PM de Solânea prende acusado de estupro em Cacimba de Dentro

Publicado em terça-feira, Fevereiro 28, 2012 ·

O padrasto acusado de estuprar menor de 12 anos estava escondido em Solânea


capitãonevesA Polícia Militar de Solânea, sob o comando do Capitão Neves, conseguiu prender nesta terça-feira, Adalberto Pereira da Silva, mais conhecido por Beto, de 41 anos de idade, residente em Cacimba de Dentro, acusado de ter estuprado uma menor de 12 anos, na semana passada, na cidade onde ele reside.

Em entrevista à imprensa, o Capitão Neves (foto) disse que a polícia recebeu uma denúncia anônima, através do linha direta – (83) 9124-5072, informando que o acusado esta escondido em uma residência, na Rua Ermenegildo José de farias, na cidade de Solânea, no Brejo.
Ele foi preso e levado para a DP local.

“Beto” será encaminha para o Presídio de Guarabira.

Entenda o caso


“Estou envergonhada. ‘Tá’ todo mundo dizendo coisa com ela.” Essa declaração é de uma mãe que no último dia 21, terça-feira de carnaval, descobriu que seu esposo, com quem convive há pouco mais de cinco anos, abusava sexualmente de sua filha, de apenas 12 anos, há cerca dois anos.

O caso foi registrado na delegacia de polícia civil de Cacimba de Dentro, curimataú paraibano, pelo Delegado Dr. Hilamilton, na sexta-feira (24).

Ao retornar para casa depois do trabalho naquela terça, a dona de casa relatou a polícia que encontrou um preservativo no banheiro de sua casa, ainda com sinais de espermas. A senhora procurou saber com os filhos quem teria usado o preservativo. Ninguém soube informar. A mãe contou para o delegado que estranhou o caso e conversou com a filha que, depois de insistência, a menina confessou que tinha tido relações sexuais com seu padrasto.

A mãe levou a filha para o hospital, mas foi informada pela equipe médica que só a Unidade de Medicina Legal é que poderia examiná-la. Com medo de represália a dona de casa pediu que a equipe médica não informasse ao conselho tutelar, nem a polícia, pois temia que seu esposo a matasse, caso fosse denunciado.

Sabendo da gravidade do caso a equipe informou o caso ao conselho tutelar do município que de imediato acionou a polícia.

A criança foi ouvida, juntamente com a mãe. A menor disse que há cerca de dois anos vem tendo relacionamento com o homem. Disse que não contou para sua mãe porque o acusado ameaçava dizendo que se sua mãe soubesse, ele iria dizer que  a criança é que queria  o relacionamento. Acrescentou que quando se relacionavam o acusado tapava  a boca da criança para que ela não fizesse nenhum barulho e que o ato sexual acontecia, em  sua maioria, no banheiro da  residência, quando a mãe da criança  sai para fazer um trabalho em um supermercado da cidade.

A vítima foi levada para o IML de Campina Grande onde passou por um exame de conjunção carnal. O resultado sairá nos próximos dias.

Na nossa ida à Cacimba de Dentro, encontramos a mãe da menor que, preferiu não ser identificada, hospitalizada. Ainda em choque, a mãe da vítima, nas poucas palavras que conversou com nossa reportagem, disse está envergonhada e que os vizinhos estavam culpando a menor pelo ocorrido.

Acrescentou ainda que a menor se mostra satisfeita com o relacionamento e que teria comentado com a mãe que tem várias amigas, da mesma idade que, também tem relacionamentos sexuais sem nenhum problema.

Conversamos com os conselheiros tutelares que acompanham o caso, Vanvam Olegário e Fábio Lima que, nos revelaram que casos semelhantes têm sido comum no município. A prostituição infantil tem ganhando força e para combater o crime, se faz necessário um trabalho em conjunto dos conselheiros, da polícia, justiça e sociedade. Acrescentaram ainda que, é necessário que as mães estejam atentas ao comportamento de suas filhas. Que a falta de atenção é a principal causa para que as meninas se tornem presas fáceis para criminosos que abusam sexualmente de menores. Lembraram que é em casa que muitas vezes o crime acontece.

O acusado, Adalberto Pereira da Silva, “Beto”, ao tomar conhecimento que estava sendo denunciado à polícia, empreendeu fuga. Um mandado de prisão já foi expedido pela justiça e Beto pode ser preso a qualquer momento.

Juka Martins

Do Portal Mídia

Focando a Notícia

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS


















INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627