Arquivo da tag: 7

Documento falso: motorista é preso dirigindo carro com R$ 11,7 mil em multas

Foto: PRF
Foto: PRF

Policiais da PRF, prenderam na manhã de hoje (23) o condutor de um Fiat Siena, após o mesmo apresentar documentos falsos do carro, cuja pesquisa mostrou posteriormente que tinha mais de R$ 11 mil de multas.

O motorista de 56 anos, tentou passar pelo posto da PRF nas divisas dos municípios de Bayeux e João Pessoa, quando foi abordado no KM 23, próximo ao viaduto do Cristo Redentor.

O “emplacamento” do carro, cujo exercício era de 2013, apresentava, segundo policiais, diversos indícios de falsificação.

 

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

 

Ao todo, o veículo possuía mais de 17,3Mil Reais em débitos, dos quais 11,7 Mil Reais são de multas de trânsito.

O veículo foi recolhido e o condutor encaminhado para a 4ª Delegacia de Polícia Civil, no Geisel.

 

Clickpb

Pesquisa mostra Dilma com 31,6%, Aécio com 21,1% e Campos com 7,2%

aecio-dilma-eduardo-marinaPesquisa encomendada pela revista IstoÉ ao Instituto Sensus mostra ligeira queda na intenção de voto dos três principais candidatos à Presidência da República. O levantamento, feito entre os dias 12 e 15, em 136 cidades de 14 estados, mostra que, na consulta estimulada, a intenção de voto em Dilma Rousseff (PT) caiu para 31,6% dos votos. Na pesquisa anterior, a presidenta tinha 32,2%.

Aécio Neves (PSDB) caiu de 21,5% para 21,1% e Eduardo Campos (PSB) passou de 7,5% para 7,2% nas intenções de voto. A margem de erro da pesquisa é 2,2%. A vantagem de Dilma aparece nas respostas espontâneas. Quando perguntado em quem votaria, sem que nenhum nome seja apresentado, a petista aparece com 21% contra 9,8% do tucano. Campos aparece com 3,2%.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Os números apontam empate técnico entre Dilma e Aécio em um provável segundo turno. Os candidatos teriam 36,3% e 36,2% de intenção de votos, respectivamente. Se o embate fosse com Eduardo Campos, Dilma teria 38,7% e o ex-governador de Pernambuco 30,9%. No levantamento anterior, a petista obteve 37,5% e o pernambucano 26,9%. A diferença entre eles diminuiu: de 10,6 para 7,8 pontos percentuais. Indecisos, nulos, em branco ou que não responderam totalizam 30,4%, ante 35,6% do levantamento do mês passado.

A avaliação do governo apresentou queda em relação à pesquisa anterior, quando 34,2% dos entrevistados responderam que era positiva. Agora, 32,4% avaliaram positivamente o governo. Em contrapartida, cresceu o percentual dos que consideram o governo regular, passando para 36,4% ante 29,1% da pesquisa anterior. O número de entrevistados que considerou o governo ruim também caiu. Antes, 36,4% avaliaram como negativo. Agora, o percentual baixou para 28,5%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o número BR – 00214/2014.

Luciano Nascimento, repórter da Agência Brasil

Homem é preso suspeito de amarrar e estuprar sobrinha de 7 anos em Campina Grande

Suspeito foi preso pela PM
Suspeito foi preso pela PM

Um homem de 62 anos foi preso na cidade de Campina Grande, no Agreste do estado, suspeito de amarrar e estuprar a própria sobrinha de 7 anos, conforme consta no Comando do Policiamento Regional I. A prisão foi feita no final da noite dessa quinta-feira (5), no bairro Catingueira.

Ainda segundo o relatório, o pai da criança chegou em casa e encontrou a filha com as pernas amarradas e a vítima relatou desesperada que o tio dela teria a estuprado.

O homem acionou a Polícia Militar e o suspeito foi preso dentro de casa por policiais da Rondas Táticas Metropolitana (Rotam) do 2º Batalhão de Polícia Militar.

