Maranhão acusa Cartaxo de perseguição ao MDB e de politicagem na Prefeitura

Publicado em quinta-feira, fevereiro 8, 2018 ·

O senador José Maranhão classificou como perseguição política as exonerações de pessoas ligadas ao MDB na gestão do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo. Em entrevista ao Blog do Gordinho nesta quinta-feira (08), Maranhão disse ainda que já esperava por essa atitude do prefeito.

De acordo com Maranhão, os seus companheiros de partido estavam sendo pressionados a aderir a uma possível pré-candidatura ao Governo encabeçada por Cartaxo. “A pressão era para aderir, como eles não conseguiram aderir, ele demitiu. E é esse o homem que quer fazer uma aliança com o MDB, hostilizando o partido”, lamentou o senador e pré-candidato a governador.

“Eu estava esperando isso, a perseguição que o prefeito vem fazendo ao MDB, que não se curva a ele. Ora, se o MDB tem um candidato, é claro que o candidato da legenda tem o apoio de todos os companheiros. Esses companheiros que ele demitiu, ele demitiu porque não baixaram a cabeça”, alertou ainda o senador José Maranhão.

O senador Maranhão ainda criticou a postura de Luciano Cartaxo, que declarou na última semana pretender se dedicar à gestão, já que a oposição estaria demorando a definir posicionamento sobre eleições. “É bom que ele se dedique, porque até agora ele não se dedicou. Primeiro que ele está se acusando de que estava fazendo politicagem dentro da Prefeitura. Agora ele resolveu administrar, foi o que ele disse, em outras palavras”, asseverou.

clickpb

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS









INFORMA BREJO


INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627