Arquivo da tag: agenda

Agenda de ex-governador da PB registra supostos pagamentos ilícitos feitos por radialista, diz MP

O radialista Fabiano Gomes, preso na oitava fase da Operação Calvário, teria relação com pagamentos ilícitos de propina, de acordo com a denúncia do Ministério Público da Paraíba (MPPB). Durante a sétima fase da operação, foi encontrada uma agenda do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) onde existem registros dos pagamentos supostamente realizados por Fabiano Gomes.

A 8ª fase da Operação Calvário e investiga a lavagem de dinheiro de recursos desviados de organizações sociais da área da saúde, por meio de jogos de apostas autorizados pela Loteria do Estado da Paraíba (Lotep).

Conforme o documento, nos manuscritos da agenda pessoa de Ricardo Coutinho, Fabiano Gomes teria relação com “tanques com dinheiro”; “dois cartões de gasolina” que totalizam o montante de mais de R$ 11 milhões; “devolução de R$ 460 mil”, como uma suposta propina que teria retornado a Fabiano sob o controle de Ricardo Coutinho; e um repasse de R$ 100 mil para um jornalista feito por Ricardo Coutinho a pedido de Fabiano Gomes.

Além disso, de acordo com as informações do MPPB, Fabiano Gomes está vinculado ao quadro de sócios de sete empresas. Uma dela teria recebido do Governo do Estado um valor superior a R$ 9 milhões.

Para comprovar o envolvimento de Fabiano Gomes com Ricardo Coutinho, o MP mostra que são mencionados manuscritos contidos agenda pessoal e que evidenciam repasses sistemáticos de propina ao radialista como R$ 30 mil, os quais teriam relação com os desdobramentos da Operação Xeque-Mate.

Oitava fase da Operação Calvário investiga desvio de dinheiro por meio de jogos de aposta, na Paraíba — Foto: Divulgação/PF-PB

Oitava fase da Operação Calvário investiga desvio de dinheiro por meio de jogos de aposta, na Paraíba — Foto: Divulgação/PF-PB

O que dizem os citados

  • Fabiano Gomes: A defesa do radialista Fabiano Gomes ainda não teve acesso a decisão do desembargador Ricardo Vital, mas acompanha a busca e apreensão e a prisão temporária. No entanto, informou estar surpresa com ação, pois, segundo a defesa, “Fabiano até então não era investigado, citado ou sequer foi ouvido antes pelo Gaeco na Operação Calvário, a quem sempre se colocou e novamente se coloca à disposição para todo e qualquer esclarecimento”.
  • Ricardo Coutinho: de acordo com a defesa, como Ricardo não é alvo da operação, apenas foi citado, e a defesa não teve acesso ao conteúdo da denúncia, não haverá posicionamento no momento.

Oitava fase da Operação Calvário

O radialista Fabiano Gomes foi preso na manhã desta terça-feira (10) na oitava fase da Operação Calvário, em João Pessoa. Ele é suspeito de atrapalhar as investigações solicitando dinheiro aos investigados para não divulgar informações sigilosas. Segundo o blog de Matheus Leitão, do G1, o radialista também vai responder por porte ilegal de arma. Outros nove mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos em João Pessoa e Bananeiras, na Paraíba. Um auditor também é investigado.

De acordo com as investigações, parte dos recursos teriam sido desviados com a participação de um auditor do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB). Ele teria recebido uma valor para atrapalhar a fiscalização nas organizações sociais.

Além disso, também com o objetivo de impedir a investigação da Operação Calvário, o radialista Fabiano Gomes estaria utilizando canais da imprensa para constranger os investigados ou potenciais investigados. Ele teria solicitado a eles uma quantia em dinheiro para não revelar nenhum conteúdo sigiloso sobre eles.

Também foram alvos de busca e apreensão o irmão do ex-governador da Paraíba, Coriolano Coutinho, acusado de ser sócio oculto do Paraíba de Prêmios (jogo de oposta); Mayara de Fátima Martins de Souza, chefe de gabinete de Estela Izabel, e secretária-geral da Cruz Vermelha Brasileira (CVB); e Denylson Oliveira Machado, um dos responsáveis pelo Paraíba de Prêmios.

G1

 

Ministro do STF diz que Wilson Santiago colocou mandato a serviço de agenda criminosa

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Celso de Mello, afirmou que o deputado Wilson Santiago (PTB-PB) pôs seu mandato à serviço de uma agenda criminosa. A declaração foi feita ao determinar o afastamento do parlamentar, alvo da Operação Pés de Barro, em dezembro de 2019.

A informação é do Antagonista.

