HU fecha 79 leitos e suspende cirurgias complexas; falta até antibióticos para atender pacientes da UTI

Publicado em quinta-feira, novembro 21, 2013 ·

huO Hospital Universitário Lauro Wanderley, em João Pessoa, está passando por uma séria crise financeira.  A Unidade de saúde fechou 79 leitos, suspendeu a realização de cirurgia complexas e a realização de alguns serviços que são exclusivos do Hospital devido a falta de recursos financeiros.  O hospital recebe 1,3 milhão do Ministério da Saúde. Só  com o pagamento de funcionários paga cerca de 1 milhão.

O diretor do Hospital, João Batista explicou que o bloqueio desses leitos foi devido a crise financeira que hospital enfrenta desde o mês de agosto desse ano. “Tínhamos a necessidade de mais de 10 milhões para passar o ano mas esses recursos não estavam chegando. Em outubro foi liberado 2 milhões e por conta dessa situação não restou outra alternativa a não ser fechar os leitos, por extrema necessidade financeira’, explicou o diretor.

Ele explicou que foram bloqueados leitos tanto da clinica médica, que está funcionando apenas com 36, quanto da UTI que conta com 14, mas só três estão recebendo pacientes. Com relação as cirurgias antes eram feitas 43 e agora são apenas 10.

“Se me falta dinheiro para manter o paciente, também falta recurso para comprar material hospitalar para as cirurgias. O material está sendo reservado para pacientes de urgência que já estão no hospital e cirurgias mais simples estão acontecendo”, explicou.

João Batista disse ainda que alguns fornecedores estavam ameaçando não fornecer alimento, como carne, para o alimento dos pacientes.

A crise, segundo o diretor, chegou a tal ponto que o Hospital não estava aceitando paciente na UTI por falta de antibióticos.

Paulo Cosme\Paulo Dantas

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627