O povo tenta eleger 2 gestores honestos

Publicado em terça-feira, agosto 2, 2016 ·

 

carlos tota(Karlos Thotta/2016)

NENHUM FICHA-SUJA PODE SER CANDIDATO A CARGO ELETIVO.

A PALAVRA CANDIDATO VEM DO LATIM CANDIDATUS, QUE QUER DIZER CÂNDIDO, SEM MANCHAS, COM A VIDA LIMPA E HONESTA.

Na Roma antiga, se uma pessoa desejava assumir um cargo público, passava a vestir uma túnica branca. Se o povo achasse que ela não merecia tal cargo, tratava logo de atirar sujeira nessas vestes, para mostrar que a tal pessoa não poderia ser considerada candidatus.

Se esse costume fosse usado, em nosso Brasil, uma lavanderia, especializada em tirar manchas de roupas brancas de pré-candidatos, faria um ótimo negócio.

Na pátria brasileira, o município é a menor unidade político-administrativa existente.  A totalidade dos municípios é chamada de República Federativa do Brasil (que é o nome completo do nosso país).

É o município que cuida de diversas necessidades da população, como registro dos imóveis, saúde básica, educação fundamental, pavimentação dos logradouros e ruas, do trânsito, dos transportes locais, bem como da coleta e destinação do lixo, além do controle e da fiscalização das feiras livres, entre outras obrigações constitucionais constantes na Lei Orgânica Municipal.

Este elenco de responsabilidades, pode ser cumprido se os eleitores souberem escolher os candidatos que serão vereadores e gestores honestos e competentes.

Portanto, são muitas, e diversas, as responsabilidades dos poderes municipais, representados pela Prefeitura e pela Câmara de Vereadores, atuando independente e harmoniosamente em prol do bem-estar comunitário.

SÓ O POVO É O VERDADEIRO PATRÃO, VEJAMOS:

–> o voto popular é o sustentáculo da Democracia;

–> o Povo é a razão de todos os poderes constituídos;

–> é o Povo quem escolhe os gestores e legisladores;

–> é o trabalho do Povo que paga todas as contas dos três poderes: executivos, legislativos e judiciários, de 5.570 municípios, 26 estados e da capital do país.

Portanto, o prefeito, seu vice e o presidente da câmara, devem estar preparados de tal forma que, conjuntamente, possam produzir benefícios para o Povo que os mantêm.

Adicionalmente, o prefeito, o vice e o presidente cameral, precisam, individualmente, ter competências necessárias para que um deles possa substituir os outros dois do trio.

Como podemos ver, a maior das responsabilidades ficou nas costas e nos votos do povo. O poder do voto popular é soberano e reina sobre todos os poderes políticos.

Caso os eleitos não cumpram  os mandatos outorgados pelos votos, eles deverão devolver tais votos pela perda do mandato que prometeram cumprir em nome do Povo.

VEREADORES E GESTORES HONESTOS E COMPETENTES SÃO RIQUEZAS DO MUNICÍPIO E BENEFÍCIOS POPULARES.

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627