A Câmara dos Deputados vai a plenário em fevereiro, após o recesso, para decidir o afastamento de Wilson Santiago.

“Desse modo, o conjunto de dados indiciários antes referido – registrados em arquivos de som e imagem – parece indicar, em suporte ao pedido de afastamento cautelar do mandato parlamentar ora em análise, que o congressista sob investigação pôs seu mandato a serviço de uma agenda criminosa, em ordem a dar concreção, no plano factual, à sua aparente “auri sacra fames”, degradando-se o ofício legislativo, em tal contexto delinquencial, à subalterna condição de instrumento destinado a alimentar corruptas venalidades”, escreveu o ministro.

A PF chegou a pedir a prisão do deputado, mas Celso de Mello considerou o afastamento da Câmara como medida mais adequada diante da “probabilidade de utilização das prerrogativas inerentes ao ofício parlamentar para o fim espúrio de propiciar, em favor do congressista em referência, a continuidade e a subsistência do aparente esquema de corrupção instaurado por esse investigado, cujo alegado plano criminoso, por ele próprio concebido, teria encontrado suporte, segundo se sustenta, nas atividades de estruturada organização criminosa”.

O decano afirmou ainda que ao que tudo indica, o deputado  “convertera o seu mandato parlamentar em plataforma de ações delituosas, dirigidas, todas elas, para o fim de obter, à margem das leis da República, inadmissíveis (e criminosas) vantagens de caráter pessoal”.

 

clickpb

 

 

Vice-presidente Mourão altera agenda e adia para 2020 vinda à Paraíba

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão aditou para 2020 sua vinda à Paraíba. A agenda do vice estava prevista para este mês para participar na Semana Estadual do Empreendedorismo em João Pessoa, evento que acontecerá de segunda (4) a sexta-feira (8).

O adiamento ocorreu por causa da mudança na agenda de Mourão. Como ele esteve como presidente interino durante viagem de Jair Bolsonaro à Ásia,  a sua agenda também teve que ser modificada, alterando o calendário de compromissos.

A Semana Estadual do Empreendedorismo visa discutir e propor ações de incentivo ao empreendedorismo de micro e pequenas empresas, empresas individuais e cooperativismo em todo Estado da Paraíba. Inscrições para a Semana Estadual do Empreendedorismo, que acontece no auditório da Uninassau, são gratuitas e podem ser feitas no site da instituição.

A atividade contará com palestras, mesas redondas, espaço para exposição de produtos e serviços, rodadas de negócios e Momento Networking. No dia 5, uma mesa redonda abordará a temática dos Desafios do Desenvolvimento do Semiárido Paraibano. No Estado, 76,2% dos municípios integram o Semiárido e compartilham de problemas que são causados, principalmente, pela falta de uma política efetiva de convivência com a seca.

A Semana Estadual do Empreendedorismo é fruto de uma lei de autoria do presidente da Frente Parlamentar de Empreendedorismo e Desenvolvimento Econômico da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), deputado Eduardo Carneiro (PRTB). O evento visa discutir e propor ações de incentivo ao empreendedorismo de micro e pequenas empresas, empresas individuais e cooperativismo em todo Estado da Paraíba.

 

pbagora

 

 

Alegando ‘compromissos’, ministro Moro cancela agenda em João Pessoa

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, cancelou a viagem para João Pessoa. Ele viria hoje a capital paraibana para inaugurar a nova sede da Polícia Federal.

Moro precisou suspender o compromisso por causa de “compromissos urgentes” em Brasília. A nova data para entrevista ainda será definida.

Não foi informado se o ministro virá a capital paraibana em outra data.

pbagora

 

 

 

Primeira-dama, Michelle Bolsonaro, cumpre agenda na Paraíba nesta terça

A primeira-dama Michelle Bolsonaro deve desembarcar em Campina Grande nesta terça-feira (02) para participar da inauguração do Complexo Habitacional Aluízio Campos e conhecer projetos da prefeitura municipal. Michelle deve acompanhar o ministro da Cidadania Osmar Terra.

Romero convidou Michelle para visitar a Rainha da Borborema após uma palestra que o gestor proferiu durante o Seminário Internacional da Primeira Infância, em Brasília. Na ocasião o prefeito apresentou as experiências da prefeitura com os programas Criança Feliz e Centro Dia.

A informação da Coordenação de Comunicação da Prefeitura de Campina Grande é de que o próprio Planalto solicitou que a vinda de Michelle não fosse divulgada com antecedência por questões de segurança.

O desembarque de Michelle deverá acontecer no Aeroporto João Suassuna, em Campina Grande, às 11h, juntamente com a comitiva do Ministério da Cidadania. Logo em seguida ela deverá participar das solenidades e visitas que estavam previstas.

