Enxaguante bucal põe risco à saúde e é retirado do comércio

Publicado em quinta-feira, julho 21, 2011 ·

enchaguante bucal1A equipe de fiscalização do Procon de João Pessoa está recolhendo das prateleiras das farmácias o enxaguante bucal da marca Oral B. A ação foi motivada por um pedido de recall da empresa fabricante do produto Procter & Gamble, que informou que o enxaguante pode trazer risco a saúde dos consumidores.

Segundo informou a empresa, a constatação se deu após testes microbiológicos (cultura de bactéria) de qualidade, por amostragem, de alguns lotes dos produtos. Os sabores menta e hortelã, fabricados pelos Laboratórios Rety de Colombia S/A apresentaram níveis microbiológicos acima dos limites de controle estabelecidos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Isso pode causar risco ao sistema imunológico dos consumidores.

De acordo com o Procon-JP, a empresa deve reembolsar clientes que guardaram a embalagem do produto. No Brasil, os problemas ocorrem com as versões de 2 litros, 750ml e 500ml do enxaguante Oral-B.

Os problemas foram encontrados em produtos fabricados na Colômbia, pelo laboratório Rety. O consumidor pode verificar a origem da fabricação do antisséptico lendo no verso da embalagem. A P&G também está retirando do comércio o enxaguante em Países como: Estados Unidos, Colômbia, China, Canadá, Chile e México. A campanha não tem um prazo limite para ser encerrada.

www.joaopessoa.pb.gov

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627