Arquivo da tag: Academia

Ex-prefeito é denunciado por construir academia em ferrovia tombada em Duas Estradas, PB

O ex-prefeito de Duas Estradas, Edson Gomes de Luna, foi denunciado em uma ação civil pública movida pelo Ministério Público Federal (MPF) na Paraíba suspeito de ter construído uma academia de saúde em uma estrutura tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Estado da Paraíba. A denúncia foi divulgada nesta terça-feira (14).

De acordo com o MPF, na época em que foi prefeito, Edson Gomes de Luna construiu a academia de saúde no pátio da estação ferroviária da cidade. O conjunto ferroviário teve seu valor cultural reconhecido nos termos da Lei 11.483/2007, estando inscrito na Lista de Patrimônio Cultural Ferroviário.

No caso de uma intervenção no local seria necessária autorização do Iphan, bem como da Secretaria do Patrimônio da União (SPU), do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e do respectivo órgão que detiver a guarda dos bens que o compõem. Na ação penal, o MPF pede contra o ex-gestor prisão de um a três anos, mais pagamento de multa.

O MPF pede também que a Prefeitura de Duas Estradas e o Iphan sejam condenados a ressarcirem os danos materiais e morais causados ao patrimônio histórico e cultural. É pedido o pagamento de R$ 100 mil que devem ser revertidos ao Fundo de Defesa de Direitos Difusos (FDD), além da demolição da obra inacabada, seguida da restauração do local.

A estação ferroviária de Duas Estradas foi inaugurada em 1904 pela companhia Great Western do Brasil, empresa inglesa que tinha a concessão da Estrada de Ferro Recife-Limoeiro. Foi erguida em terreno cedido pela família Costa. A ferrovia representou verdadeiro marco para a comunidade local, tendo impulsionado a economia agrícola e o desenvolvimento do comércio no início do século XX. O próprio nome do município decorreu do cruzamento entre a linha férrea e a rodovia que cortava a cidade.

G1

 

Projeto Academia de Lideranças debate participação das mulheres na política paraibana

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) apresentou, nesta segunda-feira (06), o projeto Academia de Lideranças – II Seminário A Política e as Mulheres, que visa promover a formação de políticas públicas na Paraíba e incentivar pessoas a entrar na política e participar de disputas eleitorais. A iniciativa foi do deputado Chió (Rede). Segundo ele, a ideia é qualificar os quadros que vão participar das eleições em 2020.

Chió explicou que o projeto teve início no município de Areia, no interior da Paraíba, e afirmou que o debate será realizado em outros municípios. Ele ressaltou a necessidade de discutir o tema para incentivar que mais mulheres participem da política no Estado.

“Esse encontro é essencial para que tenhamos uma política igualitária. A ideia da Academia de Lideranças é que a gente possa qualificar cada vez mais os quadros, que vão participar da política no próximo ano. Iniciamos essa formação em Areia com mais de 50 mulheres e temos visto que o problema é que falta suporte, falta incentivo para o engajamento delas”, disse o parlamentar.

Durante o evento, a coordenadora de Organização da Executiva Nacional da Rede Sustentabilidade, a ex-senadora Heloisa Helena, proferiu palestra para os participantes. Ela discutiu sobre estratégias partidárias para ampliar a participação do público feminino na política, falou sobre os desafios da mulher e o impacto da representação feminina na política.

“A gente sonha e luta todos os dias para que mais mulheres participem das instâncias de decisão política dos espaços de poder. Do mesmo jeito que tantas mulheres abriram caminhos para que muitas estivessem aqui, a gente continua lutando para garantir que mais delas participem da política. Sabemos que é muito difícil, porque há preconceito e machismo em todos os partidos. A dupla, tripla jornada de trabalho também impedem essa participação”, ressaltou Heloisa Helena.

