‘Nós temos mais é que matar, agora que tenho 15 anos’, diz adolescente

Publicado em sábado, dezembro 7, 2013 ·

adolescenteA entrevista dada por dois menores infratores ao repórter Pádua Araújo da TV Meio Norte, chocou muita gente nessa sexta-feira (06/12).

Convictos de que a lei é meramente formalidade para os dois, e que punição de fato não existe, eles debocham da sociedade e das vítimas que já fizeram.

Os dois foram transferidos depois de terem colocado fogo em colchões dentro do Centro Educacional Masculino (CEM). “Se vacilar, nós taca é fogo mesmo. Não queria dar colchão novo, queimamo tudo, num sobrou nada [sic]”, disse um dos menores.

Abismado com as respostas, o repórter pergunta se para eles tirar uma vida é assim “tão fácil”. “Ora, tentaram matar nós, temos mais é que matar também [sic]”, diz.

E o rapaz completa: “Somo é menorzão, agora que tô com 15 anos, vou roubar muito. A gente ta lá mesmo só pra engordar. Enquanto a lei não mudar, nós tamo é matando”, afirma.

deboche.jpg

180 Graus

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627