Jornalista é morto por homens armados na fronteira do Brasil com o Paraguai

Publicado em sexta-feira, abril 26, 2013 ·

Nessa quinta-feira (25/4), um jornalista foi morto a tiros por homens armados no norte do Paraguai, na fronteira seca com o Brasil. Carlos Manuel Artaza faleceu antes de chegar ao Centro de Emergências Médicas de Assunção.
Crédito:Reprodução
Jornalista morreu em emboscada na fronteira com o Brasil
Segundo a Zero Hora, Artaza, que era radialista e trabalhava para um órgão público da região, foi vítima de uma emboscada quando chegava em casa, na noite da última quarta-feira (23/4), após uma festa para comemorar a vitória de Pedro González ao governo.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

No mesmo local, a fronteira seca entre Brasil e Paraguai, já foram registrados outros assassinatos de jornalistas em 2013. O radialista Juan Arístides Martínez e o proprietário da rádio 98.5 FM, Marcelino Vázquez, também foram executados com tiros.
O crime aconteceu um dia antes do Dia do Jornalista no Paraguai.
Portal IMPRENSA

Comentários

Tags : , , , , , ,

REDES SOCIAIS














INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627