Arquivo da tag: agredir

Após denúncia de vizinhos, pizzaiolo é preso por agredir esposa

Um pizzaiolo de 25 anos foi preso em flagrante nesta segunda-feira (13), por agredir e ameaçar a esposa. Ele estava no interior da casa onde mora, na comunidade Boa Esperança, no bairro do Cristo Redentor, na Zona Oeste de João Pessoa.

Segundo a delegada Josenise Andrade, a vítima foi agredida fisicamente durante a noite desse domingo (12), mas teve medo de pedir ajuda e permaneceu calada ao lado do agressor. Porém, vizinhos perceberam as lesões e avisaram o caso aos familiares da mulher.

“A vítima foi trazida para a delegacia pelos familiares. Ao ser ouvida, ela nos relatou que o agressor fez ameaças de morte e tem histórico criminal. De imediato, determinei que nossos agentes saíssem para prender o agressor”, afirmou a delegada. Os policiais cercaram a casa e não houve resistência.

O pizzaiolo foi conduzido à delegacia onde será autuado por crimes de ameaça e lesão corporal, com base no Código Penal Brasileiro e Lei 11.340/06 (Lei Maria da Penha).

Ele permanecerá preso na carceragem da Central de Polícia até ser apresentado à audiência de custódia, nesta terça-feira (14).

 

portalcorreio

 

 

Homem suspeito de agredir a mulher com barra de ferro e incendiar casa é preso, na PB

Um homem suspeito de quebrar o braço da esposa e atear fogo na casa em que eles moravam foi preso, na tarde desta quinta-feira (9), no município de Santa Rita, Grande João Pessoa, de acordo com a Polícia Civil. O caso aconteceu no dia 13 de janeiro de 2019 e a mulher pretendia arquivar o processo nesta quinta-feira.

Segundo a delegada Paula Monalisa, da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, ele é suspeito de tráfico de drogas, roubo e receptação, além de já ter uma outra queixa da mesma vítima, relacionada a violência contra a mulher. O casal tem um filho.

À época do crime, conforme a delegada, a mulher foi levada para a delegacia de plantão, iniciou o procedimento, recebeu o aparelho “SOS Mulher”, que a mantinha em contato com o Centro Integrado de Operações Policiais (Ciop), e teve uma medida protetiva concedida pela Justiça.

Um mandado de prisão foi expedido, mas o suspeito fugiu para o Rio de Janeiro e só retornou esta semana. A delegada informou que, nesta quinta-feira, a vítima foi até a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher do município e contou que voltou a conviver com o marido e que pretendia arquivar o processo. Contudo, Paula Monalisa informou que pediu para que a mulher levasse o marido até a delegacia para ser ouvido.

Em depoimento, ele afirmou à delegada que não quebrou o braço da esposa com uma barra de ferro, como a vítima tinha inicialmente relatado, mas que ele estava tentando abrir o portão com o objeto, quando ela passou e, por isso, acabou a machucando.

Entretanto, de acordo com a delegada, ele negou que o braço tenha quebrado e que tenha dado um tapa no rosto dela. O suspeito afirmou ainda que havia bebido e usado drogas e que não lembro do caso.

Após isso, a delegada cumpriu o mandado de prisão e encaminhou o homem para realizar o exame de corpo de delito. Ele será levado para a carceragem da Central de Polícia Civil, onde deve aguardar a audiência de custódia, que deve ocorrer nesta sexta-feira (10).

G1

 

Diretor de hospital é acusado de agredir verbalmente médico em Serraria

Um fato lamentável aconteceu na quinta-feira (18) no hospital Estadual da cidade de Serraria. Segundo boletim de ocorrência registrado na delegacia de Solânea, o diretor do hospital é acusado de agredir verbalmente um médico da unidade que estava de plantão.

Dr. Humberto de 70 anos de idade, relatou à Policia Civil que o diretor Antônio Eduardo desferiu contra o mesmo, várias palavras de baixo calão. No boletim ainda há o relato de que o diretor chegou a tomar o celular da mão do médico por estar gravando as possíveis agressões.

Testemunhas relataram que algumas pessoas presentes tiveram que acalmar o diretor
com medo de uma agressão física.

Segundo o médico, as agressões ocorreram porque o diretor queria que o mesmo realizasse um procedimento médico, mesmo com o hospital interditado pela vigilância sanitária.

O FN não conseguiu contato com o diretor para que ele explicasse sua versão.

 

Redação FN

 

 

Em Araçagi, homem é preso em flagrante depois de agredir o pai de 72 anos

Policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) prenderam em flagrante, na noite dessa quinta-feira (28), na zona rural do município de Araçagi, um homem suspeito de agredir o próprio pai, um idoso de 72 anos de idade.

Os militares foram informados, através de familiares da vítima que ligaram para o 190, de que o homem teria chegado na casa do pai, localizada no Sítio Gravatá de Piabas, com sinais visíveis de embriaguez, passando a agredi-lo fisicamente.

Quando a guarnição chegou ao local, o suspeito tinha evadido, mas de forma rápida os policiais conseguiram localizá-lo e prendê-lo. Ele foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil e autuado em flagrante pelo crime de lesão corporal.

 

4º BPM

 

 

Padeiro é preso suspeito de agredir a própria mulher, em Solânea 

A violência contra a mulher não para de deixar vítimas no município de Solânea. Nesse domingo (04), um homem de 37 anos foi preso suspeito de agredir a própria mulher. Além desse crime, ele reagiu à prisão cometendo desacato.

O fato aconteceu por volta das 23h, quando a Polícia Militar foi acionada por populares, informando que o suspeito estava agredindo a mulher e a ameaçando com uma faca.

