Engenheiro elétrico morre ao cair do Jetski atingido por barco na praia de Camboinha

Publicado em segunda-feira, Janeiro 2, 2012 ·

LUTOO ano terminou com tragédia na família do engenheiro elétrico Edmundo Pereira de Assis, 50 anos, de Campina Grande, dono da empresa Prener, quando teve seu Jet ski, ontem, atingido por um barco na praia de Camboinha, em Cabedelo, tendo morte por afogamento.

Segundo depoimentos de amigos, o laudo do Instituto de Medicina Legal assinalou que a causa da morte de fato foi afogamento.Disseram ainda que o barco causador do acidente não prestou socorro ao empresário levando ao óbito.

O corpo do engenheiro foi velado durante toda a manhã em João Pessoa, na “Morada da Paz”,em Jaguaribe, mas o sepultamento se dará à tarde em Campina Grande, sua terra natal.

Quem era Edmundo de Assis era proprietário da empresa PRENER, genuinamente paraibana especializada em comercialização de materiais elétricos e serviços em engenharia elétrica.

A empresa foi fundada há 13 anos com intuito de trazer inovação ao mercado de engenharia elétrica. “Com intuito de atender completamente nossos clientes, além de uma loja com estoque diversificado e com os melhores fabricantes, capaz de atender tanto clientes residenciais como comerciais e industriais, criamos e desenvolvemos equipes de profissionais aptos a fornecer serviços de qualidade para complementar as necessidades de nossos clientes”, diz o portfolio da empresa.

Walter Santos
WSCOM Online

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627