Descubra quais são as conversas que todo casal precisa ter para ser feliz

Publicado em quarta-feira, janeiro 21, 2015 ·

casalDe tão comuns, as discussões de relacionamento ganharam até um apelido, DRs, e a antipatia de muita gente por aí. No entanto, quando bem conduzidas, as conversas entre o casal são essenciais para o sucesso do relacionamento. Afinal, é impossível conviver ao lado de alguém sem ter papo direto sobre temas que fazem parte da vida amorosa, certo? Pois saiba agora quais são os assuntos que você precisa abordar com o seu/sua parceiro (a)!

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Estar com alguém não significa necessariamente namorar essa pessoa ou sonhar em manter um relacionamento mais sério. O problema acontece quando há um descompasso entre cada uma das partes do casal: enquanto um, por exemplo, só deseja curtir, o outro já imagina filhos e a velhice ao lado daquela pessoa. Para evitar a decepção com o plano alheio, é melhor abrir o jogo desde o começo, dizendo quais são suas reais intenções e questionando como seu “rolo” pretende conduzir a situação.

Dinheiro é comprovadamente uma das maiores causas de brigas entre casais de toda parte do planeta. Para não engrossar essa estatística, assim que sentir que a coisa realmente ficou séria, é hora de revelar ao parceiro detalhes de sua vida financeira, como salário, dívidas e hábitos de consumo. Ao não fazerem segredo desse tipo de informação, o casal evita mal entendidos e consegue planejar melhor desde aquela saída no fim de semana até passos maiores, como a compra de um imóvel.

Seja por moralismos ou apenas vergonha, muita gente não se sente à vontade para conversar sobre sexo em pleno século 21. Pois deixe essa “neurose” de lado: para sua própria felicidade, é importante contar a quem ama o que você gosta ou não na cama, incentivando o outro a também revelar suas preferências sem medo de julgamentos. Sabendo como agradar ao parceiro, o casal vai conseguir uma enorme sintonia que se refletirá até no dia a dia.

Com o passar do tempo, o assunto “filhos” certamente vai aparecer na vida do casal, seja por iniciativa própria ou pressão de parentes e amigos. Hoje em dia, é perfeitamente aceitável que alguém não queira ter herdeiros, mas tal escolha pode causar um enorme abalo se o outro sonhar com uma (ou mais) criança (s) pela casa. Lembre-se: o debate não deve se restringir somente à quantidade de filhos, mas também quando tê-los e qual a melhor maneira de educá-los.

Apesar de qualquer casal ser composto por apenas duas pessoas, é impossível não ser influenciado por gente à nossa volta, especialmente parentes e amigos. E, infelizmente, nem sempre a relação entre as partes é das melhores, com pequenas brigas, implicâncias e problemas, um prato cheio para situações constrangedoras nem sempre evitáveis. Para que isso não se transforme em algo que vá prejudicar sua relação, deixe para seu/sua amado (a) qual sua opinião sobre quem lhes rodeiam, de maneira que ambos possam chegar a uma forma de conduzir a situação sem traumas.

Se algo não tem agrada no parceiro, procure levar um papo com ele sobre isso, sempre prezando pela gentileza e educação. Amor é diferente de “engolir” qualquer atitude e a maneira mais fácil de evitar um stress desnecessário é deixar bem claro o que lhe irrita para que o outro evite esse tipo de situação. Não fique remoendo nada: tal conversa deve acontecer sempre que você sentir necessidade.

R7

Comentários

Tags : , , ,

REDES SOCIAIS














INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627