Finlandeses mortos: Consulado pede para não divulgar nomes; homem é investigado

Publicado em domingo, dezembro 4, 2011 ·

finlandesesO delegado que investiga a morte de três finlandeses cujos corpos foram encontrados na manhã desta sexta-feira (2) em um canavial no município de Pitimbu, no Litoral Sul do Estado, Rodolfo Santa Cruz, disse neste sábado (3) que confirmou as identidade dos estrangeiros no Consulado finlandês e que o órgão pediu para que os nomes deles fossem preservados.

Ontem, um homem encontrado na casa onde estariam hospedados os finlandeses em Jacumã, no município do Conde, foi detido para prestar esclarecimentos.

Ele disse em entrevista ao repórter Emerson Machado, da TV Correio, que comprou a casa que pertenceria aos finlandeses há cerca de nove meses e que os três estariam na Paraíba desde o último dia 25, a passeio.

O homem de prenome Alexandre disse, ainda, a Emerson que teria deixado os finlandeses por volta das 13h da última quarta-feira (1º) na Rodoviária de João Pessoa, de onde eles embarcariam de ônibus para Recife, Capital de Pernambuco.

Informações colhidas por Emerson Machado dão conta de que Alexandre seria argentino, mas o delegado Rodolfo Santa Cruz disse que as informações sobre ele ainda estão sendo checadas.

O delegado confirmou no entanto que o homem tem passagem pela Polícia e havia cumprido pena de sete anos por tráfico de drogas.

Os peritos que estiveram na casa disseram que as marcas de sangue encontradas são de mais de um dia. Eles disseram também que tudo estava em ordem no imóvel e a residência estava em ‘perfeito alinhamento’.

Morador – Um morador do local que não quis se identificar disse ao repórter Émerson Machado que teria ouvido seis disparos no início da manhã da sexta-feira. Ele afirmou ainda que não conhecia o homem que estava na casa.

O morador disse, ainda, que uma das mulheres seria esposa do finlandês e a outra uma aluna ou filha, ele não sabia ao certo.

O casal de finlandês morava há muito tempo na localidade, segundo o morador, e teria construído a casa.

Ele disse ainda que fazia mais de três meses que os finlandeses não eram vistos por lá.

Luciana Rodrigues/Portalcorreio

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627