Arquivo da tag: ajudar

Está sempre atrasado? Confira 10 dicas que podem ajudar a ser mais pontual

atrasadoChegar ao trabalho na hora, começar uma reunião ou entregar um projeto. Você não consegue ser pontual em quase nada do que faz?

“Aprender a gerenciar o tempo é considerado uma habilidade”, diz Marineide de Oliveira Aranha Neto, mestre em Gestão de Pessoas e professora da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Ela explica que perder a hora com frequência ou deixar de entregar um trabalho no prazo podem afetar a forma como o trabalhador é visto.

“Se não souber gerenciar o tempo isso vai comprometer a sua carreira. A pontualidade faz parte da imagem profissional”.

Para ajudar quem sempre vive perdendo a hora, o UOL traz dicas de planejamento para melhorar a pontualidade.

1. Calcule o tempo de suas atividades

A consultora do Sebrae-SP em Bauru Patrícia Zuccari explica que o primeiro ponto para evitar atrasos é calcular o tempo de cada atividade desde que acorda até chegar ao trabalho. Isso inclui listar quantos minutos demora para tomar banho, café da manhã, escolher a roupa, vestir-se e chegar ao trabalho, por exemplo.

“Calcular o quanto demora em cada atividade fará com que a pessoa consiga saber o tempo total de que precisará e, assim, poderá colocar o seu relógio para despertar na hora correta. Se uma atividade tomar mais tempo já vou saber que a próxima terá que ser mais rápida”, explicou Zuccari. “É bom lembrar que o ideal é sempre deixar uns minutos a mais, no caso de algum imprevisto”, diz.

2. Use um despertador extra

A consultora do Sebrae-SP afirma que uma das principais desculpas para atraso no trabalho é que o alarme não tocou por falta de bateria no celular.

A dica é usar o celular como despertador e mais um relógio longe da cama, de modo que levante para desligá-lo. E não use a tecla soneca.

3. Deixe a roupa e o café da manhã preparados

Quem perde muito tempo para escolher a roupa que vai usar no trabalho pode começar a deixar pronto, no dia anterior, o que irá vestir, orienta a consultora do Sebrae-SP. Deixar o café da manhã adiantado também ajuda a ganhar alguns minutos que podem fazer diferença entre chegar no horário e se atrasar.

4. Tenha caminhos alternativos

Tenha em mente um caminho alternativo para ir ao trabalho, no caso de trânsito ou algum imprevisto no trajeto que normalmente costuma fazer. Aplicativos de celular também podem ajudar a saber em quanto tempo chegará ao trabalho. Se usa transporte público, pense em meios opções caso haja greve, se o ônibus quebrar ou se o metrô parar.

5. Durma mais cedo

“Quem não tem o hábito de dormir mais cedo pode tentar ir para a cama dez minutos antes. Após acostumar com esses dez minutos, tente outros dez minutos e assim por diante”, explica a consultora.

6. Evite excessos

“Evite consumir bebidas alcoólicas em excesso na noite anterior ou mesmo tomar doses maiores de remédios”, orienta Zuccari. Aranha Neto explica que, se o trabalhador já sabe que precisará acordar cedo no dia seguinte, o ideal é evitar baladas. “Se toda sexta-feira você tem uma reunião cedo, quer dizer que quinta-feira não é um bom dia para sair, por exemplo”.

7. Modere nas redes sociais, jogos e TV

Para a professora do Mackenzie, as redes sociais e os jogos também devem ser usados moderadamente, já que o trabalhador pode ficar até tarde usando o celular, o computador e até assistindo a uma série e perder o horário no dia seguinte.

8. Adiante tarefas

O atraso pode ocorrer não só na hora de chegar ao trabalho, mas também ao entregar um projeto. Tente deixar pronto o que precisa o quanto antes. “Se tenho que entregar um projeto ou um relatório depois de amanhã, é melhor tentar deixar pronto amanhã para dar margem ao imprevisto”, afirma a professora do Mackenzie.

Identifique a hora mais produtiva do dia para realizar as tarefas mais difíceis. Isso ajuda a ganhar tempo.

9. Tenha uma agenda

Use uma agenda, eletrônica ou de papel e anote tudo o que precisa fazer.  “Classifique as pendências em urgentes, que serão resolvidas na primeira hora do dia seguinte. Depois, saiba quais são as importantes, que deverão ser resolvidas durante o dia e, por último, as normais, que poderão ter um prazo de uma semana”, diz Zuccari.

