Hospital de Emergência e Trauma

Morador de rua morre em hospital de Campina Grande após ser espancado e queimado, na PB

Publicado em quinta-feira, dezembro 12, 2019 ·

Um morador de rua morreu na quarta-feira (11) no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, onde estava internado desde o dia 4 de dezembro deste ano, após ser espancado e queimado vivo na cidade de Itaporanga, no Sertão paraibano. De acordo com a Polícia Civil, o suspeito do crime foi preso ainda no dia do crime.

Conforme o Hospital de Trauma de Campina Grande, Fabio Pedro da Silva deu entrada na unidade de saúde no dia 4 de dezembro, com ferimentos causados por espancamentos e queimaduras. A vítima estava internada na Unidade de Tratamento Intensivo, mas não resistiu e morreu na quarta-feira (11).

G1 não conseguiu contato com o delegado responsável pelo caso, mas a Polícia Civil de Itaporanga informou que o suspeito do crime permanece preso à disposição da Justiça. O corpo de Fábio Pedro da Silva foi encaminhado ao Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) de Campina Grande.

G1

 

Comentários

Tags : , , , , ,

REDES SOCIAIS









ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627