Estudante passa 25h nas mãos de sequestradores e é resgatado na PB

Publicado em sexta-feira, Março 16, 2012 ·

O estudante de 16 anos que foi sequestrado na quarta-feira (14) na frente de casa, em Campina Grande, no Agreste paraibano, foi resgatado pela polícia na noite desta quinta-feira (15). Segundo informações da Delegacia de Roubos e Furtos, o rapaz permaneceu sob custódia dos criminosos durante mais de 25 horas e não soube dizer onde foi mantido em cativeiro, uma vez que estava com os olhos vendados.

A polícia conseguiu resgatar o estudante depois que cercou o bairro onde o rapaz estava em cativeiro, conforme disse o delegado André Rabelo, que acompanhava as negociações. O delegado informou que os criminosos abandonaram o adolescente BR-104, estrada que dá acesso à cidade de Queimadas.

O delegado André Rabelo explicou que as negociações foram feitas com o objetivo de que a família não precisasse pagar o resgate pedido pelos sequestradores. “Eles pediram R$ 250 mil. Mas nada foi pago”, disse.

De acordo com a Polícia Civil, o garoto estava abatido e um pouco machucado porque reagiu no momento do sequestro. O rapaz deve prestar depoimento na Delegacia de Roubos e Furtos e auxiliar a polícia na procura pelos sequestradores.

Entenda o caso
O adolescente foi sequestrado na porta de casa, no bairro do Centenário em Campina Grande, na noite da quarta-feira (14). A informação foi divulgada pela Central de Operações da Polícia Militar (Copom) na manhã desta quinta-feira (15) e parentes do estudante fizeram apelos nas redes sociais para que os internautas avisassem caso encontrassem o garoto.

A família do estudante informou à polícia que ele foi levado por três homens, que chegaram à residência em um carro e chamaram pelo nome do rapaz. Ele teria sido colocado à força em um carro quando foi à calçada para atender o grupo.

G1 PB

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS


















INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627