Para ela, é importante revisar a agenda no dia anterior, olhando tanto as pendências como os compromissos, para evitar atrasos.

10. Seja realista com seus compromissos

Não adianta colocar um compromisso próximo ao outro, sabendo que não conseguirá cumpri-lo. Considere o tempo de cada atividade para refletir a realidade do seu dia, aconselha a consultora do Sebrae-SP.

Uol

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Adolescente morre após ser atingido por peça de carro ao ajudar pai em oficina

pocinhosUm adolescente de 16 anos morreu após ser atingido por uma peça de metal de um carro enquanto trabalhava com o pai dele em uma oficina no município de Pocinhos, no Agreste da Paraíba, a 134 km de João Pessoa, no fim da tarde desta terça-feira (22).

Segundo o agente Antônio, da Polícia Civil da cidade vizinha de Esperança, que fica responsável pelas ocorrências da região, não se apurou o que teria causado o acidente.

“Após o rapaz se ferir, o Samu ainda foi chamado, mas ele morreu ainda no local da ocorrência”, contou Antônio.

Profissionais do Instituto de Polícia Científica de Campina Grande se dirigiram ao local do fato para investigar o que teria causado a morte do adolescente. Até o fechamento desta matéria, o IPC seguia levantando dados e não tinha informações conclusivas sobre o ocorrido.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Como os estímulos de seu lar podem ajudar o seu bebê?

bebeTodos nós nascemos com inteligência, porém a nossa inteligência podemos dizer que é muito influenciada pelo meio social em que vivemos.

Os lares tendem a variar conforme a cultura, porém alguns fatores devem ser universais e independentes de cultura, um exemplo é a dedicação dos pais frente aos filhos, a afetividade, a não agressão e etc.

O cientista Badley, em 1989 criou um inventário o qual ele denominou de Inventário HOME de Observação Doméstica e nisso ficou visível que as condições e dedicação dos pais contribuem efetivamente no desenvolvimento pleno da criança, a exemplo de, quanto mais os pais derem importância para a educação e a leitura mais a criança se sentirá atraída para o estudo aumentando sua dedicação.

Posteriormente, outras pesquisas descreveram seis aspectos fundamentais no lar que irão contribuir no desenvolvimento do bebê: incentivo para explorar e conhecer o ambiente qual o bebê habita, estimulação nas habilidades cognitivas e principalmente as sociais (seja por meios de brincadeiras que ajudem o raciocínio do bebê ou até mesmo por atividades que promovam a socialização desse bebê). Elogios frequentes aos bebês, independente se o bebê teve sucesso ou não na atividade desempenhada. Não agressão – seja ela verbal ou física, ou seja, ter muita paciência e evitar os maus-tratos pois a violência seja ela física ou psicológica irá prejudicar o desenvolvimento do bebê. Orientação nas atividades do bebê para que ele expanda e evolua nas muitas habilidades que ele possui; e estimulação da linguagem – ou seja, dialogar sempre com o bebê, estimular as diversas formas de linguagem seja ela falada ou até mesmo os gestos.

Diante disso percebemos que a frase popular “Educação vem de berço” tem um verdadeiro ensinamento, já que o lar do bebê além de ser um ambiente de afetividade e confiança, irá contribuir para o desenvolvimento do bebê.

Abaixo seguem algumas dicas para auxiliar no desenvolvimento de seu bebê e principalmente para gerar a felicidade em seu bebê, afinal, ser feliz é uma ótima contribuição para o desenvolvimento não só do bebê, mas de toda a família.

Forneça estimulação sensorial

É fundamental que os pais estimulem os órgãos sensoriais do bebê, porém com cuidado nesses estímulos, pois o excesso também é prejudicial e pode estressar o bebê. Por exemplo, para a estimulação visual você pode oferecer ao seu bebê uma variedade de brinquedos de tonalidades variadas para que dessa forma ele comece a conhecer as cores. Ressalto, que devemos ter cuidado no quarto do bebê, as paredes do ambiente qual o bebê dorme não pode ser em cores “vivas”, a exemplo do vermelho, laranja e cores quentes pois isso perturba a concentração e principalmente o relaxamento do bebê. Opte por cores claras e que promovam o relaxamento, porém na hora que seu bebê estiver brincando e fora do horário do sono é permitido brinquedos de múltiplas cores pois dessa forma é uma estimulação visual. Quanto à estimulação sensorial, promova ao seu bebê músicas para que ele comece a perceber a sonoridade dessas músicas, porém cuidado com o volume dessa sonorização, pois como bem citado tudo em excesso é prejudicial. Existem inúmeras de maneiras de estimular os sentidos: tato, visão, audição, paladar e o olfato.

