Presidente nega crise interna e garante que o partido estará unido para as eleições deste ano em JP

Publicado em domingo, Janeiro 29, 2012 ·

07-Foto-do-solista-Rucker-BezerraO presidente do diretório estadual do PMDB na Paraíba, Antônio de Souza continua mantendo o discurso de que não há nenhuma crise no partido, mesmo depois de tantas discussões e insatisfações anunciadas constantemente por peemedebistas.

“Dentro do PMDB não tem crise. Existe divergência de opiniões e isso é normal em um partido com mais de 70 mil filiados. Estaremos todos unidos nas eleições”, afirmou o presidente.

A disputa pela vaga na presidência do diretório municipal é a principal causa pela discórdia existente no partido. Primeiro foi o deputado Gervásio Maia Filho junto com o vereador Mangueira, que passaram a exigir um rodízio para a mudança do cargo; agora é a vez do deputado Manoel Júnior, que renunciou a comissão provisória formada para discutir as eleições.

O deputado federal e sobrinho de José Maranhão, Benjamin Maranhão era quem comandava o diretório municipal, e já bateu o pé dizendo que não abri mão de continuar presidente. E, como no PMDB quem dá as ordens é o ex-governador José Maranhão, a insatisfação de alguns filiados tem gerado uma crise, a qual Antônio de Souza não admite.

PolíticaPB

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627