Também participaram do encontro a vereadora Sandra Marrocos; a secretária executiva da Mulher e da Diversidade Humana, Lídia Moura; a prefeita de Pilões, Socorro Brilhante; a secretária das Mulheres da Fetag, Ivonete Leandro. O evento contou com líderes estudantis, integrantes de movimentos femininos, sindicalistas, donas de casa, servidoras públicas, vereadoras, empresárias e prefeitas, que compartilharam temas, dilemas e perspectivas de proposituras políticas femininas.

 

 

agenciaalpb

 

 

Vsteam Acadêmia realiza 1º aulão de Muay Thai em Solânea

aulaoA VSteam academia realizará na cidade de Solânea o 1º aulão de Muay Thai. O evento vai acontecer na sede da Queiroz Acedêmia localizada em frente ao CineTeatro da cidade.

“Estamos realizando o Aulão de Muay Thai, esporte já tradicional em nossa cidade, que vai acontecer no próximo dia 21 de janeiro, às 14 horas com o nosso mestre Valderi Silva de Campina Grande”, informou um dos organizadores, Vicente Spinelli.

Para se inscrever o participante pode entrar em contato com o próprio Spinelli pelo telefone/whats (83) 991481283.

A taxa de inscrição será apenas 10,00 + 1kg de alimento.

Focando a Notícia

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Academia Bio Fitness apresenta musical no próximo dia 20 em Cacimba de Dentro

cartazA academia Bio Fitness, com a professora de balett Djanira Menezes, realizará no próximo dia 20 o musical “O Mágico de Oz”. A apresentação acontece na Praça Perilo de Oliveira no Centro da cidade de Cacimba de Dentro.

Pelo terceiro ano consecutivo, a academia vem realizando mostras culturais entrando no calendário de eventos de fim de ano da cidade. “Estamos tentando mostrar o talento das alunas de ballet da academia que são todas da cidade e mostrar a cultura para população que não tem condições de ir ver um espetáculo desses no teatro”, ressaltou a professora.

O evento ganhou destaque na cidade. “O evento tem crescido tanto, que entramos no calendário de eventos de fim de ano da cidade. Vem gente de várias cidades assistir nosso espetáculo e este ano vamos apresentar o Magico de Oz, uma adaptação nossa para o natal”, destacou a professora Djanira.

Focando a Notícia

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Equipamentos para academia ao ar livre em Solânea devem custar R$ 243,6 mil

academiaOs moradores do município de Solânea deverão contar, já nos próximos meses, com uma academia ao ar livre que será construída pela prefeitura. O pregão presencial para a compra dos equipamentos já foi aberto e os custos, segundo Diário de Justiça do Tribunal de Contas do Estado, serão de R$ 243.649,95.

As academias ao ar livre já são uma realidade em várias cidades paraibanas e, principalmente, em João Pessoa. Elas atraem um grande público de cidadãos que querem manter a saúde em dia, mas não têm condições de pagar um ambiente privado.

Além disso, o fato de ser ao ar livre faz com que ela se torne mais atrativa por causa do clima e da temperatura agradáveis que atraem a simpatia dos moradores. Essas academias têm aparelhos que ajudam a trabalhar a força muscular e a ativar as articulações.

No entanto, é importante sempre ter a orientação de um profissional e um acompanhamento na hora de se exercitar.

academia_print

Focando o Notícia

Estudante que sumiu a caminho da academia é encontrada morta

A estudante Beatriz Cardoso da Rocha Oliveira, de 17 anos, foi encontrada morta, na manhã desta sexta-feira, dentro de um canal em Oswaldo Cruz, na Zona Norte do Rio. Ela havia desaparecido no último dia 31 de março, quando saiu de casa em Pilares, também na Zona Norte, para ir à academia, por volta das 20h. Segundo investigações da Polícia Civil, a jovem, quer era chamada por amigos e parentes de Biazinha, teria sido vista entrando num Renault Clio prata, ainda na esquina da rua onde a família mora. Um suspeito do crime já foi identificado e presta depoimento da Delegacia de Descoberta de Paradeiros (DDPA).

