Joel dá razão a vaias da torcida: ‘Não foi o tipo de vitória que eu gostaria’

Publicado em sexta-feira, Março 9, 2012 ·

Vitória apertada, importante, mas que não convenceu. Nesta quinta-feira, o Flamengo derrotou o Emelec por 1 a 0, pela segunda rodada do Grupo 2 da Libertadores, mas deixou o gramado do Engenhão sob vaias. Durante a partida contra os equatorianos, Joel Santana foi chamado de burro, e Ronaldinho jogou boa parte do segundo tempo sob vaias. Na entrevista coletiva, o técnico reconheceu o desempenho ruim e deu razão a quem reclamou.

– Não foi o tipo de vitória que eu gostaria. Claro que a torcida gostaria, eu gostaria também, de um placar mais elástico, que poderia ter sido construído, pois tivemos umas duas ou três chances incríveis, mas não concluímos com eficiência. Com isso, claro que o torcedor que veio aqui – e para nós foi muito bom, ele faz parte dessa luta – tem razão de reclamar. Gostaria que fossem dois, três, quatro (gols). Ficaríamos mais tranquilos, sem dar chance ao adversário. Mas voltou a acontecer uma contusão (Léo Moura se machucou no primeiro tempo). Amanhã (sexta) vamos ver que somos líderes do grupo e temos um jogo na quinta para consolidar a liderança (contra o Olimpia, no Rio). Libertadores é assim, sofrido, suado, chorado, e será assim nos jogos dentro e fora de casa.

Joel voltou a lamentar a série de problemas médicos. Léo Moura, que retornou após lesão no joelho direito, sentiu dores no músculo posterior da coxa direita. Welinton recebeu uma cotovelada no primeiro tempo e teve de levar três pontos do lado esquerdo do rosto. Na partida, ele não contou com Felipe, Airton, Willians, Renato, Camacho e Maldonado.

– Nesses anos todos de trabalho, nunca tive tantos jogadores machucados na mesma posição. Tinha mais dois que eu poderia usar no jogo (Maldonado e Camacho), mas não consegui. Perdemos o Léo Moura, um dos melhores do Brasil no momento, vive grande fase, nível de Seleção Brasileira. Nosso zagueiro sofreu um corte profundo no rosto. Vamos ver o que sobrou para colocarmos em campo.

Neste domingo, o Flamengo enfrenta o Fluminense, pela terceira rodada da Taça Rio. Dos vetados pelo departamento médico, só Camacho tem condições de voltar. Bottinelli também não vai jogar, pois terá de cumprir suspensão. Léo Moura é dúvida.

O Rubro-Negro, apesar do desempenho ruim, chegou a quatro pontos no Grupo 2 e lidera. No próximo jogo da competição continental, o duelo é com o Olimpia-PAR.

Globoesporte.com

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS


















INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627