prefeito de Uiraúna

Prefeito paraibano preso após colocar propina na cueca é posto em liberdade

Publicado em sábado, julho 4, 2020 ·

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Celso de Mello, concedeu liberdade ao prefeito afastado de Uiraúna, João Bosco Fernandes, preso na Operação Pés de Barro. Foi determinado o pagamento de fiança de R$ 522 mil.

Bosco foi filmado pela Polícia Federal recebendo propina em dinheiro e colocando na cueca. Segundo a PF, esse dinheiro seria entregue em um esquema de propinas.

Ainda de acordo com as investigações, as propinas foram entregues e registradas pelo empresário George Ramalho.

Operação

A Polícia Federal deflagrou a Operação “Pés de Barro” no dia 21 de dezembro de 2019, que investigou desvios de recursos para obras de uma adutora no sertão da Paraíba.

 

Portal WSCOM

 

 

Comentários

Tags : , , , ,

REDES SOCIAIS
















INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627