Onze Vereadores e Seus Destinos

Publicado em domingo, janeiro 8, 2017 · Comments 

carlos tota(Karlos Thotta/2016)

NOS MUNICÍPIOS, OS VERDADEIROS VEREADORES PODEM TER PODERES DE DEPUTADOS E SENADORES.

A palavra VEREADOR vem do termo  “verea” que tem origem no grego antigo, significando vereda, caminho.

Vereadores, portanto, são aqueles que ‘vereiam’, trilham e sinalizam os caminhos que possam beneficiar as suas comunidades, notadamente as mais carentes.

Como membro democraticamente eleito, o vereador é legal representante do povo nos poderes do município.

ASSIM, O BOM VEREADOR PODE SER CONSIDERADO:

–> embaixador do seu município;

–> delegado do povo que ele representa;

–> autoridade do poder legislativo;

–> candidato natural à presidência da Câmara.

CASO ELE SEJA ELEITO PRESIDENTE DA CÂMARA:

–> chefiará o poder legislativo municipal;

–> será a segunda autoridade na linha sucessória do poder executivo local;

–> terá status de segundo vice-prefeito;

–> poderá representar o seu município em quaisquer instâncias dos poderes judiciais, executivos e legislativos do Brasil.

Mais do que tudo isso, o Vereador (ou Edil) tem o dever constitucional de conhecer a Lei Orgânica do Município, para sobre ela propor alterações e novas Leis, que desenvolvam talentos e vocações gerando melhorias gerais de vida para as comunidades.

CABE AO BOM VEREADOR, O FIRME PROPÓSITO DE:

–> fiscalizar os recebimentos e aplicações de TODOS os recursos próprios, arrecadados ou recebidos;

–> propor e aprovar incentivos e ações que atraiam investimentos geradores de empregos e rendas;

–> promover e divulgar, junto ao povo, prestações de contas de suas atividades populares e legislativas;

–> manter, permanentemente, contatos com entidades públicas e comunitárias, objetivando solucionar as urgências que atingem os meios rurais e urbanos.

–> exigir do poder executivo municipal o cumprimento da obrigação de manter portal informativo atualizado, transparente e detalhado, das receitas e despesas.

Ao eleitor cabe o dever de votar no candidato que, comprovadamente, teve uma vida de trabalho voltada para o bem comum, quando agiu nas oportunidades de atuar em benefício do povo.

A independência das Câmaras de Vereadores é o principal determinante dos destinos dos municípios, pois evita, freia e coíbe os malefícios que seriam cometidos por gestores incompetentes ou acompanhados de seus apaniguados, padrinhos e afilhados, além dos famigerados comissionados.

NOS MUNICÍPIOS, OS VERDADEIROS VEREADORES PODEM TER PODERES DE DEPUTADOS E SENADORES.

 

Tags :




outras notícias