A jovem cursava o 2º ano do ensino médio
A jovem cursava o 2º ano do ensino médio Foto: Reprodução do Facebook

A família foi avisada do corpo encontrado no canal por agentes da Divisão de Homicídios (DH), que dá apoio às investigações do caso. A mãe, a enfermeira Suely Cardoso da Rocha Oliveira, reconheceu o corpo por fotos e saiu aos prantos do Instituto Médico-Legal (IML), sendo logo consolada por parentes. A causa da morte ainda não foi confirmada.

Mãe de Beatriz, Suely logo após reconhecer o corpo da filha
Mãe de Beatriz, Suely logo após reconhecer o corpo da filha Foto: Igor Ricardo / Extra

Ao EXTRA, ainda no IML, Suely disse que não descansará enquanto não ver o culpado pelo assassinato de sua filha condenado.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

– Vocês não podem imaginar a dor que eu estou sentindo. Minha filha é vítima de um crime e eu quero que o culpado seja punido severamente. Quero que ela, ele ou eles paguem pelo que fizeram. Minha filha era dócil, mas muito voluntariosa. Ela defendia com muito rigor as opiniões dela. Quero justiça – afirmou, emocionada.

Os parentes em frente ao IML
Os parentes em frente ao IML

Já o padrinho de Beatriz, Filipe Cardoso, lembrou que a jovem era “uma menina do bem e de bom coração”.

-Ainda estamos em choque com tudo isso – disse.

Beatriz teria entrado num Renault prata logo após sair de casa
Beatriz teria entrado num Renault prata logo após sair de casa Foto: Reprodução do Facebook

Antes de saber da morte da jovem – que cursava o 2º ano do ensino médio numa escola particular -, Suely havia dito ao EXTRA que tinha certeza de que a filha, que não tinha namorado, não havia sumido por vontade própria.

– Ela saiu de casa sem celular, dinheiro e documentos – contou ela.

O perfil da garota no Facebook foi desativo e recuperado por um primo
O perfil da garota no Facebook foi desativo e recuperado por um primo Foto: Reprodução do Facebook

Logo após o desaparecimento de Beatriz, o perfil dela no Facebook foi apagado. Um primo dela conseguiu recuperar a conta: “Depois de uma certa dificuldade recuperei o Facebook dela que foi misteriosamente desativado”.

Extra

Gafes na academia: veja os 10 erros mais cometidos

academiaA academia já não é mais só um lugar para malhar. Pesquisas revelam que as salas de musculação são ótimos lugares para conhecer pessoas novas e paquerar. E todos nós conhecemos pelo menos uma pessoa que passa horas na academia papeando, mas malhar que é bom, nada. Essa inversão de valores faz com que pessoas se matriculem nas academias só para “fazer social” e que alunos com objetivos reais de saúde sejam, muitas vezes, prejudicados.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

 

Veja quais são as 10 principais gafes cometidas nas academias e fique atenta para não cometer nenhuma.

1.       Puxar papo com quem está treinando

Este hábito é inconveniente porque, além de tirar a concentração da pessoa que está malhando – o que é importantíssimo para obter bons resultados e evitar lesões –, você pode atrapalhar a contagem das repetições, obrigando-a começar tudo de novo e prejudicando seu treino. Espere até que ela termine a série para conversar e lembre-se que o intervalo entre uma repetição e outra deve durar cerca de 40 segundos, portanto respeite este limite. A dica também vale para pessoas que estão de fones de ouvido: a menos que você as conheça bem ou que precise fazer alguma pergunta, evite incomodá-las.

Crédito: ShutterstockCrédito: Shutterstock

2.       Tirar fotos no espelho

A prática é mais do que comum nas academias. No entanto, é preciso muito cuidado para não acabar incluindo na foto alguém que não quer se expor – afinal, rosto suado + caretas é uma combinação que acaba com a imagem de qualquer um. Preste atenção para focalizar somente em você na foto.

3.       Deixar colchonetes e bancos suados

Todos nós suamos quando fazemos exercícios, é normal. Porém, ninguém é obrigado a deitar sobre o seu suor quando for utilizar o colchonete. Exatamente por isso, as academias deixam à mão álcool e panos de flanela para higienizar bancos e estofados. Lembre-se de sempre fazer isso assim que terminar de usar cada aparelho. Para facilitar a limpeza, carregue sempre uma toalhinha para forrar os encostos.

