Senado prepara concurso público; salários podem chegar a R$ 25 mil

Publicado em sábado, outubro 1, 2011 ·

senado federal(1)O tão aguardado concurso do Senado Federal deve ser lançado em breve. Os concurseiros já intensificam os estudos mesmo sem a confirmação da data de publicação do edital. A previsão de liberação das regras de seleção de 180 servidores, feita pela Diretoria-Geral da Casa, era setembro. O prazo acabou e aumentam as especulações de que o processo seletivo só terá início em novembro.

De acordo com informações apuradas pelo Congresso em Foco/SosConcurseiro, o edital ainda não está pronto, mas já está na fase de levantamento das vagas em cada área. Assim, já é recomendável que os interessados na estabilidade e nos altos salários do Senado comecem a se preparar.

Além das oportunidades já anunciadas, a Casa contabiliza muitas aposentadorias – 400 somente este ano e mais 1.057 até 2015 -, o que deve aumentar o número de aprovados que serão aproveitados para repor os quadros.

O Senado fechou o mês de agosto com 881 cargos vagos efetivos, conforme o quadro de cargos. Entretanto, as vagas a serem oferecidas em concursos seriam de apenas 180 imediatas, caso a comissão interna decida manter a apuração feita e divulgada em janeiro.

A necessidade de servidores é iminente. Em janeiro, estava prevista a abertura de 18 vagas para analista legislativo-processo legislativo. Entretanto, hoje a necessidade é de 187 servidores.

Caso semelhante ocorre com os postos de consultores: foram inicialmente estimadas 15 oportunidades, e hoje existem 81 cargos para as vagas mais desejadas do concurso. Entre os técnicos, a maior vacância é para policial legislativo federal: 108. Nas contas da Diretoria Geral em janeiro seriam oferecidos 20 postos.

Além de um aproveitamento significativo de aprovados, os salários são atrativos diferenciados para a casa legislativa. Os vencimentos básicos nem são tão altos, variam de R$ 3.168,04 a R$ 6.411,08.

Porém, há várias gratificações que aumentam o valor: de atividade legislativa, de representação e de desempenho. Somados, esses penduricalhos fazem a conta fechar nas alturas.

Os aprovados aos cargos de consultor e advogado podem receber mensalmente até R$ 25.003,21. Já os analistas legislativos têm salários que chegam a R$ 20.900,13. E o teto dos técnicos legislativos atinge o valor de R$ 16.563,02.

De acordo com Gabriel Dezen, professor de direito constitucional e consultor do Senado, o grau de interesse por esse concurso é alto, por conta da remuneração que é oferecida e por ser o “ápice do serviço público no Legislativo”. Por esses motivos, é de se esperar provas com alto grau de exigência e uma concorrência superior a do concurso de 2008 (confira dicas de estudo aqui).

Último concurso

O último concurso do Senado teve edital publicado em 2008 (veja detalhes aqui). Na época foram oferecidas oito vagas para consultor, duas para advogado, 79 para analistas em diversas áreas e 59 para técnicos. A organizadora, que foi bastante criticada, foi a Fundação Getúlio Vargas, cogitada para ser novamente responsável pela próxima seleção.

O concurso recebeu 42.970 inscrições (lista completa de concorrência). Na época, o cargo mais concorrido foi o de técnico na área policial legislativo federal: 2.393 candidatos disputaram os dois postos oferecidos, uma demanda de 1.196,5 concorrentes por vagas. Seguido do cargo de técnico legislativo da área administrativa: eram 10 vagas para 10.437 inscritos. Entre os graduados, o cargo mais desejado foi o de advogado com 3.602 adesões, 8,38% das inscrições. Como só estavam disponíveis duas vagas, a concorrência foi de 450,25 por vaga, muito superior aos vestibulares mais disputados do país.

Os candidatos que buscavam os cargos de nível superior foram avaliados com 80 questões objetivas e provas discursivas, de acordo com o cargo. Já os inscritos para técnicos responderam a 70 questões, além da redação.

pbacontece

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627