Arquivo da tag: ajudando

Pe Luciano diz que fiéis devem pregar com oração e atitudes solidárias, ajudando os que sofrem

 

Padre_LucianoO padre Luciano Guedes da Silva, pároco da Catedral de Nossa Senhora da Conceição, no centro de Campina Grande, afirmou, durante Missa celebrada neste domingo (08) que os fiéis devem evangelizar com muita oração e, acima de tudo, atitudes solidárias, ajudando os irmãos que sofrem. Esta foi a mensagem contida no Evangelho de São Marcos, na Liturgia da Palavra deste domingo.

 

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

“Nós somos pregadores de uma palavra abstrata. A nossa evangelização não pode ser um discurso que passa por cima da cabeça das pessoas. Nossa palavra pregada precisa ser uma palavra que toca a realidade interior, vivida por cada pessoa. Uma evangelização que vai ao encontro dos pequenos, dos que sofrem”, destacou o padre.

 

Segundo ele, a nossa pregação “precisa ser acompanhada pela atitude solidária de irmos ao encontro das pessoas, ir à casa das pessoas, ir à habitação das pessoas”. Padre Luciano alertou para o fato de que o Evangelho de São Marcos aponta para uma igreja sempre missionária, pronta para evangelizar. “Quando Jesus é procurado pelos discípulos, avisa a eles: ‘é preciso ir a outras aldeias, porque foi para isto que eu vim’”.

 

O pároco lembra que os sinais de Jesus contidos no Evangelho deste domingo, como a cura da sogra de Pedro e de tantas outras pessoas em Cafarnaum, e a presença de Jesus no meio do povo, nos sugerem o que devemos ser enquanto seguidores de Cristo.

 

“Vamos rezar para que nossa vida, nosso testemunho de fé seja sempre marcado pela nossa solidariedade com os que estão doentes, com os que estão enfermos, cansados, com toda a humanidade que está ferida de dor e que deseja abrir-se para a fé em Deus, porque toda pessoa que é curada por Jesus é curada para servir, para tornar-se também um discípulo, um missionário, um proclamador da Sua palavra”, disse Pe Luciano.

 

Poder da Oração – Pe Luciano lembrou que é através da oração que conseguimos realizar o que Jesus nos pediu. “Vamos rezar neste domingo pela nossa evangelização, nossa necessidade de ir ao povo que sofre. Que nossa evangelização seja marcada pela força do Evangelho, que dá às pessoas a percepção de que Deus as acompanha e as cura de seus males e as faz servidoras e evangelizadoras dos povos”.

 

Ele alertou para a falta de oração, que pode prejudicar a vida dos cristãos. “Não nos esqueçamos da necessidade sempre de rezar. Sem a oração, aquele que prega a palavra pode se tornar tentado a ser ele mesmo o centro da ação. E o centro da ação é Deus. A oração é condição indispensável para redobrar as forças e partir sempre para a missão”.

 

Ele lembrou palavras do papa João Paulo II, em exortação à oração. “Para João Paulo II, a oração era o primeiro serviço. Vamos, com a vida alimentada pela Palavra, pela Eucaristia, redobrar as forças dos que estão doentes, dos que estão sofrendo, dos que estão enfermos. Sejamos bons evangelizadores nesta semana, para que se fortaleça em nós a força de Deus, que nos faz levantar para servir a Deus e ao Seu reino”.

 

Pascom – Catedral