4.       Não retornar pesos e acessórios ao lugar devido

Após utilizar cada máquina, devolva os pesinhos ao local onde estavam guardados. Nem todo mundo tem o mesmo preparo físico que você, e as pessoas podem se machucar ao tentar carregar os pesos que você esqueceu no aparelho. Além do mais, ninguém – seja aluno ou professor – é obrigado a organizar algo que você tirou do lugar: cada um deve fazer sua parte.

5.       Exagerar no perfume ou creme hidratante

Quando suamos, o cheiro destes produtos é potencializado, o que pode não agradar a todos. Além disso, algumas pessoas podem passar mal pelo odor forte ou pela combinação de perfume com cheiro de suor, que não é nada agradável. Prefira o bom e velho desodorante anti-transpirante. Alguns são feitos exclusivamente para a realização de atividades físicas.

6.       Comportamentos exibicionistas

Olhar-se no espelho toda hora, contrair algum músculo e ficar observando, levantar a camiseta para mostrar o físico, dar berros ao puxar peso para demonstrar esforço, colocar mais peso no aparelho do que você aguenta só para impressionar alguém, entre outras, são atitudes de pessoas narcisistas que acabam virando alvo de piada. Não queira se exibir, apenas foque no seu objetivo.

Crédito: ShutterstockCrédito: Shutterstock

7.       Usar acessórios em excesso

Esta não é uma gafe propriamente dita, mas o uso exagerado de anéis, pulseiras ou brincos muito grandes pode prejudicar seu desempenho, já que há o risco de enroscar estes acessórios nos aparelhos. Os anéis, por exemplo, podem causar machucados nos dedos na hora de levantar peso, e o mix de pulseiras pode acabar produzindo um barulho chatinho na hora de fazer movimentos repetidos.

8.       Usar maquiagem carregada

Esta é uma das gafes mais comuns. Algumas mulheres não saem de casa sem produção de jeito nenhum. Outras, sabendo que a academia é um ótimo lugar para paquerar, preferem estar sempre muito bem apresentáveis. Mas passar maquiagem demais é um tiro no pé, porque, ainda que seja à prova d’água, ela vai acabar escorrendo após uma aula de aeróbio ou quando você enxugar o rosto com a toalhinha. Há também a questão de saúde da pele, já que a make dificulta a eliminação do suor e pode deixar a pele oleosa. Além disso, uma pesquisa recente mostrou que mulheres que passam muita maquiagem para ir à academia acabam se esforçando menos para evitar estragos no visual e gastam menos calorias.

9.       “Secar” homens e mulheres enquanto eles malham

Isso pode causar um baita constrangimento na sala de musculação. Evite olhar fixamente para alguém que está fazendo um exercício. Além de passar por tarada (ou recalcada), você pode desconcentrar a pessoa e deixá-la envergonhada.

10.       “Roubar” o equipamento do outro

Claro que é impossível prestar atenção em quem está usando cada aparelho a todo o momento. Mas, antes de sair trocando o peso e se sentando na máquina, procure observar se há alguém parado perto dela, ou então espere alguns segundos para ver se alguém aparece. Se o professor estiver por perto, vale perguntar se ele sabe se a máquina está desocupada. Caso não esteja, é só pedir para revezar. E lembre-se: se negar a dividir o aparelho com alguém também é uma gafe.

 

 

itodas

Helicóptero cai sobre academia em Santos, no litoral de SP

Fumaça tomou conta da região após queda de helicóptero em Santos (Foto: Tassio Ricardo/Arquivo Pessoal)
Fumaça tomou conta da região após queda de helicóptero em Santos (Foto: Tassio Ricardo/Arquivo Pessoal)

Um helicóptero caiu sobre uma academia em Santos, no litoral de São Paulo, na manhã desta quarta-feira (13). Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o acidente aconteceu na Rua Vahia de Abreu e, até o momento, não há informações sobre feridos.

