Lápis e borracha estão proibidos na prova do Enem 2011

Publicado em sábado, Maio 28, 2011 ·

enemAlgumas regras seguem as mesmas para as provas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 201: estão proibidos o uso de lápis e borracha. Além disso, os inscritos não poderão portar relógio e celular.

“O uso de lápis e borracha não está permitido pensando nos estudantes que querem garantir a lisura do processo. Por respeito a eles, temos que coibir a possibilidade da utilização indevida desses materiais”, afirma Malvina Tuttman, presidente do Inep, autarquia do MEC responsável pelo exame

O MEC (Ministério da Educação) informou que mais de 1,5 milhão de pessoas se inscreveram para participar do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) de 2011 até esta quinta-feira. A expectativa do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais) é que o número de inscritos do Enem 2011 chegue a 6 milhões até o fim do prazo de inscrições (10 de junho).

Interessados têm até as 23h59 do dia 10 de junho para se candidatar exclusivamente pela internet. Serão isentos das taxas os estudantes que concluirão o Ensino Médio no ano de 2011 regularmente matriculados em escolas da rede pública, além de candidatos que declarem carência socioeconômica. Os pedidos de isenção devem ser pedidos no ato da inscrição.

Para conseguir se inscrever no ENEM 2011 (Exame Nacional do Ensino Médio), assim como na edição anterior, os candidatos deverão responder uma séria de perguntas referente ao perfil socioeconômico. O processo, que só será concluído quando as 22 questões foram respondidas, poderá demorar em média cinco minutos. Reserve esse tempo e faça já sua inscrição na página oficial do exame e leia o edital.

Além do grau de escolaridade dos pais, o questionário inclui perguntas sobre a renda familiar, as condições de moradia e os estudos de nível Fundamental e Médio. As informações, segundo o Ministério da Educação, são fundamentais para traçar um perfil mais preciso dos participantes do Enem, além de possibilitar o desenvolvimento e a implementação de políticas públicas para melhorar a educação no país.

O questionário socioeconômico é utilizado desde a primeira edição do exame, em 1998. Até 2009, os participantes respondiam a versão impressa do formulário, recebida via correios juntamente com as demais informações da prova. A entrega era feita no dia da realização da prova.

Além de o exame ser obrigatório para a adesão do ProUni (Programa Universidade para Todos) e do FIES (Financiamento Estudantil), o ENEM é pré-requisito mínimo para a participação do SiSU (Sistema de Seleção Unificado), com vagas em diversas instituições públicas de Ensino Superior de todo o país.

As provas estão previstas para serem aplicadas nos dias 22 e 23 de outubro, a partir das 13h, conforme antecipado pelo Universia Brasil. Com a mesma estrutura da edição passada, a avaliação será composta por quatro provas objetivas de múltipla escolha nas áreas de Linguagens e Códigos (Língua Portuguesa, Literatura, Língua estrangeira – inglês ou espanhol -, Artes, Educação Física e Tecnologias da Informação e Comunicação), Ciências da Natureza (Química, Física e Biologia), Matemática e Ciências Humanas (História, Geografia, Filosofia e Sociologia). Cada um dos exames terá 45 questões.

Redação iParaíba com Ascom

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627