CRISE

Deputado sugere que eleitores apedrejem político que usa água como moeda de troca por voto na Paraíba

Publicado em quarta-feira, agosto 4, 2021 ·

A crise hídrica na Paraíba foi tema abordado pelo deputado estadual, Moacir Rodrigues, em sessão virtual da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) nesta quarta-feira (3). O parlamentar destacou 18 cidades que vivem o caos da falta de água, e sugeriu que a população apedreje os políticos que tentem trocar água por voto.

Em sua fala, ele disse que a indústria da seca deve ser abolida com investimentos que assegurem água nas torneiras das casas do povo paraibano. Para o parlamentar, a situação é secular e não muda, pela falta estrutura, investimentos no segmento.

“Nós precisamos de um plano que assegure água na torneira da população. Precisamos acabar com a indústria da seca. Você que tem um político que pega seu voto e troca por água, jogue pedra nele. A água está sendo moeda de troca de voto”, disse.

“Uma barragem com 4 milhões de metros cúbicos é uma barragem muito pequena. Hoje, o Brejo vai depender da barragem de Araçagi que já é de médio porte. Fui conhecer a barragem do Castanhão, com 6 bilhões de metros cúbicos, uma obra grandiosa, cabem todas as barragens da Paraíba e ainda sobra a metade”, analisou.

“Uma preocupação que eu venho levantando, mas não tem eco, é com a questão da transposição. O governo do Estado precisa assinar o convênio, para que a transposição tenha continuidade. Se o Brejo está sem água, muito mais sem água está o Cariri, Curimataú. A região de Pocinhos, Areal, diversas empresas cancelaram convênios com os produtores de frango por falta de água. O Ceará fez o cinturão das águas, uma belíssima obra, não está concluída, mas leva água para qualquer região, e olhe que é um estado muito grande”, explicou.

 

clickpb

 

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco







Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627