No momento em que os policiais chegaram ao local, o padeiro ainda estava com a arma na mão e a vítima apresentava escoriações na boca.

Feito o flagrante, foi dada voz de prisão ao suspeito, que desobedeceu e, com isso, se fez necessário o uso da força policial para contê-lo.

 

Focando a Notícia

 

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Policiais do 4º BPM prendem acusado de agredir esposa em Guarabira

Policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) prenderam nesta quinta-feira (14), no Conjunto Mutirão, em Guarabira, um homem acusado de violência doméstica depois que ele agrediu fisicamente a esposa. Segundo a vítima, os dois caminhavam pelo Sítio Areia Branca quando teria acontecido uma discussão verbal entre os dois.

O acusado, segundo ela, pegou um porrete e a agrediu, causando uma lesão no seu braço direito. A viatura comandada pelo cabo Umbelino esteve no local e prendeu o acusado, conduzindo-o para a Delegacia de Polícia Civil, onde ele foi autuado em flagrante.

Assessoria 4º BPM

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Homem é preso acusado de agredir companheira e ameaçar sogro

Os policiais estiveram no local e conduziram as vítimas e o acusado para a Delegacia de Polícia Civil (Foto: Walla Santos)

A Polícia Militar prendeu nessa quarta-feira (8), um homem acusado de violência doméstica e porte de entorpecente. A prisão ocorreu no Sítio Areia Branca, em Guarabira, Agreste Paraibano.

A vítima, de 18 anos, contou que o acusado, com quem mantinha uma relação conjugal, a expulsou de casa e, no momento em que ela arrumava seus objetos pessoais para ir embora, foi agredida fisicamente por ele.

Ela foi para a residência da família e lá foi surpreendida pelo companheiro, que passou a ameaçar também o seu pai, dizendo que só iria embora depois que tirasse a vida dele e o xingando.

Os policiais estiveram no local e conduziram as vítimas e o acusado para a Delegacia de Polícia Civil.

ClickPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Homem é preso acusado de agredir esposa e filho de 11 meses em Guarabira

Foi preso por policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar), na noite deste domingo (2), no Conjunto Lucas Porpino, em Guarabira, um homem acusado de agredir fisicamente a mulher e o filho, de 11 meses de idade. A mulher relatou o caso aos policiais da Força Tática, comandada pelo Sd Couto, que deram início às diligências à procura do acusado. Ele foi localizado e preso, em seguida, conduzido à Delegacia de Polícia Civil, onde foi autuado em flagrante pelo crime de violência doméstica.

VEÍCULO ADULTERADO – Na cidade de Araçagi, após receberem um telefonema anônimo informando sobre um veículo com a numeração do motor adulterada, a guarnição foi até o local e, após consulta ao Infoseg, constatou a veracidade da denúncia.

O veículo e o proprietário foram conduzidos até a delegacia, onde foi lavrado um TCO (Termo Circunstanciado de Ocorrência).

Assessoria 4º BPM

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Alunas são apreendidas suspeitas de agredir funcionária de escola na PB

escolaDuas estudantes adolescentes foram apreendidas suspeitas de agredirem uma funcionária da escola onde estudam, no Monte Castelo, em Campina Grande. De acordo com a Polícia Civil, elas foram apreendidas após uma ação contra crimes em instituições de ensino.

Ainda conforme a Polícia Civil, as adolescentes agrediram a funcionária com chutes, tapas e puxões de cabelo. A funcionária não precisou ser atendida no hospital porque teve ferimentos leves. As adolescentes foram autuadas em flagrante e, em seguida, liberadas.

Após o caso, as aulas foram suspensas. “Os alunos foram todos liberados. Essa foi a primeira vez [que aconteceu algo assim]. Desde que trabalhei aqui, nunca tinha acontecido nada desse tipo, não”, declarou o vigilante da escola, Joaquim Pereira. Ainda segundo ele, não havia rixa entre as alunas e a funcionária, foi apenas um desentendimento.

Os policiais fizeram a apreensão após receberem denúncias sobre o caso. A ação foi realizada pela Delegacia de Infância e Juventude. A polícia informou aos pais das meninas para que apresentem as adolescentes ao Ministério Público e à Vara de Infância e Juventude.

G1 PB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Victor, da dupla com Leo, é acusado de agredir esposa grávida

O cantor Victor Chaves Zapala, dupla Victor e Leo, foi acusado pela mulher de agressão. Poliana Bagatini foi até uma delegacia da Polícia Civil por volta das 11h da manhã dessa sexta-feira (24) e encaminhada à Delegacia da Mulher de Belo Horizonte, em Minas Gerais. O delegado emitiu uma guia para a realização do exame de corpo de delito, mas Poliana não quis aguardar e foi embora do local.

De acordo com o boletim de ocorrênica, o músico de 41 anos jogou a mulher no chão e a agrediu com chutes algumas vezes. Após a confusão, um segurança do cantor e a irmã dele teriam impedido Poliana de deixar o local, mas uma vizinha ouviu os gritos e ajudou a mulher.

A Polícia Civil vai investigar Victor, que ainda não se manifestou sobre o assunto. Todas as partes envolvidas, incluindo novamente Poliana, serão ouvidas logo após o feriado de Carnaval, já que a delegacia funciona em esquema de plantão e só deve atender emergências no período.

O casal tem uma filha, Maria Vitória, de pouco mais de 1 de idade, e Poliana está grávida do segundo bebê. Eles anunciaram a gravidez há pouco mais de um mês. Atualmente, Victor é jurado do programa The Voice Kids, ao lado do irmão Leo.

 

Victor Chaves e Poliana Bagatini (Foto: Reprodução / Instagram)
Victor e a namorada, Poliana Bagatini (Foto: divulgação)
revistaquem

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br