Fiscais colocam trabalho em dia e culpam sistema informático por atraso nos atendimentos

Publicado em segunda-feira, novembro 28, 2011 ·

greve fiscoA greve do Fisco foi encerrada na sexta-feira passada (18), no Tribunal de Justiça da Paraíba, quando 10 desembargadores votaram pelo fim da greve enquanto apenas 3 eram a favor do movimento. O presidente do Sindifisco, Victor Hugo, disse que a categoria já colocou em dia o serviço que ficou acumulado durante a paralisação e que os fiscais enfrentam outro problema.

Victor Hugo declarou que o sistema de informática com o qual a categoria trabalha é precário e retarda muito o trabalho dos agentes. “Nós já levamos o problema ao conhecimento do pessoal da Codata e do secretário Luzemar Martins, mas não houve nenhuma resposta”, falou.

O presidente do sindicato explicou que, apesar do longo período da paralisação, não foi difícil colocar o trabalho em dia. “Durante a greve, nós atuamos com mais de 30% do pessoal, que é o mínimo exigido, por isso não foi acumulado muito serviço”, contou.

Durante a última semana da paralisação, o Sindicato das Empresas de Transportes de Carga do Estado da Paraíba (SETCEPB) estimou que cerca de R$ 25 milhões em mercadorias e 8 mil notas fiscais continuavam parados em caminhões lacrados na divisa da Paraíba com Pernambuco.

Pedro Callado

Paraíba.com.br

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627