O cantinho do conhecimento

Em sua casa crie um cantinho da aprendizagem, com livros, papéis, alguns brinquedos que contribuem para o desenvolvimento de seu bebê, afinal o lar também é lugar para se aprender. E lembre-se, o brincar, a leitura de uma estorinha também são formas de seu bebê aprender e consequentemente desenvolver-se.

Não ignore o seu bebê

Apoie o seu bebê se ele sentir medo ou chorar por estar estranhando um ambiente ou até mesmo um estímulo, com por exemplo ele chorar ao ver um palhaço ou o Papai Noel. Nesse momento mostre ao seu bebê que você está ao seu lado para amar e que ele deve confiar em você. Afinal o seu bebê ainda se sente um “estranho no ninho”, para ele tudo ainda é muito novo. O mundo para ele é uma grandiosa novidade e descoberta.

Brinquedos interativos

Dê brinquedos interativos ao seu bebê, como por exemplo os  chocalhos. O velho chocalho ainda é um ótimo recurso. O bebê precisará interagir com o chocalho para que ele produza o som, esse é um estímulo desejado. Procure ter alguns brinquedos desse tipo, que “reagem” às interações do bebês.

Deixe seu bebê investigar

Deixe seu bebê brincar de investigador, mas sempre com supervisão de um adulto. A criança precisa ter a liberdade para conhecer o ambiente que ela habita. Para o bebê é como se existisse dois mundos, o primeiro é o que está ao redor dele e o segundo é o mundo dele mesmo. Então, o bebê é capaz de se divertir com partes de seu corpo, como levar seu pé até a boca e o mesmo ocorre com o lar dele. Permita que seu bebê conheça a partes seguras da “amorlândia” – que é o seu lar.

Converse com seu bebê

Algumas pessoas acham estranho conversar com bebê mas lembre-se que é fundamental, afinal é pelo diálogo que ele aprende e desenvolve a linguagem. Além do que, convenhamos, quer coisa melhor do que conversar com criança?

Se dedique ao brincar

A criança quando está brincando é como se o mundo parasse e só a brincadeira importasse. Se uma menina diz que está brincando de princesa, naquele momento ela se esquece do mundo e se dedica a ser princesa. Então esqueça do mundo também e apenas brinque. O defeito do adulto é que ele faz diversas atividades pensando em preocupações ou o que ele irá fazer depois. O adulto tem a mania e o hábito de almoçar pensando nas contas que irá pagar após o almoço. Calma! Quando você for brincar com seu bebê, esqueça do mundo lá fora e brinque de princesa, Peter Pan, ou o que seu filho desejar. Isso além de gerar uma cumplicidade entre pais e filhos, ajudará aos pais a esquecerem por alguns momentos os problemas que permeiam no mundo.

Arranje oportunidades

Busque fazer de atividades comuns como se fossem uma diversão para o seu filho. Pegue atividades comuns da rotina da casa e peça para ele lhe ajudar, ele vai sentir-se útil e se desenvolverá. Outro exemplo, quando for fazer compras em supermercado, leve seu filho e ensine a ele coisas como, formas do produto (quadrado, oval), cores, números, pesado, leve, grande, pequeno, etc.. O mundo nos possibilita inúmeras oportunidades de aprender, basta apresentar essas oportunidades ao seu bebê.

Aplauda o seu bebê.

Quando o seu bebê obter algum sucesso seja na escola ou até mesmo em casa, parabenize-o e quando aparecer as dificuldades seja companheiro de seu filho, fale palavras de carinho, afinal tudo ainda é uma descoberta para o seu bebê e ele precisa de seu apoio e de seu amor.

A leitura é um mundo a ser descoberto

Leia para o seu bebê, mostre as figuras contidas nos livros, se empolgue durante a leitura e imite os personagens. Acredite, quando os pais leem para os filhos marcam a vida deles. O amor é a melhor lembrança.

Utilize livros infantis de acordo com a idade de seu bebê.