Viaturas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), da Polícia Militar e dos bombeiros estão no local.

Professor de academia é morto a tiros ao reagir a um assalto em João Pessoa

O professor da Academia de Ginástica e Dança, Life Fitness, localizada no bairro dos Funcionários 4, Políbio Santos da Silveira, 29 anos, foi morto a tiros ao reagir a um assalto em frente ao estabelecimento onde trabalhava como professor de dança. O crime aconteceu por volta das 5h30 desta sexta-feira (27), quando ele chegava para abrir a porta principal da academia.

 

De acordo com a polícia, o professor de dança teria aberto o portão principal para guardar a moto e quando ele voltou para fechar o portão foi abordado por dois homens, que também estavam em uma moto.
Ele chegou a pedir para que não roubassem o veículo, mas um dos bandidos efetuou três disparos no professor que caiu morto na calçada. Os assaltantes fugiram, mas a polícia ainda não sabe se eles conseguiram levar alguma coisa da mochila do professor que se encontrava aberta.
Reclamações de moradores e outros casos
Conforme relatos de testemunhas, moradores do bairro reclamam que há constantes assaltos pela região e que recentemente uma outra pessoa quase foi assaltada, mas conseguiu escapar dos bandidos se escondendo dentro da academia onde morreu o professor.
Por volta das 2h da madrugada desta sexta, a polícia encontrou também o corpo de um rapaz com marcas de tiros, nos Funcionários 2. Também na madrugada desta sexta-feira (27), bandidos arrombaram uma casa lotérica, localizada no bairro do Grotão e roubaram todo o dinheiro do caixa.
 
                                                                                  
Professor de academia é morto a tiros ao reagir a um assalto no bairro dos Funcionários IVProfessor de academia é morto a tiros ao reagir a um assalto no bairro dos Funcionários IVProfessor de academia é morto a tiros ao reagir a um assalto no bairro dos Funcionários IVProfessor de academia é morto a tiros ao reagir a um assalto no bairro dos Funcionários IVProfessor de academia é morto a tiros ao reagir a um assalto no bairro dos Funcionários IV

fotos: bayuex jovem

 

 

 

 

Fonte: Portal Correio / Bayeux 

Dono some, academia ‘fantasma’ revolta alunos e polícia investiga suposto golpe

 (Crédito: Andreia Martins / Arquivo pessoal )
(Crédito: Andreia Martins / Arquivo pessoal )

Alunos e professores de uma academia que funcionava no Méier, Zona Norte do Rio, foram surpreendidos nesta segunda-feira (13). O espaço amanheceu vazio, sem aparelhos de musculação, e o dono não foi localizado. “Cheguei por volta de 10h30 e dei com a cara na porta. O sentimento é de revolta. Era uma academia conhecida, antiga na região, mas ninguém apareceu para dar satisfação”, afirmou a esteticista Andreia Martins, que fez um plano de seis meses. “E as parcelas de fevereiro, março, abril e maio? Quero meu dinheiro”, protestou. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

A academia fica na Rua Torres Sobrinho, no Méier. Marcelo Machado trabalhava no local como professor de ginástica há quatro anos, mas também teve a surpresa desagradável. Ele contou que passou na região no domingo (12) e viu os aparelhos sendo retirados. “A gente dá o máximo do nosso trabalho e é surpreendido do nada, descobre que a gente não é nada para eles. Nós temos família. Ficar sem salário logo no início do ano é muito complicado”, afirmou. De acordo com o professor, o dono alegou que precisou esvaziar o local às pressas porque o imóvel será vendido.

Revoltados, alunos procuraram a delegacia do Méier, que investiga o suposto golpe. O responsável pela academia será intimado a prestar depoimento. “Estou sem reação. Comecei a malhar lá há uma semana, me parecia tão boa”, contou a aluna Ana Lemos. A página do espaço de ginástica continua na internet. O local se apresenta como “referência na prestação de serviços na área de educação física e saúde”.

 

radioglobo