João Pessoa

‘Se ele não pagar, vai fazer com outra pessoa’, diz mulher vítima de tentativa de feminicídio, na PB

Publicado em terça-feira, agosto 11, 2020 ·

A mulher vítima de tentativa de feminicídio na manhã desta segunda-feira (10), no bairro de Cruz das Armas, em João Pessoa, falou sobre o crime e o medo que sentiu no momento em que foi esfaqueada por um homem com quem conviveu por três anos. “Eu quero que ele pague por tudo que ele fez, porque se ele não pagar agora, ele vai fazer com outra pessoa, eu quero justiça. Quero ele na cadeia”, declarou.

O crime aconteceu na manhã da segunda-feira (10). A vítima, de 32 anos, foi esfaqueada na escadaria da Maternidade Frei Damião, na frente do filho. Ela foi levada para o Hospital de Emergência e Trauma, mas já recebeu alta.

O homem suspeito de esfaquear a ex-companheira foi preso na tarde da segunda-feira (10), pela Polícia Civil. Segundo a delegada Amindonzele Carneiro, o homem foi preso em Mamanguape e estaria fugindo. Ele confessou o crime e não aceitava o fim do relacionamento. A delegada ainda informou que uma medida protetiva foi expedida para proteger a vítima. Antes do caso, ela não havia procurado a delegacia.

“Fiquei com muito medo porque na hora que eu caí pensei que eu ia morrer, porque meu filho começou a gritar: ‘mainha, não morre não, mainha, porque só tenho a senhora'”, relata a vítima.

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito foi preso por equipes das duas Delegacias de Atendimento à Mulher (Deam Norte e Sul) de João Pessoa com o apoio do Grupo Tático Especial da Delegacia Seccional de Mamanguape.

Segundo a delegada Amindonzele Carneiro, o homem fugiu de João Pessoa para se esconder na casa de parentes em Mamanguape. A faca usada no crime também foi localizada e apreendida pela polícia junto com ele.

Ainda segundo informações da Polícia Civil, apesar do suspeito ter confessado o crime, ele disse não saber o que o motivou. Ele foi autuado por crime de tentativa de feminicídio e aguarda audiência de custódia, que deve ocorrer nesta terça-feira (11).

Feminicídio é o assassinato contra uma mulher cometido devido ao fato de ela ser mulher ou em decorrência da violência doméstica. Foi inserido no Código Penal como uma qualificação do crime de homicídio em 2015 e é considerado crime hediondo.

Relembre o caso

O patrão da mulher explicou que no domingo (9) o homem teria comprado uma cesta de chocolate para dar a ex-companheira. Após entregar, ela foi passar o dia dos pais com a família e ele saiu em seguida, voltando na madrugada desta segunda.

O suspeito começou a ameaçar a vítima e disse que ela não iria ao trabalho nesta segunda. Ela contestou e disse que iria trabalhar. Quando ela saiu, o suspeito a seguiu e na escadaria da Maternidade Frei Damião ele a puxou pelo cabelo e começou a esfaqueá-la na frente do filho. Para se proteger, ela correu até a casa onde trabalha. O suspeito ainda conseguiu cortar uma parte do cabelo da vítima.

De acordo com o Samu, a mulher recebeu atendimento no local, mas estava consciente e orientada, embora com um corte no rosto. Ela foi encaminhada ao Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa.

Foto: Walter Paparazzo/G1

G1

 

Comentários

Tags : , ,

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627