SAÚDE

Dicas para ser mais saudável em 2020

Publicado em quarta-feira, fevereiro 12, 2020 ·

Já estamos em 2020 e o início de uma nova década traz com ele novas resoluções para melhorar, incluindo um estilo de vida mais saudável. Reunimos algumas importantes dicas para ser mais saudável neste ano e começar 2020 de maneira mais equilibrada.

  1. Tenha uma dieta saudável

Coma uma combinação de diferentes alimentos, incluindo frutas, legumes, verduras e grãos integrais. Os adultos devem comer pelo menos cinco porções (400g) de frutas e legumes por dia. Você pode melhorar sua ingestão de frutas e legumes incluindo vegetais em sua refeição; ou comendo frutas e vegetais frescos como lanches. Ao se alimentar de maneira saudável, você reduzirá o risco de desnutrição e de doenças como diabetes, doenças cardíacas, derrame e câncer.

  1. Consuma menos sal e açúcar

Os brasileiros consomem, em média, 9,4g de sódio por dia, o que é quase o dobro da quantidade recomendada pela Organização Mundial da Saúde e pode levar a pressão alta, além de aumentar o risco de doenças cardíacas e derrames. Reduza a ingestão de sal para 5g por dia, o equivalente a cerca de uma colher de chá. A maneira mais fácil de fazer isso é limitando a quantidade de sal, molhos e condimentos com alto teor de sódio ao preparar as refeições, evitar lanches salgados e escolher produtos com baixo teor de sódio.

Por outro lado, consumir quantidades excessivas de açúcar aumenta o risco de cárie dentária e ganho de peso prejudicial. Tanto em adultos como em crianças, a ingestão de açúcares livres deve ser reduzida para menos de 10% da ingestão total de energia, o equivalente a 50g ou cerca de 12 colheres de chá para um adulto. A OMS recomenda consumir menos de 5% da ingestão total de energia para obter benefícios adicionais à saúde. Você pode reduzir sua ingestão de açúcar limitando o consumo de lanches açucarados, doces e bebidas açucaradas.

  1. Seja ativo

Atividade física é definida como qualquer movimento corporal produzido pelos músculos que requer gasto de energia. Isso inclui exercícios e atividades realizadas enquanto você trabalha, se diverte, realiza tarefas domésticas, viaja e se dedica a atividades recreativas. A quantidade de atividade física necessária depende da sua faixa etária, mas os adultos entre 18 e 64 anos devem realizar pelo menos 150 minutos de atividade física de intensidade moderada ao longo da semana.

Aumente a atividade física de intensidade moderada para 300 minutos por semana para obter benefícios adicionais à saúde. Entre as atividades físicas recomendadas estão caminhadas e corridas com um medidor de distância para medir o seu progresso, yoga e exercícios funcionais.

  1. Reduza a ingestão de gorduras nocivas

As gorduras consumidas devem ser inferiores a 30% da ingestão total de energia. Existem diferentes tipos de gorduras, mas as gorduras insaturadas são preferíveis às gorduras saturadas e às gorduras trans. A OMS recomenda reduzir as gorduras saturadas para menos de 10% da ingestão total de energia; reduzir as gorduras trans para menos de 1% da ingestão total de energia e substituir as gorduras saturadas e gorduras trans por gorduras insaturadas.

  1. Não fume

O tabagismo causa doenças pulmonares, cardíacas e derrames. O tabaco mata não apenas os fumantes diretos, mas também os não fumantes por exposição passiva. O número de brasileiros fumantes caiu mais de 40% nos últimos dez anos, mas 9,3% da população ainda consome cigarros.

 

Fonte: Unsplash.com

 

 

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS














INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627