Operação Calvário

Ivan revela em delação que Livânia “queimou” candidatura de João à PMJP em 2016: “ela não gostava dele”

Publicado em quarta-feira, janeiro 15, 2020 ·

O ex-secretário executivo de Turismo e Desenvolvimento Econômico da Paraíba, Ivan Burity, revelou, durante trecho de sua delação no âmbito da Operação Calvário, que a ex-secretária de Administração do Estado, Livânia Farias, foi a principal responsável pela retirada da candidatura do atual governador João Azevêdo (sem partido) à Prefeitura Municipal de João Pessoa nas eleições de 2016 e elencou o nome da atual deputada Cida Ramos para a disputa do pleito.

 

No trecho, Ivan deu detalhes da interferência direta de Livânia Farias no pleito de 2016, afirmando que ela “não gostava” de João e por isso o “queimou”.

 

“Entre a eleição de Estela [2012] e Cida [2016], quando chegou por exemplo à eleição de Cida, foi ela [Livânia] quem tirou João [da disputa pela PMJP]. Ela não gostava de João, queimou João”, disse o ex-secretário.

 

CONFIRA O TRECHO:

 

Portal WSCOM

 

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS









ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627