Cuidado ao punir

É preciso saber dizer NÃO. Para dizer não, gritar e bater são atitudes desnecessárias e ruins. Explique ao seu filho o porquê da resposta negativa, converse com ele caso for aplicar algum castigo. Não apele para agressões físicas nem verbais. Basta dizer que não vai levar para passear no final de semana, ou que ele ficará um dia sem ver o desenho que ele mais gosta. Enfim, saiba dizer não sem provocar agressão. E também não menos importante, cumpra o que foi dito. Por isso, não diga que ele ficará um mês sem ver televisão se você tem certeza que não conseguirá manter esse castigo. É preferível dizer que hoje ele não irá assistir televisão, já que você terá maiores chances de fazer cumprir essa determinação.

Curta seu bebê

Podemos dizer que bebês possuem um talento especial de conquistar o nosso coração, permita-se encantar-se por seu bebê até porque um dia ele crescerá e essa fase passa rápido, portanto valorize-a.

guiadobebe

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Agricultura pode ajudar Brasil a erradicar pobreza, diz representante da FAO

agriculturaNos dias 16 e 17 de outubro são celebrados os dias Mundial da Alimentação e Internacional da Erradicação da Pobreza, respectivamente. Dados da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) indicam que o Brasil tem capacidade e condições de atingir a meta de erradicar a pobreza até 2030. Em 2013, o país saiu do Mapa da Fome da FAO, documento que revela que menos de 5% da população ainda vive na pobreza extrema.

Segundo o assistente do representante da FAO no Brasil, Gustavo Chianca, a agricultura pode ajudar o Brasil a cumprir a meta, mesmo com a crise econômica. “A capacidade que o Brasil tem de aumentar sua produção, dar emprego e melhorar as atividades econômicas na agricultura é muito grande”, disse Chianca.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), apesar dos avanços, quase 800 milhões de pessoas ainda passam fome no mundo.

 

Agência Brasil

Dia ‘D’ do Outubro Rosa terá mamografia, biópsia e campanha para ajudar o Laureano

Hospital-Napoleao-LaureanoA Campanha “Dê uma chance para elas”, do Outubro Rosa deste ano, terá seu dia ‘D’ no próximo sábado (17), quando o Hospital Napoleão Laureano, em João Pessoa, fará um grande mutirão para a realização de mamografias e biópsias em mulheres com suspeita de tumor na mama. O trabalho será em parceria com a ONG Amigos do Peito e a Rede Feminina de Combate ao Câncer.

Iniciar o tratamento no início da doença é fator primordial para combater o câncer, mas para isso, conforme a mastologista e presidente da ONG Amigos do Peito, Joana Barros, é fundamental o acesso ao serviços médicos. Porém, algumas mulheres chegam a levar um ano para conseguir realizar uma biópsia, confirmar o tumor e, assim, começar o tratamento.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

“Sabendo que sem a biópsia você não consegue iniciar o tratamento, a gente está fazendo essa campanha buscando agilizar o tratamento dessas mulheres e tentar salvar a vida delas, porque o tempo é um fator importantíssimo para a cura”, enfatizou Joana Barros.

Ajuda ao Laureano

Mas, o câncer de mama não é a única preocupação das entidades parceiras no combate à doença. As dificuldades enfrentadas pelo Hospital Napoleão Laureano – que é filantrópico e, por isso, vive de doações – também têm chamado a atenção da ONG Amigos do Peito e da Rede Feminina de Combate ao Câncer.

Por causa disso, o dia ‘D’ de combate ao câncer de mama também será um dia de contribuição para a unidade de saúde que atende pessoas de toda a Paraíba. “Resolvemos aproveitar para sensibilizar as pessoas sobre as dificuldades do Laureano. Por isso, estamos pedindo que aqueles que puderem fazer uma doação de lençóis, fronhas e travesseiros, todos brancos, que ajudem. A doação também pode ser de produtos de higiene pessoal”, apelou Joana Barros.

Previsão da doença

A previsão da Secretaria de Saúde do Estado é de que o câncer de mama afete 750 mulheres em 2015 na Paraíba, sendo 270 só em João Pessoa. Em nove meses do ano já foram registrados 143 óbitos, o que corresponde a 59% do total registrado em 2014, que foi de 241 vítimas de câncer.

 

 

correiodaparaiba

Barragens subterrâneas prometem ajudar paraibanos no convívio com a seca

Divulgação/Secom-PB
Divulgação/Secom-PB

Pelo menos para 2,3 mil comunidades das quase 200 cidades paraibanas em estado de emergência na Paraíba, o sonho de poder conviver com a seca e permanecer no campo produzindo pode se tornar uma realidade. Uma ideia simples e que precisa apenas do apoio técnico e de investimentos parceiros dos governos do Estado e dos Municípios será implementada, conforme o secretário de Agricultura Familiar da Paraíba, Lenildo Morais, para ajudar os agricultores que enfrentam o desafio de sobreviver às secas cíclicas e à escassez de água até para o consumo humano e animal.

