Sem Thiago Neves, Ronaldinho tenta assumir papel decisivo em clássicos

Publicado em terça-feira, agosto 23, 2011 ·

80962_W220Q60I2SASRFHFVRLRRCLCTCRCBRonaldinho Gaúcho é o artilheiro do Flamengo na temporada, com 16 gols. O craque fez dez no Brasileirão (artilheiro ao lado de Borges, do Santos), quatro no estadual, um na Copa do Brasil e outro na Sul-Americana. Nenhum deles, porém, marcado contra rivais cariocas. R10 participou de seis clássicos e passou em branco em todos: três vezes contra o Botafogo, duas contra o Fluminense e uma contra o Vasco. Chegou a ter boa participação em alguns: semifinal da Taça Guanabara contra o Botafogo e na final da Taça Rio contra o próprio Vasco.


Em grande fase, o meia-atacante terá nova chance de desencantar no domingo, contra os cruz-maltinos, pela última rodada do primeiro turno do Brasileirão. E a responsabilidade é maior porque Thiago Neves não vai jogar. O estiramento na parte anterior da coxa direita do meia atingiu o grau 2. Ao contrário de Ronaldinho, o desempenho do camisa 7 em clássicos é positivo. Thiago disputou oito partidas e marcou quatro vezes: um sobre o próprio Vasco, o primeiro dele como jogador rubro-negro, dois sobre o Botafogo e um no Fluminense. Todos na campanha do título estadual invicto . Na vitória por 1 a 0 sobre o Fluminense, pelo Brasileirão, foi dele o passe para Willians decidir.

Thiago Neves ocupou por um bom tempo o posto de goleador do Flamengo na temporada. O meia fez sete no Carioca, dois na Copa do Brasil e quatro no Brasileirão. Com 13, está um atrás de Deivid. O camisa 9, muito criticado pelo gol perdido no empate por 2 a 2 com o Inter, domingo passado, fez cinco no estadual, um na Copa do Brasil e oito no nacional.

O técnico Vanderlei Luxemburgo, que não pôde contar com Thiago contra o Colorado, estuda a equipe que irá mandar a campo contra o Atlético-PR. Antes do clássico contra o Vasco, o Flamengo disputa a segunda partida da fase nacional da Copa Sul-Americana. Nesta quarta-feira, na Arena da Baixada, em Curitiba, o time precisa de um empate para avançar. A tendência é que uma equipe mista seja escalada. Em caso de derrota por um gol de diferença, a partir de 2 a 1, o Rubro-Negro também se classifica. O confronto começa às 21h50m (de Brasília).

O treinador já disse mais de uma vez que Thiago faz falta não só pelo talento, mas pelo respeito que impõe aos adversários.

– Nós sentimos muito. Não que outro jogador não tenha qualidade para fazer a função. Mas quando o adversário vê Thiago Neves e Ronaldinho em campo, respeita mais – afirmou.

No domingo, Flamengo e Vasco jogam às 16h (de Brasília), no Engenhão.

Abaixo, o internauta confere o desempenho de Thiago Neves e Ronaldinho nos clássicos disputados por eles nesta temporada.

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627