 

 

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

 

O suspeito do crime foi levado para uma delegacia e transferido para a Central de Polícia Civil de Campina Grande onde está recolhido na carceragem. Ele deverá ser transferido para um dos presídios da rainha da Borborema.

 

| Por Hyldo Pereira

Menino de 7 anos morre após cair do 4º andar ao ser deixado sozinho em apartamento

Um menino de 7 anos morreu após cair de uma altura de cerca de 15 metros do apartamento onde morava em Mogi das Cruzes (SP) na manhã desta quarta-feira (21). Gabriel Gomes Dias dos Santos vivia com os pais no quarto andar de um conjunto de prédios populares de Mogi das Cruzes. De acordo com a Polícia Militar, o menino foi resgatado pelos bombeiros ao Hospital Luzia de Pinho Melo, mas morreu na unidade ainda durante a manhã.

Na delegacia, o pai do menino, o pedreiro Domingos Dias dos Santos, estava transtornado e contou à polícia que saiu para trabalhar às 5h10 e a mãe da criança às 5h30. De acordo com ele, a tia do menino chegou às 5h40. Maria Magnólia da Silva Cruz cuidava de Gabriel até a hora de ele ir para a escola, às 7h. “Era normal ela chegar nesse horário e ele ficar um pouco sozinho, porque estava sempre dormindo quando a tia chegava”, contou o pai.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

janela de onde o menino caiu (Foto: Gladys Peixoto/G1)
Segundo pai, janela da lavanderia é a única sem
grade no imóvel. (Foto: Gladys Peixoto/G1)

Santos chorava muito na delegacia ao contar que o menino era o único filho do casal. Ele ainda disse que todas as janelas tinham grades, menos a da lavanderia. “Ele mora nesse apartamento desde que nasceu. Nunca foi de se pendurar. Era tranquilo, nunca deu problema”, contou. “Lá [lavanderia] tem uma uma janela de vidro, mas não sei se estava aberta ou fechada. Ele nunca acordava de madrugada”, acrescentou.

O cabo da Polícia Militar Elenilson Alves Souza entrou no imóvel, na Avenida João de Souza Franco, no distrito de Jundiapeba, logo depois que o menino foi encontrado. “Quando cheguei a janela da lavanderia estava aberta. Tinha um varal caído. Nas outras partes do apartamento tinha grade. Não vi nada de anormal. A tia abriu o apartamento e disse que quando ela chegou a porta estava trancada, não havia sinal de arrombamento. Ela disse que ouviu barulho e gemidos, foi até a janela da lavanderia, viu a criança caída e acionou o resgate”, contou.

O delegado do 4º Distrito Policial, César Donizeti Benedicto, informou que o boletim de ocorrência foi registrado como homicídio culposo. “Eu orientei para o registro dessa forma porque não se sabe em que circunstâncias ocorreu a queda. Também vamos investigar o cuidado da família com esse garoto. Porque no período de tempo em que ele ficou sozinho aconteceu esse infortúnio. Depois do registro do boletim, o inquérito policial será instaurado para investigar a causa do acidente.”

G1

 

COREN da Paraíba realiza semana da enfermagem com cursos de atualização em 7 cidades

ronaldo-miguelO Conselho de Enfermagem da Paraíba – COREN/PB, Representado pelo o Presidente Dr. Ronaldo Miguel Beserra, promoverá a partir desta segunda-feira dia 12/05/2014 a 20/05/2014, Semana da Enfermagem, com o tema: “Enfermagem: Do cuidar nós entendemos”.
“O evento tem como intuito levar aos profissionais cursos que atendam as suas necessidades de atualização para o mercado atual. Pretendemos também que nossos profissionais exerçam seu trabalho dentro dos parâmetros éticos e legais, de acordo com o Código de Ética da Enfermagem, garantindo um atendimento eficaz para toda a sociedade”, afirma Ronaldo Miguel Beserra, Presidente do Coren-PB.
A Semana de Enfermagem Coren-PB contará com a participação de renomados profissionais da área de enfermagem, que abordarão assuntos de interesses específicos e coletivos.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook
O evento acontecerá em sete cidades do estado: João Pessoa, Patos, Cajazeiras, Campina Grande, Catolé do Rocha, Sousa e Juru, uma inovação da gestão atual do Coren-PB. As inscrições e informações devem ser feitas pelo site www.corenpb.gov.br, são gratuitas e com vagas limitadas.