Lenildo Morais informou que o edital de licitação do programa de construção das barragens será lançado até a próxima quarta-feira (1º). Ele disse, ainda, que para participar, os municípios precisam estar entre os critérios do programa. Entre esses critérios, segundo Lenildo, estão ser uma das 197 cidades que por decreto governamental estão em situação de emergência.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Lenildo informou ainda que as solicitações dos agricultores a serem beneficiados têm que ter a aprovação dos Conselhos Municipais de Desenvolvimento Rural Sustentável.

Entre os critérios também está a adesão da gestão municipal ao programa das barragens subterrâneas através da página online da Secretaria de Desenvolvimento e Articulação Municipal do Estado e ter a declaração de aptidão ao Programa Nacional de Agricultura Familiar (Pronaf).

Poços e caixas d’água

As barragens subterrâneas são estruturas simples feitas para barrar e armazenar a água das chuvas e dos riachos no interior do próprio solo. Cerca de 2 mil serão construídas com as máquinas e implementos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), segundo o secretário Lenildo Morais, e outras 300 serão implementadas em parceria com o Projeto de Desenvolvimento Sustentável do Cariri, Seridó e Curimataú (Procase).

Junto às barragens e para ampliar a capacidade de utilização da água, serão construídos também poços amazonas e caixas d’água pré-moldadas. Lenildo explicou que o poço serve para retirar a água armazenada na barragem para ser utilizada em pequenas irrigações.

Ele acredita que com a técnica será possível ao agricultor plantar culturas que precisem de mais água, a exemplo do arroz e forrageiras. “Dependendo do tipo de cultura implantada pode-se ter mais de uma colheita no ano”, previu.

Na opinião do secretário, a garantia do suporte hídrico é o primeiro passo para o desenvolvimento sustentável das comunidades localizadas no semiárido. “Com a água, e a partir de tecnologias sociais multiplicáveis, poderemos aumentar a resiliência das unidades familiares de produção frente aos períodos de estiagem”, garantiu.

Como funciona

As barragens subterrâneas são construídas durante o período seco. São utilizadas lonas plásticas enterradas no subsolo dos leitos de rios e riachos para barrar o escoamento da água das chuvas que circula no solo.

A escavação deve ser perpendicular ao sentido da descida das águas até a profundidade onde se encontra a camada mais dura do subsolo, normalmente chegando até 4 metros de profundidade. Dependendo das condições do terreno, a vala cavada pode se estender entre 30 e cem metros. Nela é estendida a lona plástica com 200 micas de espessura. Após estender a lona por toda extensão da vala, ela é coberta com a terra originária da própria escavação.

A impermeabilidade implantada na vala irá barrar e armazenar a água no subsolo, diminuindo também a evaporação. Com a técnica, a área se transforma numa vazante onde a umidade permanece por meses. O resultado é que os agricultores poderão cultivar mesmo em períodos de seca e estiagem prolongados.

Além da agricultura familiar, a pecuária de subsistência também poderá ser beneficiada com o cultivo de forragens e com o armazenamento de água para alimentar o rebanho.

 

 

portalcorreio

Motorista desce de ônibus para ajudar cego atravessar a rua

motoristaIdentificado como Alex, uma atitude do motorista de ônibus, da linha Geisel 202, chamou a atenção e ganhou repercussão nas redes sociais. O motorista desceu do ônibus que estava dirigindo pra auxiliar um deficiente visual a atravessar a movimentada rua,  Waldemar Galdino Naziazeno, no Geisel, Zona Sul de João Pessoa.

O cego havia decido do ônibus, mas ninguém que estava na rua lhe auxiliou. O motorista então tomou a iniciativa.

O caso foi relatado por internautas, como Ana Karla Fernandes: “Me surpreendi com a atitude do motorista”.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

MaisPB

Células-tronco podem ajudar na recuperação de AVC, diz estudo

celulas-troncoUm estudo piloto da Imperial College London revelou que infundir células-tronco no cérebro pode ajudar a melhorar a recuperação após um acidente vascular cerebral. Os cientistas acreditam que as células incentivam novos vasos sanguíneos a crescerem em áreas danificadas do cérebro. Segundo os responsáveis pelo estudo, a maioria dos pacientes foram capazes de caminhar e cuidar de si de forma independente até o final dos testes, apesar de terem sofrido acidentes vasculares cerebrais graves.

