Solânea: CREAS municipal reforça importância do dia internacional da mulher

Publicado em quarta-feira, Março 7, 2012 ·

O dia internacional da mulher é comemorado todos os anos pelo fato de há 155 anos, em oito de março de 1857, operárias de uma fábrica de tecidos de Nova Iorque tiveram um ato heróico de coragem, justiça, em manifestarem-se contra as condições de trabalho que lhes eram impostas, de salários de miséria e por direitos iguais.

A partir daí a mulher não desistiu de lutar pelo seu crescimento. É por isso que essa data foi criada para servir não apenas de homenagem, mas sim, de reflexão para que a mulher atual saiba definir e avaliar seus espaços, estabelecer e aprimorar novos valores e para que sua participação marque toda diferença no papel importante que tem perante a sociedade em geral, nos variados ramos que influenciam a cidadania.

O CREAS, como Centro de Referência Especializado de Assistência Social também trabalha com esse público alvo, a mulher, e uma de suas atuações diz respeito ao combate a todas as formas de violência doméstica e familiar perpetradas contra esta.

A mulher em situação de violência tem, portanto, uma lei que a ampara e protege, qual seja, a Lei 11.340, de 07 de agosto de 2006, mais conhecida como Lei Maria da Penha. Essa Lei cria mecanismos para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher, assegurando os direitos fundamentais inerentes à pessoa humana, sendo-lhes assegurados, ainda, todas as oportunidades e facilidades para viver sem violência, preservando sua atividade física e mental e seu aperfeiçoamento moral, intelectual e social.

Essa violência doméstica e familiar é configurada como qualquer ação ou omissão baseada no gênero que lhe cause morte; lesão; sofrimento físico, sexual, psicológico; dano moral ou patrimonial. No entanto, para que essa ação ou omissão possa ser combatida é necessário que as mulheres rompam a barreira do silêncio, da vergonha, do medo, e principalmente da crença e da impunidade para esses delitos.

Queremos, com isso, abrir os olhos dessas mulheres para a cruel realidade do nosso país, qual seja, um número cada vez maior delas que sofrem, todos os dias, todos os tipos de violência e discriminação não só dentro de suas casas, mas também de toda a sociedade.

E é como forma de preservar seus direitos e reprimir qualquer forma de violência à mulher que a equipe do CREAS se coloca à disposição de toda a população solanense para coibir esses abusos e, conseqüentemente assegurar os direitos advindos dos mesmos. Para tanto, necessário se faz denunciar, denúncia esta que provocará uma atuação conjunta e articulada de toda a equipe.

Equipe técnica do CREAS:

Amanda Cristina Lemos de Carvalho – Advogada

Lydia Maria Sena e Santos – Psicóloga

Francinalva Guedes de Lima – Educadora Social

Valdimária Virgulino de Souza – Assistente Social

Auricélio Pinto para o Focando a Notícia

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627