no Sertão da Paraíba

Suspeito de espancar e matar garota de 16 anos morre após troca de tiros, em Manaíra, PB

Publicado em quinta-feira, outubro 17, 2019 ·

O homem suspeito de espancar e matar a companheira de 16 anos, em Manaíra, no Sertão da Paraíba, morreu após uma troca de tiros, na manhã desta quinta-feira (17). Leonardo Pereira do Nascimento, de 22 anos, estava escondido no Sítio Constantino, localizado na zona rural do município.

O delegado Gutemberg Cabral, titular da Delegacia de Homicídios de Princesa Isabel e que acompanha o caso, informou que a polícia foi avisada sobre o confronto por vizinhos e ainda não sabe quem trocou tiros com o jovem, mas que existe a hipótese de que o crime tenha sido motivado por vingança.

Ainda segundo o delegado, uma arma foi encontrada ao lado do corpo de Leornardo. Ele tinha passagem pela polícia pelos crimes de furto qualificado, roubo e lesão corporal. O suspeito já havia sido preso três vezes e era considerado foragido porque fugiu da prisão.

O corpo dele foi encaminhado para o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) de Patos, também no Sertão do estado.

Adolescente foi espancada um dia antes de ser morta

Segundo o delegado, no domingo (13), a adolescente Fabrícia Ribeiro Nogueira, de 16 anos, foi espancada e torturada pelo suspeito. Na segunda-feira (14), a vítima foi até a Polícia Civil e denunciou as agressões cometidas pelas homem.

“Após a denúncia, a gente orientou que ela saísse da casa onde eles moravam e que fosse pra qualquer outro lugar distante, que a polícia ia tentar prender ele. Mas aí ela foi pra casa dos pais, e ele foi atrás dela lá, com a ajuda do irmão mais novo, o Pedro”, salientou o delegado.

Vítima foi morta com mais de dez facadas

De acordo com a perícia, a adolescente foi morta com mais de dez facadas, além de vários cortes feitos pelo suspeito no corpo dela. “Ela foi brutalmente assassinada, não teve nenhuma chance de defesa. Ele desferiu mais de 10 facadas nela, cortou todo o corpo dela, não tinha como ela sobreviver”, frisou Gutemberg.

O Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) ainda foi acionado para tentar socorrer a adolescente, mas ela não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local. Já o suspeito do crime fugiu do local e, até as 12h30 desta terça-feira (15), o homem ainda não havia sido localizado pela polícia.

Irmão do suspeito matar adolescente foi preso

O irmão do suspeito de espancar e matar a adolescente de 16 anos em Manaíra, no Sertão da Paraíba, foi preso na manhã da última terça-feira (15). De acordo com Gutemberg Cabral, o jovem de 18 anos ajudou o irmão a cometer o crime. Ele teria ficado de tocaia em frente à casa dos pais da vítima para informar ao irmão o momento em que a adolescente saísse da residência.

Conforme o delegado, na noite do crime, por volta das 23h30, o irmão, Pedro, avisou ao Leonardo Pereira que a polícia havia saído do local. Foi quando o suspeito foi até a casa dos pais da vítima e ficou chamando por ela.

O irmão de Leonardo está detido na Cadeia Pública de Princesa Isabel, onde permanece à disposição da Justiça. “Ele foi autuado por partícipe no crime de feminicídio e nós já conseguimos expedir um mandado de prisão preventiva contra o irmão dele”, disse o delegado.

G1

 

Comentários

Tags : , , , , ,

REDES SOCIAIS














INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627