Representantes de Estados do Nordeste participam de seminário em Campina Grande

Publicado em segunda-feira, setembro 5, 2011 ·

Romero_RodriguesSecretários de Agricultura de todos os Estados nordestinos, prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e outras autoridades participarão na próxima sexta-feira, dia 9 de setembro, a partir das 10 horas, em Campina Grande, na Embrapa Algodão, com a presença de representantes do Ministério da Agricultura, do seminário para discutir a infestação da cochonilha-do-carmim no Nordeste. A iniciativa é do deputado federal Romero Rodrigues, que discursou na Câmara dos Deputados, informando da realização do evento por ele sugerido.

Está confirmada a participação de representantes do setor de sanidade vegetal do Governo Federal, na pessoa de Cósam Coutinho.

Ele disse que “vamos realizar um seminário com os técnicos do Nordeste brasileiro como um todo para discutir a questão da infestação da cochonilha-do-carmim, que é uma praga que tem assolado e dizimado a cultura da palma forrageira no semi-árido brasileiro, especificamente na região do cariri pernambucano e paraibano, do sertão do Curimataú e de toda a região, enfim, que utiliza essa cultura como princípio alimentar da pecuária bovina no Nordeste brasileiro”.

Romero assinalou que o fato é que essa infestação da cochonilha-do-carmim tem praticamente acabado com toda palma forrageira. O que tem, consequentemente, reduzido a produtividade de leite, sobretudo dos agricultores que possuem pequena quantidade de animais na região.

Asseverou que tem sido utilizadas no combate a essa infestação várias alternativas. O controle biológico é uma das opções que tem sido buscada para combater a infestação da cochonilha; a utilização de culturas resistentes e até mesmo o controle químico.

Romero destacou em seu pronunciamento que esse Seminário que será realizado será o local propício e adequado para estabelecer um bom debate sobre essas questões, sobre a forma de contribuir. O Ministério da Agricultura está sensível à preocupação dos agricultores, dos pequenos produtores rurais da região. A própria EMEPA, na Paraíba, tem desenvolvido tecnologia no sentido de contribuir também para o combate dessa praga. Também o IPA, em Pernambuco, tem procurado desenvolver tecnologia nesse sentido.

Lá vamos estabelecer esse bom debate, com todos os segmentos sociais envolvidos nessa questão. Os pequenos produtores rurais são os mais atingidos, exatamente por conta da incapacidade de buscar novas cultivares e novas tecnologias no combate a esse mal, que tem prejudicado imensamente a pecuária bovina na região. Atinge sobretudo a questão alimentar, princípio fundamental e básico da manutenção do rebanho.

Por fim ele convidou a todos os deputados, informando que já encaminhou convites para os prefeitos, vereadores e sindicatos rurais de toda região ou da microrregião. Estando, também convidando os técnicos do Nordeste brasileiro como um todo e o próprio secretário de Agricultura do Estado da Paraíba.

Assessoria para o Focando a Notícia

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627