Encontro da ONU termina destacando a importância de investir na juventude

Publicado em quarta-feira, julho 27, 2011 ·

JovensRepresentantes de organizações juvenis, de governos e da sociedade civil de diversos países participam do ‘Encontro de Alto Nível das Nações Unidas sobre a Juventude’, que tem como tema “Juventude: Diálogo e compreensão mútua”. A reunião, que faz parte das atividades do Ano Internacional da Juventude, está sendo realizada na sede da Organização das Nações Unidas (ONU) em Nova Iorque, Estados Unidos, e termina na terça (26). O objetivo foi o de discutir cooperação internacional e protagonismo juvenil.

Durante o evento o secretário geral da ONU, Ban Ki-moon, destacou o potencial dos jovens, à quem apelidou de ‘geração Facebook’, ressaltando a capacidade que eles têm de se mobilizar nas redes sociais e de promover mudanças na sociedade. “A geração Facebook está mostrando uma determinação crescente por mudar nosso mundo e uma capacidade para fazer que as coisas mudem”, afirmou.

Ban Ki-moon também pediu aos governantes que invistam mais nos jovens no sentido de dar mais oportunidades para uma vida digna à eles. Segundo Ban, a crise econômica e as medidas de austeridade aplicadas por vários países restringem as oportunidades para a juventude. “A comunidade internacional deve trabalhar para expandir os horizontes de oportunidades para os jovens e responder a suas legítimas demandas por um trabalho digno e decente. Não investir na juventude é criar uma economia falsa. Investir nos jovens terá consequência muito positivas para todos”, afirmou o representante máximo da ONU.

O representante da ONU também pediu à comunidade internacional e aos governos que protejam ‘as juventudes’ de discriminações, do tráfico de pessoas e de atos terroristas, como o atentado ocorrido na última sexta-feira (22), na Noruega, que matou cerca de 70 jovens em um acampamento.

Atividades como mesas redondas, plenárias e debates integraram os participantes deste encontro que foi idealizado durante a Assembleia Geral da ONU de março deste ano. Ao final do evento é esperada a aprovação de um documento que contenha algumas das principais necessidades para os jovens como a elaboração de estratégias para fornecer trabalho decente e mais oportunidades aos jovens.

O Encontro de Alto Nível acontece às vésperas do encerramento do Ano Internacional da Juventude, declarado pela Organização das Nações Unidas (ONU) em dezembro de 2009, para o período de agosto de 2010 a agosto de 2011. A proposta foi fortalecer a participação dos jovens em atividades e programas para o seu desenvolvimento e fortalecer também as políticas que beneficiam este segmento em cada país, com foco nas Metas do Desenvolvimento do Milênio.

Exemplo brasileiro


Com o apoio do Fundo de População das Nações Unidas (UFPA), a secretária de Juventude do Brasil, Severine Macedo, e o presidente do Conselho Nacional de Juventude (Conjuve), Gabriel Medina, levaram ao encontro experiências de programas voltados aos jovens brasileiros.

Em um evento paralelo, o e a representante brasileiro/a apresentaram o Programa Nacional de Inclusão de Jovens (Projovem), destinado a jovens de 18 a 24 anos para capacitação escolar e profissional, inclusão digital e auxílio financeiro; e o Programa Universidade para Todos (ProUni), que assegura o acesso ao ensino superior através de bolsas de estudo. Milhares de jovens brasileiros já foram beneficiados pelos programas.

Com informações de agências.

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627