De acordo com a agenda que havia sido divulgada pelo ministro Osmar Terra, a comitiva deverá visitar o Centro Dia ainda durante a manhã. Na parte da tarde eles visitam as famílias do Programa Criança Feliz, no bairro Alto Branco.

O retorno de Michelle e da comitiva está prevista para acontecer ainda no fim da tarde desta terça-feira (02).

A assessoria do ministro, já havia adiantado que não haveria coletiva, nem espaço para a imprensa durante a agenda. Michelle Bolsonaro pretende realizar uma série de viagens pelo Brasil para promover os projetos sociais ligados ao Governo Federal.

paraiba.com.br

 

 

Maranhão recebe convocação partidária e suspende agenda de campanha, na PB, nesta 4ª

O senador e pré-candidato ao Governo da Paraíba, José Maranhão (MDB), cumpre agenda partidária em Brasília durante todo o dia desta quarta-feira (22), em atendimento a uma convocação realizada pelo partido. A agenda de campanha prevista para a data, em Campina Grande, foi suspensa.

Nota

Em virtude de uma convocação partidária, em Brasília, o Senador Zé Maranhão suspendeu a agenda de compromissos de campanha desta quarta-feira (22), em Campina Grande.

 

pbagora

Comando de Greve agenda coletiva para detalhar paralisação geral do dia 28

(Foto: Roberto Parizott-CUT)

Trabalhadores do campo e da cidade vão parar suas atividades no próximo dia 28, em protesto contra as Reformas da Previdência e Trabalhista. Durante todo o dia serão realizados atos públicos, panfletagens e protestos em vários municípios do Estado. Em João Pessoa, o ato será realizado às 14h, no Ponto Cem Reis.

O Dia Nacional de Greve na Paraíba já tem adesão de diversas categorias como ferroviários, comerciários, transporte coletivos, professores, bancários, servidores do judiciário, técnicos das universidades e a igreja Católica.

Para informar todos os detalhes da Greve Geral, será realizada nesta segunda-feira  (24), às 9h30min, no auditório da Federação dos Trabalhadores Rurais do Estado da Paraíba  (FETAG-PB), em João Pessoa, uma coletiva de imprensa com todo o Comando Geral de Greve.

Em panfleto distribuindo nas principais Ruas e Avenidas da Capital, o comando de greve faz algumas recomendações à população de como ajudar a greve geral, exceto em casos de urgência.

Não ir a mercado, farmácias, consultas médicas, restaurantes, lojas de eletrodomésticos, shopping, casa lotéricas, agências, agências bancárias, academias e faculdades.

clickpb

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Lula e Dilma se encaminham à Paraíba para ‘inauguração popular da Transposição’; agenda

lula-na-paraibaOs ex-presidentes Dilma e Lula (PT) são esperados em Campina Grande neste domingo (19) às 11h. De lá, os petistas seguirão para Monteiro onde realizarão o que vem sendo chamado de “Inauguração Popular da Transposição do Rio São Francisco: A Celebração das Águas”.

De acordo com a organização, mais de cinquenta mil pessoas vão participar do evento, incluindo nomes importantes como o governador Ricardo Coutinho (PSB) e o senador paraibano Lindbergh Farias (PT-RJ).

Confira agenda:

11h – Chegada de Lula e Dilma em Campina Grande

13h – Na entrada da cidade (em Monteiro), nas proximidades da ponte, Lula e Dilma plantarão árvores

15h – Início da carreata para o centro da cidade de Monteiro

16h – Previsão para o início do Ato

Yves Feitosa

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Números de celulares da PB ganham 9º dígito; veja como aplicativos atualizam agenda

Reprodução/Marcos Santos/USP Imagens
Reprodução/Marcos Santos/USP Imagens

A partir deste domingo (31), os números de celulares da Paraíba, e de outros cinco estados, ganham o dígito ‘9’ na frente, à esquerda dos números atuais. Para auxiliar os usuários, surgiram aplicativos gratuitos, tanto para aparelhos com sistema Android como para iOS, que prometem atualizar automaticamente toda a agenda telefônica e economizar o tempo de quem teria que adicionar o número ‘9’ em cada contato.

A adoção do nono dígito nos celulares é obrigatória e foi determinada pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), publicada no Diário Oficial da União (DOU) em 11 de novembro de 2014. Com isso, o número de qualquer celular utilizado na Paraíba deve ficar da seguinte forma: (83) 9xxxx-xxxx.

Um dos aplicativos que prometem facilitar a vida dos paraibanos é o ‘Novo Dígito BR’, que é gratuito e está disponível para download no Google Play para aparelhos Android.

