Mais de 40 presos acusados de violência sexual e crimes bárbaros são transferidos para o PB-1

Publicado em terça-feira, janeiro 17, 2017 ·

pb1A direção do presídio Padrão, em Campina Grande, transferiu, entre o fim de tarde desta segunda (16) e madrugada desta terça (17), 43 presidiários acusados de violência sexual e crimes bárbaros da unidade para o PB-1, em João Pessoa, para reformas na cela de segurança da unidade prisional.

“Essa cela de segurança é onde ficam os presos de casos de violência sexual, crimes bárbaros e aqueles que possuem conflitos de relação com outros presos. Então decidimos não colocar os detentos em outras celas, por isso eles vão para o PB-1. Mas, logo estarão de volta”, explicou o diretor.

Segundo o diretor Alexandre Moreira, os presos devem retornar com o fim da reforma, prevista para ser concluída em três semanas. O diretor explicou que as transferências não tem nada a ver com os casos de rebelião nas demais unidades do país.

Entre os transferidos, encontra-se o réu Nelsivan Marques, acusado de ser o mentor e mandante do crime de 2014, que obteve repercussão nacional, onde o casal Washington Luiz e Lúcia Santana foi assassinado na saída da festa de casamento do próprio acusado. As vítimas haviam sido convidadas para serem padrinhos do casamento de Nelsivan. Na ação, um vigilante ainda foi ferido pelo altor dos disparos.

clickpb

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Comentários

Tags : , , , , , ,

REDES SOCIAIS














INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627