Justiça anula eleição e oposição assume Câmara de Livramento por 30 dias

Publicado em quarta-feira, junho 29, 2011 ·


Foto0219Para quem ainda tinha alguma dúvida e também para quem não acreditava que a justiça seria feita algum dia na cidade de Livramento, se enganou, pois ela aconteceu uma semana depois que foi emitida a decisão do juiz Iano Miranda contrária ao que foi considerada uma eleição arbitrária para a Mesa-diretora da Câmara de Vereadores no final de maio.


A Justiça entendeu, depois que os advogados dos cinco vereadores da oposição no município, Clenildo Batista da Silva, do escritório CBS Advocacia, e José Mariz, entregaram defesa no último dia 15 no Fórum de Taperoá, que houve irregularidades na realização do pleito para escolha dos novos dirigentes do Poder Legislativo.


A ex-presidente da Casa Severino Germano Filho, Maria do Socorro sousa Vieira, que teve sua chapa considerada eleita com apenas três dos nove votos válidos, ou seja menos de 50% do total, no último dia 30 depois de um processo eleitoral confuso foi imediatamente informada da ordem judicial que determinou a entrega do controle do Parlamento para os colegas que integram o bloco de oposição na cidade. De acordo com o governo interino, Maria do Socorro se negou a receber o documento enviado pelo Fórum Desembargador Manoel Taygi.


Os parlamentares que ganharam na justiça o direito de ficaram à frente das atividades da Câmara por um mês para preparem nova eleição ficaram indignados porque na hora em que a sede do Poder Legislativo deveria ser aberta não apareceram nenhum legislador da situação e nem antigos funcionários com as chaves. O único chaveiro da cidade prometeu ajudar na abertura do prédio, mas populares e vereadores disseram que horas antes ele foi visto embriagado e depois disso não foi mais localizado.


Mesmo sem os oposicionistas quererem usar de método brusco, a solução foi entrar com o uso de uma ferramenta conhecida por esmeril que cortou a fechadura permitindo desse modo o acesso dos administradores interinos e de moradores que se aglomeraram na frente da Câmara.


Após fazerem uma rápida vistoria na sede do Parlamento livramentense, foi iniciada a sessão que deu posse à nova Mesa-diretora e aos discursos dominados pelo sentimento de justiça de parte dos vereadores, que aproveitaram também para falarem para uma platéia eufórica sobre a ausência dos colegas aliados do governo municipal e de possíveis irregularidades cometidas pelos mesmos.


“Nós estamos aqui hoje porque foi feita a justiça e é em busca dela que continuaremos, não é o poder que nos interessa e sim fazer as coisas com transparência, pois é de um trabalho honesto de nós que a sociedade livramentense merece e terá”, disse emocionado o presidente interino José Nilo Campos Barreto, que lembrou ainda que já a partir desta terça-feira, 28, dará início à confecção do edital para a nova eleição e garantiu que todo o processo eleitoral vai ser desta vez absolutamente limpo. Uma auditoria está também nos planos da administração provisória.


VISTORIA: Vereadores e novos funcionários reunidos depois da sessão

CAUTELA

Depois de terem contra a própria vontade de abrir a porta da Casa Legislativa com um esmeril, os parlamentares decidiram garantir a segurança do local. A preocupação era da possibilidade de a Câmara ser invadida e por isso providenciaram uma corrente com cadeado e a presença de homens para assegurar a tranqüilidade da sede do Poder Legislativo de Livramento. Outro risco que o governo interino correu foi o de pagar multa diária de R$ 1 mil caso não assumissem imediatamente. O resultado da sentença que anulou a eleição realizada no último dia 30 de maio saiu na última quarta-feira, 22, e desde então os vereadores Rosa Martha Ventura Nunes, Francisco Edinildo Dias da Silva, José Nilo Campos Barreto, Aliomar Soares de Araújo e Guilherme Torres Vilar procuraram pelos colegas para que fosse feita tranquilamente a mudança de governo, mas não obtiveram, segundo eles, sucesso na busca.

Jandro Gomes para o Focando a Notícia

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627