Embora outros tratamentos com células-tronco têm se mostrado promissores como terapia acidente vascular cerebral, este é o primeiro estudo no Reino Unido para investigar o uso desse tipo de abordagem na primeira semana depois de um acidente vascular cerebral.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Neste primeiro teste – destinado principalmente a testar a segurança do estudo – os pesquisadores colheram células-tronco da medula óssea de cinco pessoas que tinham tido recentemente um acidente vascular cerebral.

Eles isolaram determinados tipos de células-tronco – conhecidas como CD34 +. Estas têm a capacidade de estimular o crescimento de novos vasos sanguíneos. Em seguida, elas foram infundidas diretamente em áreas danificadas do cérebro, através da principal artéria que fornece essa região.

Durante seis meses os pacientes foram monitorados pelos pesquisadores, que observaram a capacidade de realizar atividades diárias de forma independente. Quatro dos cinco doentes sofreram acidentes vasculares cerebrais graves, que resulta na perda da fala e paralisia de um lado do corpo. Este tipo de acidente vascular cerebral geralmente tem uma alta taxa de mortalidade e de invalidez.

Mas os pesquisadores apontaram que três dos quatro pacientes foram capazes de caminhar e cuidar de si de forma independente no final do período. E com um pouco de ajuda, todos os cinco conseguiam se mover e podiam participar de tarefas diárias. Os cientistas esperam que o contato rápido com os pacientes vá aumentar as chances de sucesso.

– Esta é uma pesquisa que, apesar de inicial, é encorajadora e emocionante. Agora precisamos olhar para um grupo maior de pacientes e esperar, eventualmente, para desenvolver um tratamento baseado nesta abordagem – afirmou a BBC Soma Banerjee, que conduziu o estudo.

Já o estudioso Tim Chico, da Universidade de Sheffield, que não estava envolvido no estudo, afirmou ser importante compreender que esse é apenas o primeiro passo para um possível tratamento de AVC que não prova que o tratamento com células-tronco melhores a recuperação desses pacientes.

– Será necessário um teste muito maior para comparar o tratamento com células tronco do tratamento sem células-tronco – alertou e complementou que qualquer um que tenha visto as consequências de um AVC vai incentivar a contínua pesquisa de médicos e cientistas.

O Globo

Cientistas usam impressora 3D e criam câncer em laboratório para ajudar em tratamento

cancerExiste muita esperança em torno de impressoras 3D capazes de produzir coisas com células vivas – novos órgãos para quem precisa de um transplante ou pele para vítimas de queimaduras, por exemplo. Mas agora elas estão sendo usadas com um objetivo inusitado: imprimir tumores.

A ideia é criar, em laboratório, um modelo de tumor cervical mais próximo do encontrado em pacientes. Normalmente, células cancerígenas são estudadas em placas de petri e acabam sendo modelos em 2D dos tumores. Com um modelo em 3D, cientistas podem analisar melhor o seu comportamento e ver como o câncer reage a diferentes tipos de treinamento. Quanto mais realista é o modelo, mais promissores são os tratamentos que funcionam nele.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Ou seja: criar câncer pode ser um passo para curar câncer.

Atualmente, uma equipe internacional de cientistas trabalha no projeto – detalhado pela revista especializada IOP Science.

Galileu

Reflexo dos olhos em foto pode ajudar a desvendar crimes

reflexo-nos-olhosPesquisadores da Universidade de Glasgow descobriram como identificar pessoas em fotos através do reflexo do olho de quem aparece na imagem. As fotografias usadas no experimento tinham 27×36 pixels e, com zoom nos olhos dos modelos, foi possível visualizar quem estava do outro lado – quem tirava a foto, por exemplo.

“Para crimes em que as vítimas são fotografadas (por exemplo, tomada de reféns, abuso sexual infantil), os reflexos nos olhos do objeto fotográfico poderiam ajudar a identificar os autores”, disseram os pesquisadores Rob Jenkins e Chistie Kerr, conforme repercutido pela Sky News.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Embora eles tenham tocado o experimento com uma câmera de 39 megapixels em ambiente bem iluminado, a proliferação de celulares com lentes potentes pode facilitar o trabalho de investigadores que precisarem usar a técnica.

Olhar Digital