Segundo as especificações do aplicativo, ele funciona em aparelhos com Android 2.1 ou superior. O aplicativo é de fácil interação com o usuário e a atualização dos números de contato é feita em dois passos.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Na tela inicial, o usuário digita o DDD que vai receber o novo dígito e avança para que o aplicativo busque todos os contatos que tenham o DDD escolhido pelo usuário. Na segunda tela, aparecem os contatos selecionados, bastando o usuário marcos todos os contatos e iniciar a operação.

Caso o usuário queira retornar aos números de contatos antigos, basta retornar em uma versão de backup, que fica disponível nos menus do aplicativo.

Aplicativo promete atualizar números automaticamenteFoto: Aplicativo promete atualizar números automaticamente
Créditos: Reprodução/Montagem/Portal Correio

Mesmo após o dia 31, ligações realizadas sem a inclusão do dígito 9 vão ser completadas por até 40 dias, prazo de transição para adaptação dos usuários e do sistema, segundo a Anatel. Depois desse período, as chamadas sem o nono dígito não vão funcionar.

A mudança não vai atingir números de telefones fixos ou de telefones móveis especializados.

 

portalcorreio

Cunha impõe agenda da bancada BBB: “bala, boi e bíblia”

cunhaO presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), tem conseguido unir três grupos de forte poder de pressão num só bloco, que passou a atuar conjuntamente em defesa de seus próprios interesses e na maioria das vezes contrários aos do governo da presidente  Dilma Rousseff. É a bancada “BBB”, uma alusão às iniciais de “bala, boi e Bíblia”.

Nas principais comissões e no plenário, as demandas dos três setores têm obtido vitórias graças ao apoio mútuo e à liderança do presidente da Câmara. Segundo reportagem do Estado de S. Paulo, a bancada da bala tem 275 parlamentares. A ruralista, 198, e a evangélica, 74. Vinte parlamentares atuam nas três, entre eles Cunha, que é evangélico. Nas frentes da “bala” e do “boi” há 105 deputados simultaneamente. E 22 congressistas estão nas frentes da “Bíblia” e da “bala” ao mesmo tempo. O presidente da bancada evangélica, João Campos (PSDB-GO), por exemplo, é delegado de polícia e vice-presidente da bancada da bala. Ao todo, 373 (73%) dos 513 deputados estão inscritos em pelo menos um dos três grupos.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Entre os resultados já obtidos pela ação conjunta, o mais robusto foi o da aprovação pela Comissão de Constituição e Justiça da Proposta de Emenda à Constituição da redução da maioridade penal, que estava parada na Câmara havia 22 anos. A comissão formada para redigir a PEC foi dominada pelos integrantes da Frente Parlamentar de Segurança Pública: 15 dos 27 membros decidirão qual será o conteúdo a ser levado ao plenário.

Uma grande vitória dos ruralistas com apoio de evangélicos e integrantes da bancada da bala foi a criação de uma comissão especial para elaborar um texto final sobre a PEC que transfere do Executivo para o Congresso a demarcação das terras indígenas. “Eles atuaram de forma unificada. Essas três bancadas têm uma lógica fundamentalistas”, crítica a deputada Erika Kokay (PT-DF).

Já a bancada da bala teve apoio para aprovar o projeto que torna crime hediondo assassinato e agressão a policiais com aumento da pena para quem usar menor em crimes.

Evangélicos tentam também garantir o apoio dos outros dois bês para que seja aprovado pela CCJ e, posteriormente, em plenário, o Estatuto do Nascituro, que dispõem sobre a proteção integral ao recém-nascido e prevê benefício para feto fruto de estupro. Também trabalham para barrar qualquer tentativa de avanço na Casa de pautas como a descriminalização do aborto. Têm ainda por objetivo a aprovação do Estatuto da Família, que define família como núcleo formado por homem e mulher.

A afinidade “BBB” aparece na lista de doadores de campanha. O presidente da frente ruralista recebeu a tradicional ajuda do agronegócio – dos grupos Cosan e Cutrale – e também contribuições de duas grandes empresas de armas, a Companhia Brasileira de Cartuchos, que doou R$ 15 mil, e a Taurus, que entregou o mesmo valor.

Já o deputado Alberto Fraga (DEM-DF), presidente da bancada da bala, recebeu R$ 80 mil da Taurus, mas também foi agraciado pelo agronegócio com R$ 50 mil da Avícola Catarinense.

Campos, líder da bancada evangélica, recebeu R$ 350 mil da Gentleman, empresa especializada em escolta armada.

 

brasil247