Guia Eleitoral: Cássio volta a acusar desvio do Empreender; RC desmente denúncias e mostra beneficiados

Publicado em quarta-feira, outubro 22, 2014 ·

ricardo-e-cassioO Guia Eleitoral dos dois candidatos ao governo do estado desta quarta-feira (22) investiu num misto de propostas e denúncias. O guia de Cássio Cunha Lima (PSDB) reafirmou denúncias de desvios no programa Empreender Paraíba. Enquanto isso,  guia de Ricardo Coutinho (PSB) negou os desvios e mostrou vídeos com depoimentos dos beneficiados.

O programa de Cássio, reforçando denúncia que já havia sido veiculada no portal do candidato e em outro guia eleitoral, voltou a atacar o que considerou irregularidades no programa Empreender Paraiba.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O guia alegou que houve escolha de contemplados e fraudes para encobrir desvios de recursos. De acordo com a denúncia, foram fraudados endereços, onde pessoas de um cidade estavam recebendo como se morassem em outra. A cidade de Rio Tinto, localizada no Litoral Norte, é um desses municípios.

O microempresário José Antônio Ferreira, dono de uma pequena funerária na cidade, informou no guia como funcionaria a operação. Ele recebeu um financiamento de R$ 10 mil do Empreender, mas no endereço onde consta o contrato, está Rua Com Ventania, S/N, no município de Casserengue. Comprovante de domicílio falso, já que o empresário reside e manteria o negócio em Rio Tinto.

Segundo José Antônio, o presidente do PSB e coordenador do Orçamento Democrático de Rio Tinto, Fernando Naia, controla a liberação de todos os contratos e viabiliza a falsificação dos comprovantes de residência.

Outro caso seria de Simone Costa da Silva e o filho Felipe, proprietários de uma pastelaria, também receberam cheques no valor de R$ 2.042,82, cada um, se utilizando de endereços da cidade de Baia da Traição.

O Guia de Ricardo, que foi reprisado, rebateu as informações, informou que os comprovantes apresentados por José Antônio correspondem exatamente a cidade onde funciona a funerária. “Ele já fez três empréstimos e todas as notas de pagamento confirmam o endereço em Rio Tinto, mas numa atitude política tenta enganar a população”, frisou o apresentadora Dani Monteiro. O vídeo com o empresário mostra ele falando que está com Cássio e não vota mais em Ricardo.

Outro beneficiário do Empreender, Evaldo Gonzaga, teria sido enganado numa ligação telefônica. “Estava na minha casa e uma ligação tocou dizendo que era o pessoal do empreender. Eu vim aqui, porque eu fiquei indignado com o que fizeram com a minha pessoa. Eu assisti a gravação e vi que aquilo foi totalmente uma montagem”, informou.

A apresentadora também disse que o programa de Cássio acusou “levianamente Felipe e sua mãe, Simone da Costa, dona de uma pastelaria, de forjarem o programa que oferece crédito. Se apresentaram como funcionários do Empreender e filmaram escondidos. A própria Simone conta qual é a verdade dos fatos”.

“Meu filho acordou de manhã com uma pessoa chamando. Quando ele abriu a porta o rapaz se identificou como era uma pessoa do empreender. Me senti muito humilhada, porque eu sou uma trabalhadora, pago meus impostos em dia, sustento meus filhos com isso. A gente somos pessoas humildes. Como uma pessoa de Rio Tinto eu sou muito conhecida e sabem a minha luta. Passei muita dificuldade para chegar onde eu estou e queria que essa pessoa tivesse um coração bom.e não usasse de má fé, principalmente do meu filho, ele é um menino bom. Usasse a imagem dele para querer ganhar campanha”, desabafou Simone.

A empresária garantiu que não estava usando enderenço de outra cidade. “Eu tenho provas. Ali não é uma fraude”, pontuou.

Paulo Dantas

Comentários

Tags : , , , , , , ,

REDES SOCIAIS














INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627