Odon Bezerra se emociona ao falar da decisão de Hervázio em apoiar RC; ‘A vida é dele’, diz

Publicado em terça-feira, maio 17, 2011 ·

odon-bezerraO programa Rede Verdade da TV Arapuan, recebeu nesta terça (17), o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Odon Bezerra. O advogado revelou que tem sido um esforço constante manter a OAB fora da disputa política, depois que o irmão Hervázio Bezerra (PSDB), se tornou aliado do Governo do Estado.

Segundo Bezerra ele é posto à prova todo o tempo, de ambos os lados. “Hervázio é meu irmão, jamais neguei, tenho a maior honra em tê-lo como irmão”, alega o advogado que se emociona ao falar da família. “…Mas política partidária não entra na Ordem (dos advogados), sou eleitor do meu irmão, pra onde ele for eu voto nele”, defendeu e afirmou que não se decepcionou com a atitude do irmão em apoiar Ricardo.

“A vida é dele, ele tem um CPF e eu tenho outro, tenho minha vida como profissional, como advogado e ele tem a vida dele como político… Vou ficar sempre à margem?… Por que meu irmão é político e eu não posso fazer isso, eu não posso fazer aquilo?! Em tudo que eu chego querem jogar política partidária. Eu não sou a OAB, eu estou presidente da Ordem e não vou ser presidente eterno da Instituição”, desabafa.

O presidente confessou que acha extremamente difícil ser posto à prova em todo o estado da Paraíba. “Preciso trabalhar pela nossa instituição, preciso colocar as nossas prerrogativas inteiras, tenho uma bandeira de luta que são as custas processuais. Eu tenho que me preocupar com política partidária? Eu tenho problemas de advocacia para resolver, não é tão somente a questão política partidária, eu quero ficar à margem dessa luta. Tenho o maior carinho pelo meu irmão nada vai abalar nossa amizade, mas ele tem que seguir na vida política dele e eu hoje prestar compromisso aos advogados na Paraíba”, explica.

Hervázio Bezerra, assim como Odon, sempre estiveram próximos ao senador Cícero Lucena (PSDB) e na eleição passada seguiram a orientação do grupo e apoiaram o ex-governador José Maranhão (PMDB). A migração de Hervázio para a base de Ricardo Coutinho marcou um rompimento de uma relação de mais de 20 anos da família com o grupo Cicerista.

Celeridade – O Advogado afirmou que a OAB defende a celeridade processual em todos os segmentos, “Na justiça comum, na justiça eleitoral, essa tem sido uma grande luta”, explica.

Bezerra afirmou que pediu para ser feito um ‘mutirão’ na sede dos juizados. “Na vara de Mangabeira, por exemplo, são cerca nove mil processos conclusos para um juiz, é desumano”, afirma. Bezerra diz que após esse mutirão os juízes continuarão despachando seus processos normalmente.

“É preciso trazer e tratar da especificidade, se eu sou especialista em direito do consumidor, obviamente eu vou dominar bem mais essa área, como quem detém o conhecimento maior com direito penal, a sentença sairá bem mais rápida e com mais substância”, diz. Bezerra reclamou da falta de juízes no Estado e defende que haja um concurso público.

A respeito do Quinto Constitucional, que é um dispositivo que prevê que 1/5 (um quinto) dos membros de determinados tribunais brasileiros sejam compostos por advogados e membros do Ministério Público Federal (MPF) ou Estadual (MPE), onde os integrantes do MP e os advogados precisam ter mais de dez anos de exercício profissional, o advogado afirmou: “cada cargo ‘olha’ o processo de uma forma, o juiz de um jeito, advogado de outro e o promotor de outro”, explica.

Paraíba.com

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627