Movimentos Sociais se unem e chamam para a realização da “Cúpula dos Povos”

Publicado em domingo, julho 10, 2011 ·

movimentosOs Movimentos Sociais de diversos estados do Brasil, e mais representação de 27 países, estiveram reunidos no Rio de Janeiro, região Sudeste do país, na semana passada para o lançamento da Cúpula dos Povos e debate para preparação do evento, que acontecerá paralelo à ‘Rio+20′, Conferência da Organização das Nações Unidas (ONU), a ser realizada também no Rio de Janeiro, em 2012.
As mobilizações contra os megaeventos, especialmente a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016, que se realizarão no Brasil, têm motivado diversos seguimentos de todo mundo a tomar atitudes.
Segundo Marcelo Durão, da Via Campesina e Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) do Rio de Janeiro, a Cúpula dos Povos surgiu a partir da necessidade de se fazer um amplo debate sobre as questões ambientais nacionais e internacionais, a partir de todos esses eventos.
“Não queremos um ambiente orientado pelo capital, mas pensado a partir dos movimentos sociais, baseado nas experiências dos próprios povos”, disse.
Para Marcelo, o Rio+20, significa “um encontro de acordos por dentro da economia verde, e que desconstrói os valores da natureza”.
O encontro da Cúpula para os estados brasileiros acontecerá mensalmente, no entanto a metodologia de como serão organizadas ainda está em fase de discussão. Já as reuniões ampliadas com outros países estão marcadas para novembro deste ano, na ocasião em que os países se encontram para participar da Conferência do Clima (COP 17), que será realizada em Durban, na África do Sul.
O grupo que está articulando a Cúpula dos Povos acredita que um dos debates mais importantes deste evento, organizado pelos movimentos, está na necessidade de resgatar a noção de que há bens comuns da humanidade, o que é incompatível com a atual mercantilização da vida e da natureza.
“A Cúpula pretende ser um espaço aberto, diversificado, que ponha em debate as questões ambientais e aponte alternativas de construção de um espaço construído com esforço internacional dos povos”, afirma Marcelo.

O que é a “RIO + 20″


O evento será realizado no primeiro semestre de 2012, na cidade do Rio de Janeiro. Seu objetivo de renovar o engajamento dos líderes mundiais no desenvolvimento sustentável do planeta. A Rio+20 integrará a tradição de reuniões anteriores das nações Unidas, como as conferências de Estocolmo, Suécia (1972), Rio de Janeiro (1992) e Joanesburgo, África do Sul (2002).

No evento, devem ser debatidos temas como os fenômenos decorrentes das mudanças climáticas, a políticas de biodiversidade, a importância da economia verde na perspectiva do desenvolvimento sustentável e a eliminação da pobreza, com foco sobre a questão da estrutura de governança internacional na área da sustentabilidade.

Jeane Freitas

Jornalista da Adital

Focando a Notícia

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627