João Pessoa

HULW suspende serviço da maternidade após mortes de bebês por Covid-19

Publicado em quinta-feira, julho 30, 2020 ·

O Hospital Universitário Lauro Wanderley, em João Pessoa, suspendeu, nesta quinta-feira (30), o atendimento a novas gestantes e o serviço de internação na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal. A medida foi tomada em prevenção à disseminação do novo coronavírus.

Três recém-nascidos que se internaram na unidade de terapia intensiva tiveram teste positivo para a Covid-19. Dois deles morreram nesta semana. Um outro bebê, que recebia atendimento na Unidade de Cuidados Intermediários Neonatal (Ucin), também foi diagnosticado com a doença e transferido para a UTI neonatal. De acordo com o HULW, a situação dos dois bebês infectados que seguem na UTI neonatal é considerada estável.

O Hospital Universitário vai manter assistência às gestantes que já estão internadas, mas considerou prudente não receber mais pacientes. A decisão já foi comunicada à Secretaria de Estado da Saúde.

“Tal medida é necessária, pois a UTI neonatal e a Ucin (que conta com nove leitos, sendo seis convencionais e três ‘canguru’) dão suporte direto à maternidade do Lauro Wanderley”, anunciou o hospital.

Ainda como medida de prevenção ao coronavírus, o HULW estabeleceu nova testagem de mães e bebês que se encontravam nos setores, além dos funcionários lotados na Ucin e na UTI Neonatal. Todos estão fazendo o RT-PCR, que é considerado o exame “padrão-ouro” para diagnóstico da doença.

Não há previsão de retorno das atividades e o HULW orienta às gestantes que busquem assistência diretamente em outras maternidades públicas de João Pessoa.

 

portalcorreio

 

 

Comentários

Tags : , , , ,

REDES SOCIAIS
















INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627