Paulistão

Gustagol sai do banco e arranca empate para o Corinthians

Publicado em domingo, março 24, 2019 ·

A estrela de Gustagol segue mais forte do que nunca. De volta após 22 dias de lesão, o camisa 19 saiu do banco de reservas e fez o Corinthians arrancar o empate em 1 a 1 com o Ferroviária, em jogo tenso neste domingo, na Arena Fonte Luminosa no qual Diogo Mateus abriu o placar e Cássio saiu machucado, em jogo válido pelas quartas de final do Paulistão.

Com o resultado, tudo está em aberto para o jogo de volta, nesta quarta-feira, na Arena Corinthians, às 21h30. Um novo empate leva a decisão para os pênaltis. O clube que conseguir uma vitória simples se garante nas semifinais.

Ferroviária e Corinthians empataram em 1 a 1 no primeiro jogo das quartas de final do Campeonato Paulista
Ferroviária e Corinthians empataram em 1 a 1 no primeiro jogo das quartas de final do Campeonato Paulista

Foto: Thiago Calil/Agif / Gazeta Press

Locomotiva a todo vapor
Trocando passes em marcha lenta e sendo pouco incisivo, o Corinthians, aos poucos, deu espaços para a Ferroviária avançar. Após cruzamento de Diego Gonçalves, Lúcio Flávio levou a melhor sobre Manoel e assustou em um voleio. Em seguida, Arthur Henrique abriu caminho no meio em uma tabela com Léo Arthur, que concluiu rasteiro. Cássio, caído, apenas observou a bola sair.

Cadê a precisão, Timão?
Aos poucos, a equipe de Fábio Carille voltou a tomar as rédeas do duelo. Pedrinho e Clayson se empenhavam para furar o bloqueio adversário, mas apenas aos 33 minutos veio a primeira chance clara. Em falta cobrada por Pedrinho, Avelar alçou e, depois de um desvio de Henrique, Manoel viu sua cabeçada parar em Tadeu. No rebote, o defensor concluiu para fora. No finzinho, Pedrinho cobrou falta por cima. Em novo cabeceio, Manoel, sozinho, tirou tinta da trave.

Cássio sai e Timão quase se perde na ferrovia
O Corinthians voltou do intervalo em clima de preocupação: Cássio, com dores no quadril, deu lugar a Walter. Pedrinho até lutou ofensivamente, mas o Timão se perdeu na defesa. Diogo Mateus avançou como quis pela direita e encheu o pé. Walter, sem ritmo, tentou desviar, mas a bola carimbou a trave antes de entrar. Em seguida, a Ferroviária quase ampliou. Léo Arthur concluiu, a bola passou por Walter e Michel Macedo salvou em cima da linha.

Gustagol (de novo) salva o Corinthians
Fábio Carille apostou em Jadson e Gustagol para tornar o Corinthians mais ofensivo. Aos trancos e barrancos, a equipe foi aumentando seu ímpeto. Michel Macedo arriscou e a bola passou rente à trave. Em seguida, Vagner Love bateu e a bola passou pelo lado de fora da rede. Cabia a Gustagol salvar a equipe corintiana novamente. De volta após 22 dias, o camisa 19 aproveitou cruzamento de Clayson e concluiu para a rede. Está tudo em aberto para a quarta-feira.

FICHA TÉCNICA

FERROVIÁRIA 1×1 CORINTHIANS

Data-Hora: 24-03-19 – 19h
Estádio: Arena Fonte Luminosa, em Araraquara (SP)
Árbitro: Vinicius Furlan (SP) – Nota L!: 7,0 – Conduziu bem a partida. Acertou ao não dar pênalti para o Timão em lance no início do segundo tempo.
Assistentes: Alex Ang Ribeiro (SP) e Vitor Carmona Metestaine (SP)

Cartões amarelos: Henrique, Danilo Avelar (COR)

Gols: Diogo Mateus, 9/2º T (1-0), Gustagol, 43/2º T (1-1)

FERROVIÁRIA: Tadeu; Diogo Mateus, Rayan, Rodrigão e Arthur; Anderson Uchoa, Tony e Leo Arthur (Higor, 20/2º T); Diego Gonçalves (Uilliam, 35/2º T), Felipe Ferreira e Lúcio Flávio (Thiago Santos, 20/1º T). Técnico: Vinícius Munhoz

CORINTHIANS: Cássio (Walter, intervalo); Michel Macedo, Henrique, Manoel e Danilo Avelar; Júnior Urso, Ralf (Jadson, 26/2º T) e Sornoza; Pedrinho (Gustagol, 15/2º T), Clayson e Vagner Love. Técnico: Fábio Carille

 

Lance

 

 

Comentários

Tags : , ,

REDES SOCIAIS














INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627