Messi desperta, Argentina bate Costa Rica e evita fiasco

Publicado em terça-feira, julho 12, 2011 ·

messiO técnico Sergio Batista resolveu mudar o esquema da Argentina que não deu certo nas duas primeiras partidas da Copa América e que irritou a torcida. Sob pressão, o comandante colocou uma equipe mais ofensiva nesta segunda-feira e viu resultado: o astro Lionel Messi atuou com mais liberdade e foi fundamental para a vitória por 3 a 0 sobre o Sub-22 da Costa Rica na cidade de Córdoba, garantindo o segundo lugar do Grupo A. Participação importante também teve o atacante Sergio Agüero, que marcou duas vezes.

Bastante criticado nas duas primeiras partidas, Messi foi muito mais participativo no Estádio Mario Alberto Kempes e fez o que se esperava: foi o principal homem da armação argentina e colaborou com duas assistências.

Já Agüero, reserva nos empates por 1 a 1 com a Bolívia, na estreia em La Plata, e por 0 a 0 com a Colômbia, em Santa Fé, assumiu a vaga de Carlos Tevez no time titular e brilhou em Córdoba, encaminhando a classificação argentina com gols aos 46min, do primeiro tempo, e aos 7min, do segundo. Ángel di María fechou a contagem, aos 18min, e a torcida cantou o nome de Messi na saída do gramado.

Apático nos dois primeiros jogos da Argentina, que teve um estranho esquema 4-3-3 com volantes armando o jogo, Messi se destacou desde os primeiros minutos nesta segunda e foi responsável por articular as principais jogadas de ataque diante da Costa Rica.

Antes atuando como atacante, o camisa 10 foi recuado para ser um armador do time de Batista, que sacou os volantes Esteban Cambiasso e Ever Banega, além dos atacantes Carlos Tevez e Ezequiel Lavezzi, e colocou em campo os medalhões Fernando Gago, Ángel di María, Agüero e Higuaín.

As mudanças mostraram resultado desde o início, e os cordobeses que encheram o Mario Kempes com mensagens de apoio a Messi quase comemoram o primeiro gol aos 25min: após cobrança de escanteio, o zagueiro Nicolás Burdisso cabeceou no travessão. Com respaldo da torcida, o camisa 10 continuou criando, mas Higuaín e Agüero finalizavam mal e desperdiçavam a chance de colocar os argentinos em vantagem.

Entretanto, em vez de agonia, o povo argentino teve alívio aos 46min do primeiro tempo, na última jogada da etapa inicial em Córdoba: Gago pegou rebote da defesa e chutou de primeira, de fora da área. O goleiro Leonel Moreira falhou, se jogou no chão para fazer a defesa e a bola bateu em seu pé. Agüero, com o gol livre, não desperdiçou e marcou o primeiro dos anfitriões no duelo.

A vantagem no marcador deu grande tranquilidade para a Argentina no segundo tempo, e apenas poucos minutos separaram a equipe de Batista do segundo gol. Aos 7min, Messi dominou na entrada da área e abriu para Agüero, que chutou rasteiro, no canto de Moreira, e fez o segundo. O camisa 10 deu nova assistência aos 18min, quando tocou para a esquerda e Di María, livre, bateu no canto direito e deu números finais ao marcador.

Argentina 3 x 0 Costa Rica

Gols

Argentina:
Sergio Agüero, aos 46min do 1º tempo e aos 7min do 2º; Angel Di María, aos 18min do 2º tempo

Argentina: Sergio Romero; Pablo Zabaleta, Nicolás Burdisso, Gabriel Milito e Javier Zanetti; Fernando Gago, Javier Mascherano, Angel Di María (Lucas Biglia) e Lionel Messi; Sergio Agüero (Ezequiel Lavezzi) e Gonzalo Higuaín (Javier Pastore). Técnico: Sergio Batista.

Costa Rica: Leonel Moreira; Johnny Acosta, Oscar Duarte e Francisco Calvo (Randall Brenes); José Salvatierra, Pedro Leal, José Cubero, Heiner Mora e Cesar Elizondo (Luis Miguel); Josué Martínez (Diego Madrigal) e Joel Cambell. Técnico: Ricardo La Volpe.

Cartões amarelos
Argentina: Burdisso, Zanetti, Biglia e Lavezzi
Costa Rica: Duarte, Calvo

Árbitro
Victor Rivera (Peru)

Local
Estádio Mario Alberto Kempes, em Córdoba (Argentina)

Os 3 a 0 representaram a primeira vitória da Argentina, que se classificou com cinco pontos na segunda colocação do Grupo A. A Colômbia, com sete pontos, ficou no primeiro lugar, enquanto os costarriquenhos, com três, aguardam a definição da última rodada da Copa América para saber se conseguem avançar como um dos dois melhores terceiros colocados.

Classificada no segundo lugar da chave, a Argentina voltará a campo às 19h15 de sábado para a disputa das quartas de final. O rival será o segundo colocado do Grupo C, que tem Chile e Peru com quatro pontos, Uruguai em terceiro com dois e México na lanterna, com um.

Terra

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627