simples,
doces, refrigerantes e sal são os principais agentes causadores da celulite. É que eles aumentam o processo inflamatório da pele”,
diz a nutricionista Alice Carvalhais, do Instituto Mineiro de Endocrinologia. Além de comer bem, exercício físico é fundamental.
Outras causas
Cigarro: o fumo causa vasoconstrição, que está associado a uma menor vascularização e oxigenação dos tecidos.
Genética: se sua mãe ou sua avó têm celulite, suas chances são grandes. Em todo caso, previna-se.
Roupas apertadas: por si só, elas não causam celulite, mas contribuem muito para a piora do quadro depois de instalado, já que
comprimem os vasos sanguíneos e linfáticos, principalmente em regiões como coxas e bumbum.
anamaria

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Aliados de WR não aceitam nome do PT e ameaçam oposição em Alagoa Grande

Beto-do-SindicatoA desistência do prefeito Bôda (PR) de disputar à reeleição na cidade de Alagoa Grande, no brejo paraibano, tem causado muito descontentamento no PR local e quatro vereadores da legenda, sendo um deles presidente da Câmara,  ameaçam ir para a oposição na cidade por não aceitarem o nome do vice-prefeito, Beto do Sindicato (PT), como o candidato do grupo para o pleito.

De acordo com informações de fontes do Portal MaisPB  na cidade, Bôda alegou que tinha um acordo com Beto de apoiá-lo no pleito desse ano, mas a sua decisão não é aceita pelos aliados.

Os parlamentares do PR aguardam ainda essa semana uma reunião com o presidente estadual do PR, deputado federal Wellington Roberto, e o prefeito Bôda, que está em viagem fora da Paraíba, no sentido de se chegar a uma solução para o impasse.

Eles não aceitam o candidato escolhido em convenção na última sexta-feira (5) e querem a ajuda de Wellington para convencer Bôda a disputar a reeleição e a Beto do Sindicato que o seu nome não é o melhor para o pleito eleitoral.

Eles também alegam que a pouca aceitação de Beto do Sindicato é atribuída ao fato dele pertencer ao Partido dos Trabalhadores, que sofre  desgastes   por causa das denúncias de corrupção em nível nacional.

“Se não chegarmos a um entendimento nós vamos apoiar o candidato  Dr. Sobrinho”, disse um dos parlamentares descontentes.

Empresário da construção civil, Dr. Sobrinho (PSD) disputa a eleição pela oposição tendo como vice o também empresário do ramo de cachaça, Evaldo Vieira (PTB).

Roberto Targino – MaisPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Ricardo alerta aliados que fato de trabalhar na campanha não assegura emprego

ricardo-coutinhoO governador Ricardo Coutinho (PSB) confirmou durante entrevista no sertão paraibano, que irá demitir servidores comissionados para enxugar a máquina pública, como foi anunciado na última segunda-feira (22). “Se tem duas pessoas com cargos comissionados fazendo a mesma coisa, não é possível, uma vai ter que fazer o serviço. Pra quer duas, ou três ou cinco. Então, isso chama racionalização da máquina. Quero deixar o Estado mais enxuto para que ele funcione melhor e para que a gente possa expandir os serviços”, afirmou.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook
Ele também alertou aos aliados e correligionários, que o fato de terem trabalhado durante a campanha eleitoral não assegura emprego no governo.

“Para trabalhar é preciso ter paixão pelo que faz, compromisso. Ninguém pode ficar acomodado. Se alguém num cargo do governo achar que participei da campanha foi ficar acomodado eu digo com muita clareza: procure fazer outra coisa, porque aqui dentro do governo não. Dentro do governo eu quero gente compromissado, gente que possa mais do que nunca se alto exigir para prestar um melhor serviço a população. É assim que funciona”, afirmou.

Na última segunda-feira (22), o governador anunciou o fim de secretarias e a fusão de outras. Segundo ele, a medida diminuirá mais 300 cargos estratégicos vamos.

Na oportunidade, Ricardo afirmou que pretende realizar um corte de no mínimo de 10% nos cargos comissionados, o que, segundo ele, vai gerar uma economia de R$ 25 milhões nos gastos com folha de pessoal.

O governador acrescentou que vai exigir muito de sua futura equipe de governo para que o sentimento de determinação e crescimento do Estado não caiam.

MaisPB

Aliados de Ricardo negam denúncia e coordenador diz que Fórum “é uma piada”

CELIOA denúncia protocolada no Ministério Público da Paraíba (MPPB), nesta quinta-feira (25), por membros do Fórum dos Servidores Públicos, sobre suposto esquema de propinas envolvendo secretários estaduais e o irmão do governador Ricardo Coutinho (PSB), gerou reações diversas entre aliados do atual chefe do Poder Executivo.

O coordenador de campanha do PSB, o radialista Célio Alves, utilizou as mídias sociais para comentar sobre a denúncia. Segundo ele, o Fórum dos Servidores age com viés político e que seus membros não representam o funcionalismo público paraibano.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

“Esse fórum de servidores é uma piada. Nem de longe representa a grande maioria dos servidores públicos da Paraíba. Na verdade, age como um partido político, combatendo radicalmente Ricardo Coutinho, o governador que teve a coragem de cortar privilégios dos que se acham os iluminados do serviço público”, postou o coordenador.

