Polícia Civil detém quadrilha suspeita de invadir casas em Campina Grande

Publicado em domingo, Janeiro 29, 2012 ·

caso de políciaSete pessoas suspeitas de invadir casas para praticar roubos no mês de janeiro em Campina Grande foram detidas pela Polícia Civil. A operação, que recebeu o nome de ‘Casa Fechada’, foi comandada pela Delegacia de Roubos e Furtos. De acordo com o delegado Henry Fábio Bandeira, um dos coordenadores da ação, as primeiras prisões foram feitas na noite da sexta-feira (27) e os trabalhos se estenderam até a manhã deste sábado (28).

Foram presos três adultos e apreendidos quatro adolescentes, com idades entre 14 e 17 anos. Segundo o delegado, alguns dos suspeitos confessaram participação nos crimes. As investigações apontam que o grupo também seria responsável por traficar drogas no bairro Monte Santo, onde aconteceram as prisões.

A Polícia Civil divulgou que encontrou com a quadrilha objetos usados nos arrombamentos das casas e em abordagens a moradores, além de produtos roubados. Foram apreendidos pés-de-cabra, capuzes, armas, drogas, celulares, relógios e outros objetos que teriam sido adquiridos com o dinheiro proveniente dos crimes.

“Em um dos roubos, foram levados R$ 80 mil de um comerciante no bairro das Malvinas. Esse dinheiro foi dividido entre os integrantes da quadrilha. Alguns deles compraram motocicletas que já foram usadas em outros crimes. Os veículos também foram apreendidos”, revelou Henry Fábio.

O grupo foi encaminhado para a Central de Polícia de Campina Grande, onde prestou depoimento. Os adultos foram autuados por tráfico de drogas, associação para o tráfico, roubo e formação de quadrilha. Ainda neste sábado, os três maiores de idade foram transferidos para presídios locais, enquanto os adolescentes foram levados para o abrigo provisório de Lagoa Seca, cidade vizinha.

g1pb

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627