Assessoria

Governo do Estado investe mais de R$ 7 milhões em projetos de 26 municípios

CooperativaO Governo do Estado investiu, por meio do Projeto Cooperar, mais de R$ 7,6 milhões no apoio a 78 projetos que beneficiam diretamente cerca de 16 mil paraibanos que moram em 26 municípios polarizados por Itabaiana e Solânea, cidades onde acontecem nesta sexta-feira (2) e sábado (3), respectivamente, mais duas audiências públicas do Orçamento Democrático Estadual (ODE).

Durante as audiências, o Governo do Estado entrega alguns projetos financiados pelo Cooperar. No município de Belém, às 10h30 será inaugurado o Centro Social da Produção Familiar, no Distrito Rua Nova, beneficiando 255 famílias. No equipamento foram investidos R$ 193,8 mil. Inicialmente o Centro Social está oferecendo curso de informática, mas outras capacitações serão ofertadas.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O gestor estadual do Projeto Cooperar, Roberto Vital, avalia que o Centro Social da Produção Familiar se destaca “pelo ineditismo da proposta de conteúdo do seu funcionamento, focado na qualificação de mão de obra para atender ao emergente polo turístico de Bananeiras com cursos de informática, gastronomia, artesanato, dentre outros”.

Haverá, à tarde, a entrega de uma usina de beneficiamento de caju para 84 famílias de agricultores familiares do município de Dona Inês. Nesse projeto de desenvolvimento sustentável foram investidos R$ 94,5 mil. O Cooperar também investiu R$ 115,6 mil no apoio à piscicultura no assentamento Tanques, em Dona Inês.

Em Campo de Santana (Tacima), será inaugurada uma Unidade de Extração de Mel. Nesse projeto foram aplicados R$ 101,6 mil em benefício de 19 famílias do assentamento Vazante.

Dentre os 78 projetos com apoio do Governo do Estado, por meio do Cooperar, constam ainda ações nas áreas de apicultura, piscicultura, beneficiamento de leite, kit de mecanização agrícola, cisternas de tela de alambrado, avicultura, floricultura, passagem molhada, complexo sanitário domiciliar, abastecimento de água singelo, abastecimento de água completo, reciclagem de resíduos sólidos, e apoio à mini indústria de produtos alimentícios.

Na cidade de Itabaiana, onde ocorre a audiência pública do ODE nesta sexta-feira (2), o Cooperar investiu cerca de R$ 500 mil no apoio a 10 sub-projetos que beneficiam mais de 200 famílias. Na 12ª Região Geoadministrativa o Cooperar atua em 12 municípios: Itabaiana, Gurinhém, Ingá, Juripiranga, Mogeiro, Pedras de Fogo, Pilar, Riachão do Bacamarte, Salgado de São Félix, Itatuba, São José dos Ramos e Serra Redonda.

Em Solânea, sede da audiência pública do sábado (3), o Cooperar destinou R$ 160 mil para quatro sub-projetos que envolvem 57 famílias. Na 2ª Região Geoadministrativa os 14 municípios assistidos pelo Cooperar são: Guarabira, Solânea, Araruna, Bananeiras, Belém, Cacimba de Dentro, Caiçara, Campo de Santana, Casserengue, Dona Inês, Logradouro, Pilões, Pirpirituba e Riachão.

Secom-PB 

 

Desemprego no Brasil fechou 2013 em 7,1%, segundo PNAD Contínua do IBGE

desempregoNo terceiro trimestre do ano passado, a taxa média foi de 6,9 por cento, caindo para 6,2 por cento em média nos últimos três meses do ano.

A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua mostra assim que a taxa de desemprego no ano passado foi maior do que a anunciada anteriormente através da Pesquisa Mensal de Emprego (PME), de 5,4 por cento na média, menor nível histórico.

