Polícia investiga casos de violência sexual em Queimadas, na Paraíba

Publicado em segunda-feira, novembro 14, 2016 ·

casos de policiaDois casos de violência sexual registrados em menos de 24 horas estão sendo investigados pela Polícia Civil, na cidade de Queimadas, no Agreste paraibano. Na madrugada do domingo (13), uma adolescente com problemas mentais foi estuprada por dois adolescentes, que foram apreendidos e estão internados. Já na noite do domingo, uma mulher precisou saltar de um carro em movimento depois de ser assediada por um conhecido.

De acordo com a delegada do Núcleo da Mulher da Polícia Civil, em Queimadas, Juliana Brasil, o primeiro caso ocorreu na madrugada do domingo, mas as informações só foram divulgadas pela Polícia Civil nesta segunda-feira (14). A vítima de 17 anos, que tem problemas mentais, estava voltando para casa, quando dois adolescentes de 16 e 17 anos lhe ofereceram uma carona. De acordo com a delegada, no caminho, os adolescentes pararam o veículo e realizaram o estupro. A mãe da vítima disse à polícia que os adolescentes eram conhecidos da família.

Ainda segundo a Polícia Civil, a vítima não acionou a Polícia Militar e o caso só foi registado por volta das 6h20. A adolescente foi internada no Instituto de Saúde Elpídio de Almeida (Isea), em Campina Grande, e seguia internada até esta segunda-feira.

“Ela foi internada porque sofreu várias lesões por causa do estupro. Ainda não pude ouvir a menina e estou aguardando ela receber alta médica para pegar mais detalhes sobre o caso. A mãe dela também ainda não foi ouvida porque está prestando a assistência à filha”, disse a delegada.

Os dois adolescentes suspeitos de envolvimento no caso foram apreendidos em flagrante. O procedimento policial da apreensão foi feito pelo delegado Luciano Serra e eles foram internados no centro educacional Lar do Garoto, em Lagoa Seca.

Segundo a delegada Juliana Brasil, o fato da vítima ter problemas mentais agrava a situação, e o caso vai ser tratado como estupro de vulnerável no inquérito policial. “Até a quarta-feira (16), pretendemos ouvir todos e terminar este inquérito para já encaminhar a justiça e buscar a garantia de que estes adolescentes vão permanecer internados”, disse a delegada.

Mulher pula de carro
Ainda segundo a polícia, na noite do domingo, também na cidade de Queimadas, uma mulher saltou de um carro em movimento depois de ser assediada por um conhecido. A vítima disse que estava com um conhecido e ele teria lhe chamado para ir ao motel. A mulher se recusou e os dois teriam começado uma discussão no carro. Como ele queria levar ela a força, a mulher abriu a porta e pulou do carro em movimento, segundo o relato. Ela teve ferimentos leves.

De acordo com a delegada, o caso vai continuar sendo investigado para tentar a identificação do suspeito. Segundo Brasil, a vítima teria dito poucas informações sobre o caso. “Ela prestou a queixa e disse que conhecia o suspeito, mas informou apenas um nome vago, sem nenhum outro detalhe sobre ele. Ela disse que iria retornar a delegacia nesta segunda-feira, mas não compareceu. Os agentes foram até a casa dela, mas ela não foi encontrada”, disse a delegada Juliana Brasil. A intenção da polícia é que após a identificação, o suspeito seja preso.

G1 PB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Comentários

Tags : , , , , ,

REDES SOCIAIS









ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627