Soldado é preso por assassinato na capital; Coronel quer combater desvios de conduta

Publicado em domingo, agosto 7, 2011 ·

coronel-eullerUm soldado foi preso neste sábado (6) por suspeitas de participação no assassinato de um flanelinha no Geisel, em João Pessoa, na última sexta (5). O comandante geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves, declarou em seu perfil no Twitter que “os desvios de conduta continuarão a ser combatidos” na corporação.

Segundo o coronel, neste ano três policiais militares foram excluídos por envolvimentos em crimes, após o período de investigações e de defesa dos acusados. Caso comprovado o envolvimento do soldado Tiago Silva, ele também poderá ser expulso. Ele estaria há dois anos na corporação.

O assassinato do flanelinha Damião da Silva começou a ser desvendado na manhã do sábado (6), quando uma pistola e um colete foram encontrados dentro de um carro no estacionamento do Hospital de Trauma, em João Pessoa. Os funcionários estranharam que o equipamento tivesse sido abandonado no local e chamaram a Polícia Militar.

Por meio da numeração, os policiais chegaram ao soldado. A arma utilizada no crime tem as mesmas características da pistola do policial militar.

Ele foi preso e encaminhado à 9ª Delegacia Distrital de Mangabeira para prestar depoimento à delegada Roberta Neiva. Em seguida, foi transferido sob um forte esquema policial para o 5º Batalhão, no Valentina Figueiredo, onde permanece detido. Durante todo o percurso, a polícia manteve o nome e o rosto do soldado protegidos para que ele não fosse filmado.

O caso ainda está sendo investigado. A Polícia Civil não declarou por quais motivos o soldado Tiago teria cometido o crime.

Paraíba.com.br

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627