Laura Farias negou participação no suposto esquema (Crédito: Arquivo Web)

A superintendente da Companhia Docas da Paraíba, Laura Farias, que tem o nome envolvido na denúncia, negou a participação no suposto esquema de receptação de propina. A gestora prometeu acionar a justiça para apurar os possíveis responsáveis pela publicidade do fato.

“Infelizmente estamos num momento político e factóides são criados. A denúncia é de 2011, já se passaram três anos e eu nunca fui intimada. É uma denúncia falta, que foi publicada em um site internacional de forma clandestina, não posso me posicionar a respeito”, disse.

Entenda
O Fórum dos Servidores protocolou no Ministério Público Estadual (MPPB) pedido de investigação sobre denúncia veiculada na internet, acerca da suposta distribuição de propinas a secretários do Governo do Estado.

Segundo a denúncia, durante blitz de rotina, em junho de 2011, a Polícia Civil interceptou um veículo modelo Fox, placas DYE-5922, flagrado transportando a quantia de R$ 81 mil reais, sacada em agência bancária na cidade de Recife.

De acordo com informações do site, os policiais apreenderam um papel com a orientação para a distribuição do dinheiro, que seria entregue a secretários, além de mais pessoas ligadas ao governo.

O Fórum dos Servidores Estaduais pediu ao MPPB a apuração rigorosa sobre a veracidade das acusações e punição aos responsáveis, caso seja comprovado o ato ilícito, adotará as medidas cabíveis para punir os responsáveis.

 

Ângelo Medeiros
WSCOM Online

Comissionados adotam postura inédita e pedem exoneração após aliados de prefeito serem demitidos

evilasioServidores comissionados do governo do estado, que atuam no município de São José de Lagoa Tapada, no Sertão da Paraíba, adotaram uma postura inédita ao entregar os cargos em solidariedade a colegas exonerados. As demissões teriam acontecido após o prefeito Evilásio Formiga (DEM), mais conhecido como Neto de Coraci, confirmar apoio à candidatura de Cássio Cunha Lima para governador.

“Nós nos surpreendemos com os gestos dos colegas, que mesmo não sendo demitidos pela gestão estadual, se uniram a nós”, declarou um dos exonerados.

De acordo com o prefeito, os servidores da administração estadual, que teriam sido exonerados, ainda não teriam sido substituídos, o que estaria prejudicando o funcionamento de algumas escolas. “Hoje, as escolas estaduais daqui de São José de Lagoa Tapada não funcionaram, não temos sequer zeladores”, lamentou.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Ele afirmou também que uma dessas escolas estaria funcionando em prédio locado e o proprietário do imóvel já teria pedido a devolução. “Ele mandou recolher todas as coisas da escola e disse que não iria renovar o aluguel. Os estudantes ficaram numa situação difícil e o governo ainda não tomou nenhuma providência”, declarou

O município de São José de Lagoa Tapada possui 6.427 eleitores, de acordo com dados do Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

 

Blogdogordinho

Lula pede que Dilma vá a convenções de aliados

lulaEm reunião da coordenação da pré-campanha reeleitoral na segunda-feira, 02, no Palácio da Alvorada, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva aconselhou sua sucessora, Dilma Rousseff, a estar presente em todas as convenções dos partidos aliados. Os eventos que definirão os apoios das legendas governistas serão inaugurados na semana que vem e ocorrem até o fim do mês.

Dilma já confirmou presença na convenção do PMDB, principal partido aliado e que indicou e manterá o candidato a vice-presidente, Michel Temer, na chapa petista. O encontro está marcado para o dia 10 de junho. Além de Dilma e Lula, estavam presentes ao jantar no Alvorada o presidente do PT, Rui Falcão, o marqueteiro João Santana e os ministros das Comunicações, Paulo Bernardo, e da Casa Civil, Aloizio Mercadante, além do ex-ministro Franklin Martins.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Alguns partidos aliados ensaiaram uma rebelião nas últimas semanas, insinuando que poderiam aderir a candidaturas da oposição, como a do senador tucano Aécio Neves. A entrada de Lula nas negociações pacificou os ânimos dos aliados.

Inaugurações

Mesmo na Copa, Dilma vai inaugurar, uma vez por semana, ao menos uma grande obra de mobilidade urbana em diversas cidades do País – ela tem até 5 de julho, um dia antes da data oficial do início da campanha eleitoral, para fazer isso. Essa será uma das estratégias desenhadas na reunião.

O objetivo de continuar inaugurando “importantes obras de infraestrutura” é mostrar para a população que os investimentos que foram feitos pelo governo federal nas cidades “não são apenas um legado para a Copa do Mundo”, mas para a população em geral, principalmente depois do encerramento dos jogos do Mundial.

Divisão de trabalho

Dilma e Lula continuarão a dividir palanques pelo País, pelo menos uma vez por semana. Mas, em alguns casos, vão se separar para percorrer vários Estados.

O Estado de São Paulo