A nova pesquisa tem maior abrangência nacional e será trimestral, enquanto a PME leva em consideração dados apurados em apenas seis regiões metropolitanas do país, e a ideia é que esta última seja substituída.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O ano passado foi marcado por baixos níveis de desemprego, apesar da fraqueza da economia, favorecendo o desempenho do consumo no país e o setor de serviços.

Os primeiros dados da PNAD Contínua sobre este ano, referentes ao primeiro trimestre, serão divulgados em 3 de junho, de acordo com o IBGE.

Já o dado mais recente da PME mostra que a taxa de desemprego no Brasil subiu a 5,1 por cento em fevereiro, segundo mês de alta.

Em ano de eleição em que a presidente Dilma Rousseff vai tentar o segundo mandato, o governo conta com o bom desempenho do mercado de trabalho como ponto positivo diante da economia fraca e da inflação alta.

Uol

Pesquisa aponta Dilma com 43,7%, Aécio com 17% e Campos com 9,9%

dilma-rousseffPesquisa do instituto MDA encomendada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) e divulgada nesta terça-feira (18) mostra que a presidente Dilma Rousseff (PT) manteve o patamar de intenções de voto para as eleições presidenciais de 2014, com 43,7% das intenções de voto. Na pesquisa anterior, de novembro, ela aparecia com 43,5%. O senador Aécio Neves (PSDB-MG) é o segundo, com 17% (19,3% em novembro), e o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), o terceiro, com 9,9% (9,5% na pesquisa anterior).

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Na pesquisa atual, dos ouvidos, 20,4% não votariam em nenhum ou optariam por votar em branco ou nulo. Não souberam responder 9% dos entrevistados.

A margem de erro da pesquisa é de 2,2 pontos percentuias. O MDA ouviu 2.002 eleitores entre os dias 9 e 14 de fevereiro em 137 municípios de 24 unidades da federação. Por ser ano eleitoral, a pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), como determina a regra do processo eleitoral, sob o número 00012/2014.

Em um cenário no qual Marina Silva (PSB) é a candidata no lugar de Eduardo Campos, Dilma tem 40,7% e Marina aparece em segundo, com 20,6%. Aécio Neves registra a terceira colocação, com 15,1%, e Levy Fidelix, do PRTB, aparece com 0,4%. Votariam branco ou nulo 14,9%. Não souberam ou não responderam 8,3%.

No cenário atual, os dados indicam que, se a eleição fosse hoje, Dilma poderia ser reeleita no primeiro turno tanto em cenário com Marina Silva como candidata quanto no cenário com Eduardo Campos.

No levantamento divulgado em novembro, a situação dos pré-candidatos era semelhante, mas Dilma venceria no primeiro turno somente em cenário com Marina. Para vencer no primeiro turno, é necessário obter 50% dos votos válidos (sem brancos e nulos), ou seja, mais da metade dos votos destinados a todos os candidatos. Dilma tinha 40,6% contra 22,6% da ex-ministra do Meio Ambiente. Aécio registrava 16,5%.

A pesquisa divulgada nesta terça foi a segunda realizada pelo instituto desde que Campos anunciou aliança com Marina Silva, que se filiou ao PSB após ter o registro de seu partido, o Rede Sustentabilidade, negado pela Justiça Eleitoral.

Segundo turno
Em eventual segundo turno, tanto com Aécio quanto com Marina, a presidente Dilma Rousseff seria reeleita, conforme a pesquisa.

Contra Aécio, Dilma ficaria com 46,6% e o tucano, com 23,4%. Contra Marina, Dilma teria 44,6%, e a ex-ministra, 26,6%. Caso o segundo turno fosse entre Dilma e Eduardo Campos, a presidente teria 48,6% contra 18% do governador de Pernambuco.

Na disputa de segundo turno entre Marina Silva e Aécio, a ex-senadora do PSB ganharia com 35,6% contra 24% de Aécio. Aécio venceria em segundo turno contra Eduardo Campos. Teria 31,6% contra 16,9% do governador pernambucano.

