Ex-prefeito de Pombal, Dr. Verissinho, perde direitos políticos

Publicado em terça-feira, novembro 22, 2011 ·

07-Foto-do-solista-Rucker-BezerraO ex-prefeito de Pombal e ex-deputado estadual, Abmael Lacerda, mais conhecido como Dr.Verissinho (PMDB), teve os seus direitos políticos suspensos por cinco anos pela Justiça Federal, que também o condenou ao pagamento de uma multa de R$ 27 mil.

A decisão foi tomada pelo juiz da 8ª Vara Federal, Gilvânkim Marques de Lima, ao julgar procedente a ação civil pública por atos de improbidade administrativa, movida pela Advocacia Geral da União (AGU) contra o ex-gestor.

Além de Verissinho, também foram condenados na mesma ação, resultante de denuncias de irregularidades praticadas durante a gestão do peemedebista na Prefeitura de Pombal, solidariamente, Gilberto Ismael Lacerda, Anália Maria Oliveira Nóbrega e Rejane Dantas de Almeida Silva.

De acordo com a sentença do magistrado, da qual ainda cabe recurso junto ao Tribunal Regional Federal (TRF-5) da 5ª Região, todos os envolvidos foram condenados também ao ressarcimento integral dos prejuízos causados ao erário no valor de R$ 27.164,99 e o pagamento de multa no valor de 50% do prejuízo. “A multa aplicada aos réus será revertida em favor da União, ente lesado com as condutas ímprobas”, destaca a sentença.

A Justiça Federal determinou a intimação da União e do Ministério Público Federal para providenciarem a execução da obrigação de pagar quantias em dinheiro, mandou comunicar ao Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, acerca da suspensão dos direitos políticos dos réus e que providencie o cadastramento do processo no Cadastro Nacional de Condenações Cíveis por Ato de Improbidade Administrativa.

Adriana Rodrigues
Do Portal Correio
Focando a Notícia

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627