Jovem é agredido em festa dentro da UFPB e sofre traumatismo craniano

Publicado em segunda-feira, Março 12, 2012 ·

Um jovem de 19 anos foi agredido na madrugada da sexta-feira (9) dentro do campus da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) no município de Areia, no Brejo. Uma tia do rapaz conversou com o G1 e disse que o sobrinho sofreu agressões quando ele estava saindo de uma calourada de estudantes no Centro de Ciências Agrárias. O jovem sofreu traumatismo craniano e está internado no Hospital de Trauma em Campina Grande, mas passa bem. A UFPB tem outra versão para o caso e diz que o rapaz agredido estava em um grupo que tentou invadir alojamentos da instituição para agredir um estudante.

“Ele não é estudante da UFPB e estava só participando da festa porque o primo é fera”, contou Gisélia Vital, tia do jovem. Ainda de acordo com a tia, o sobrinho contou que, no momento que ele estava subindo na motocicleta para ir embora, ouviu um rapaz chamá-lo de fera e em seguida foi atingido com um golpe na cabeça. “Foi uma coisa desumana”, lamentou. Como a paulada foi dada pelas costas, o jovem disse que não conseguiu identificar o agressor.

Segundo a assessoria de imprensa da instituição, por volta de 1h30 da sexta-feira, a calourada foi encerrada e um grupo com sete rapazes, que não eram alunos da UFPB, tentou encurralar um estudante da universidade. Ainda segundo a assessoria, os rapazes seguiram para a residência universitária por volta das 2h30 e arrombaram a porta de um dos alojamentos, na tentativa de agredir o estudante da UFPB que, para se defender, golpeou um dos agressores com uma paulada na cabeça. Como o rapaz desmaiou, os demais agressores realizaram o socorro e o estudante conseguiu fugir. Os vigilantes da instituição testemunharam o desentendimento entre os jovens e prestaram depoimento na delegacia.

A assessoria da UFPB informou que esse foi um caso isolado que aconteceu após a calourada e que deve ser tratado como um caso polícia. A delegada Maria do Socorro, da Delegacia de Areia, colheu o depoimento dos envolvidos no caso e disse que vai entrar ainda nesta segunda-feira (12) com um pedido de de prisão preventiva contra o estudante suspeito de agredir o jovem de 19 anos. A delegada disse ainda que não se decidiu se vai enquadrar o crime como uma tentativa de homicídio ou lesão corporal.

O diretor do Centro de Ciências Agrárias, Djail Santos, disse para assessoria de imprensa da UFPB que foi informado da ocorrência e orientou o estudante a realizar o exame de corpo de delito. Por volta das 16h, quando o aluno retornava da delegacia, sofreu uma tentativa de linchamento por moradores da cidade. Uma equipe da polícia socorreu o rapaz, que foi encaminhado para o campus da UFPB e em seguida levado para sua cidade natal.

De acordo com o neurocirurgião Marcos Wagner Porto, do Hospital de Trauma, o quadro de saúde do jovem que sofreu as agressões é moderado e requer obervação rigorosa. “Ele sofreu um traumatismo cranioencefálico e está com coágulos”, disse o médico, que aguarda a realização de novos exames para identificar se o paciente está com algum tipo de sequela.

G1 PB

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627