Pesquisa espontânea
Na pesquisa espontânea, na qual o eleitor apenas responde em quem vai votar sem que seja apresentado a ele nenhum nome, Dilma registrou 21,3%. Em segundo lugar, aparece o nome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que tem 5,6%, empatado com Aécio Neves, que também registra 5,6%.

Marina Silva vem na sequência com 3,5% e Eduardo Campos ficou com 1,6%. José Serra (PSDB) obteve 0,5% e o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), ficou com 0,4%.
Mariana Oliveira

Construtoras da máfia do ISS recebem multa de R$ 1,7 milhão

brasil-corrupcao-fraude-iss-prefeitura-sp-20130521-04-size-598Duas construtoras investigadas por suspeita de beneficiamento na máfia dos auditores fiscais foram multadas em mais 1,7 milhão de reais pela prefeitura de São Paulo. A Secretaria Municipal de Finanças informou nesta sexta-feira, por meio de nota, que emitiu dois autos de infração – que somam 1.697.000 reais – para dois empreendimentos em que foram encontrados indícios de fraude no pagamento do Imposto Sobre Serviços (ISS).

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

As multas são as primeiras aplicadas pela prefeitura paulistana desde a descoberta do esquema de corrupção operado por auditores fiscais que cobravam propina de empresas do ramo imobiliário em troca de descontos de até 50% no pagamento do ISS e da emissão do Habite-se para os prédios. A administração municipal estima que o rombo nos cofres públicos possa chegar a 500 milhões de reais.


A força-tarefa montada na pasta de Finanças emitiu 88 notificações formais aos responsáveis legais por empreendimentos para nova checagem de notas fiscais. As intimações começaram neste mês. Do total, 33 empresas pediram prorrogação do prazo legal de dez dias para apresentar a documentação que comprova o pagamento do ISS (notas fiscais, guia de recolhimento do imposto e certificação de quitação). Os donos de dezesseis obras entregaram os documentos no prazo, mas o material ainda está em análise.

“Um empreendimento foi autuado por ter obtido certificado com 100% de dedução do imposto sem possuir documentos que comprovassem a possibilidade de desconto. O outro foi autuado por não comparecimento à prefeitura com os documentos devidos dentro do prazo estabelecido”, informou a prefeitura em nota. “Um terceiro empreendimento teve os documentos analisados e foi dispensado por demonstrar conformidade entre as notas fiscais e valores deduzidos.”

Nesta sexta, a prefeitura deve mandar ofícios a mais quarenta construtores. O grupo de trabalho da secretaria vai analisar de novo toda a documentação que foi aprovada pelos auditores corruptos entre 2007 e 2012. São mais de 650 empreendimentos somente entre as grandes construções. A prefeitura manteve a identidade das construtoras e dos responsáveis sob sigilo legal.

 

Veja

Rum falso mata 7 e deixa dezenas de pessoas hospitalizadas em Cuba

rum falsoSete cubanos morreram e mais de 40 foram hospitalizados, oito em estado grave, depois de beber álcool de madeira ou metanol industrial pensando que era rum, afirmou o Ministério da Saúde Pública nesta quarta-feira…

A intoxicação começou na segunda-feira no distrito de La Lisa, em Havana, e todos os mortos estavam na faixa dos 40 e 50 anos, de acordo com uma lista fornecida pelo ministério.

Tais incidentes são raros, embora não inéditos em Cuba.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

“Os afetados consumiram álcool de madeira vendido ilegalmente … que foi fornecido por dois indivíduos que trabalham no Instituto de Farmácia e Alimentação e retirado do depósito local”, disse o ministério em comunicado.

“O álcool de madeira é extremamente tóxico e causa dores de cabeça, náuseas, cegueira e morte”, disse o ministério, incitando os moradores a procurar um médico se apresentarem sintomas.

Também conhecido como metanol ou álcool metílico, o álcool de madeira é vulgarmente utilizado como um solvente em laboratórios clínicos e como combustível ou anticongelante.

PB Acontece